Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,169
Bovespa 65.099,55
CDI 10,14% a.a
Poupança 0,5461%
Euro R$ 3,679
Libra R$ 4,118
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do Dólar Hoje e Euro hoje


Câmbio – Cena política dita rumos do dólar comercial


São Paulo, 10/05 (Enfoque) –

O dólar comercial teve na jornada de ontem um dia de fortes emoções. Na parte final da manhã, o presidente interino da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão, anunciou a anulação da votação do impeachment na casa. Com isso, a divisa teve um salto, chegando a subir mais de 5%. No entanto, com o passar do tempo, o prosseguimento normal do processo no Senado, a divisa perdeu força e fechou com alta de 0,5% a R$ 3,5250.

Cenário Externo

A agenda desta terça-feira é mais uma vez marcada pela ausência de indicadores de destaque, o que faz com que as atenções dos analistas estejam voltadas para outros mercados e também para dados, como o das vendas do varejo, que serão divulgados apenas na sexta-feira.

Cenário Interno

A tendência do mercado é bastante incerta. Depois de toda a confusão de ontem, no começo da madrugada o presidente da Câmara revogou a decisão que anulava a votação do impeachment. Com isso, não deve haver impedimentos para a continuidade do processo. O cenário externo positivo deve ajudar a uma queda da divisa.   

Swap

O Banco Central mais uma vez não agendou previamente os leilões de swap cambial para esta segunda-feira, o que dá a entender ao mercado que a autoridade monetária está satisfeita com o atual nível da divisa.

Reserva Cambial

O BC divulgou na tarde de quarta-feira que as reservas cambiais brasileiras foram para US$ 376,416 bilhões no dia 6 de maio, sendo que no dia anterior o resultado havia sido de US$ 376,301 bilhões.

 

(por Gabriel Codas)


Fonte: Enfoque
Publicado em: 10/05/2016 08:19:06

LATAM - Ofertas Brasil - Finance One

Câmbio – Cena política dita rumos do dólar comercial


São Paulo, 05/04 (Enfoque) –

O dólar comercial encerrou a jornada de segunda-feira com forte alta de 1,0% a R$ 3,6030, em um dia marcado pelo pessimismo dos investidores com um entendimento que o impeachment de Dilma Rousseff está mais distante em meio a um cenário político incerto.

Para hoje, os investidores devem seguir a mesma tendência de ontem, em um cenário incerto no campo político. Ontem foi o dia da defesa de Dilma na comissão do impeachment e, agora, a expectativa é para a divulgação do relatório da comissão.

 

Cenário Externo

A agenda desta terça-feira é mais uma vez fraca, com poucos indicadores na agenda. Destaque para a balança comercial e o ISM Services. No entanto, as atenções dos analistas estão voltadas para a divulgação da ata do Fomc, que será na tarde de quarta-feira.

Cenário Interno

O cenário político segue ditando o ritmo do mercado, com os analistas de olho nos desdobramentos do impeachment de Dilma Rousseff. As negociações do governo para manter uma base que garanta a presidente no poder faz com que a divisa mantenha a volatilidade.

Swap

O Banco Central anunciou que irá realizar leilão de swap cambial reverso, com oferta de até 5,96 mil contratos de abril, com vencimentos em julho e outubro de 2016. A operação acontece entre 9:30 e 9:40.

Além disso, irá realizar também leilão para efeito de rolagem de contratos de swap cambial, oferecendo até 5,5 mil contratos de maio, com vencimentos em fevereiro e abril de 2017. A operação está marcada das 11:30 às 11:40.

O Banco Central conseguiu vender novamente a oferta integral dos swaps tradicionais para rolagem. Com isso, repôs ao todo o equivalente a US$ 536 milhões, ou cerca de 5% do lote do mês que vem, que corresponde a US$ 10,385 bilhões. O BC rolou aproximadamente 67% do lote de abril, após promover sete rolagens integrais consecutivas.

(por Gabriel Codas)


Fonte: Enfoque
Publicado em: 05/04/2016 08:14:01

CVC - Hoteis - Finance One

Mais lidos

Bolsas de NY fecham em alta, com S&P 500 e Nasdaq em novas máximas
SÃO PAULO  -  O foco nos resultados corporativos do segundo trimestre dominou os negócios nesta ...
Recuperação no exterior faz dólar ter maior alta do mês frente ao real
SÃO PAULO  -  O dólar deu sequência ao ajuste recente e fechou em alta pelo terceiro pregão co...
Ibovespa sobe pelo terceiro pregão puxado por commodities
SÃO PAULO  -  A alta no preço das commodities fez com que o Ibovespa marcasse o terceiro pregão...
Receio sobre meta fiscal pressiona contratos longos de juros futuros
SÃO PAULO  -  As renovadas preocupações com a situação fiscal brasileira e a condução da po...
Ibovespa avança com alta de minério e petróleo; dólar passa de R$ 3,17
SÃO PAULO  -  A bolsa de valores brasileira termina a primeira etapa do expediente desta terça-f...
Ibovespa tem alta sustentada por Vale, siderúrgicas e Petrobras
SÃO PAULO  -  A bolsa de valores brasileira opera no terreno positivo nesta terça-feira, sustent...

Publicidade