Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,148
Bovespa 64.684,18
CDI 10,14% a.a
Poupança 0,5195%
Euro R$ 3,663
Libra R$ 4,099
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do Dólar Hoje e Euro hoje


Juros futuros viram e caem com ajuste externo na véspera de IPCA

SÃO PAULO  –  Os juros futuros abandonaram as altas de mais cedo e chegaram ao fim da tarde desta quinta-feira em quedas moderadas, conforme no exterior os “yields” (retorno ao investidor) de títulos soberanos de países centrais perderam fôlego.

Lá fora, o tema redução de estímulos monetários segue como preponderante. Hoje, a ata da última reunião de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) mostrou que a instituição pode estar aberta a abandonar sua promessa de injetar liquidez no sistema financeiro via compra de bônus.

Pela manhã, essa sinalização puxou com mais força os “yields” em todo o mundo, inclusive no Brasil. Mas à tarde o movimento perdeu força, abrindo espaço para uma realização de lucros que colocou os DIs em trajetória de baixa, num dia de forte discussão em torno da possibilidade de o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), estar em campanha já prevendo substituir Michel Temer na Presidência da República.

Operadores disseram que os rumores ainda não afetaram os preços, mas admitiram que, dada a grave situação do governo Temer, uma troca de comando poderia dar algum alento à perspectiva de aprovação das reformas econômicas.

Especialmente nas taxas mais curtas, o fator “política monetária” segue ativo. Permanece a ideia de que a incerteza política tem poder de alongar o processo de retomada econômica, o que manteria pressões deflacionárias e daria espaço para o Banco Central seguir cortando os juros. O IPCA de junho, a ser divulgado amanhã, poderá endossar essa percepção.

Ao fim do pregão regular, às 16h, o DI janeiro/2018 caía a 8,795% (8,810% no ajuste anterior). O DI janeiro/2019 cedia a 8,730% (8,760% no último ajuste). 

O DI janeiro/2021 recuava a 9,950% (9,980% no ajuste de ontem). O DI janeiro/2023 marcava 10,470% (10,500% no ajuste anterior). E o DI janeiro/2025 operava estável a 10,720%.

Fonte: Valor Econômico

CVC - Hoteis - Finance One

Mais lidos

Dólar tem segunda alta seguida, mas segue abaixo de R$ 3,15
SÃO PAULO  -  O dólar começou a semana em leve alta, mas ainda abaixo do patamar de R$ 3,15. O ...
Ibovespa sobe com ganho de ações de commodities
SÃO PAULO  -  A alta no preço das ações de commodities fez com que o Ibovespa fechasse em alta...
Juros futuros ficam perto da estabilidade, em dia de baixo volume
SÃO PAULO  -  O mercado de contratos de juros futuros teve um dia fraco nesta segunda-feira, a ca...
Dólar sobe a R$ 3,15 à espera do Fed; Ibovespa avança com construtoras
SÃO PAULO  -  O dólar volta a subir nesta segunda-feira, estendendo a correção técnica da ses...
Construtoras e setor de commodities sustentam alta do Ibovespa
SÃO PAULO  -  A bolsa de valores brasileira opera em leve alta nesta segunda-feira, embalada pela...
Juros futuros operam perto da estabilidade de olho em agenda da semana
SÃO PAULO  -  Os juros futuros operam bem próximos da estabilidade nesta segunda-feira. Os venci...

Publicidade