Dow Jones e SP500 recuam devido a resultados negativos

Os principais índices do mercado acionário norte-americano operam em queda desde sua abertura nesta segunda-feira devido aos resultados negativos divulgados no país.
 
Os consumidores dos Estados Unidos tiveram em março aumento de 0,3% nas despesas, após expressiva alta de fevereiro. Já a renda pessoal avançou 0,4%.

O mercado estimava que a renda avançasse 0,3% e os gastos 0,4%. Como os rendimentos tiveram alta maior que os gastos, a taxa de poupança pessoal subiu de 3,7% para 3,8%, apesar de ser um patamar baixo para um período pós-recessão.
O Chicago PMI teve um resultado abaixo da expectativa (que já era de queda) em abril, registrando 56,1 pontos ante 62,2 em março.
 
Apesar do fraco resultado, o índice ainda indica crescimento da economia. O resultado só passaria a ser realmente negativo se estivesse abaixo dos 50 pontos.
 
o índice do Fed de Dallas divulgado nesta segunda-feira apresentou quedas acentuadas. 
 
O índice que mede a atividade da região caiu
 para -3,4 pontos após uma leitura de 10,8 pontos em março. A produção também registrou uma grande queda de 11,1 em março para 5,6 em abril.

 

No início desta tarde, o índice Dow Jones recuava 0,24% com 13.197 pontos, ao passo que o SP500 caia 0,47% aos 1.396,72 pontos.

 

Confira os gráficos:

 

 



Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 12:12:40

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Promo Verão - Finance One
CVC - Hoteis - Finance One

Cerca de 2,2 milhões de contribuintes ainda não entregaram declaração do IRPF

Balanço da Receita Federal aponta que até as 10h de hoje (30), último dia do prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física, 2,237 milhões de contribuintes (9% do total estimado) ainda não haviam acertado as contas com o Fisco. Até o momento, 22,763 milhões de declarações foram entregues. De acordo com o supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, o maior volume de entrega deve ser registrado à tarde das 14 às 18h,
“Com base nos outros anos, esse horário tem uma grande demanda. Acho, no entanto, que durante todo o dia teremos um volume muito grande de entregas. Mas a Receita está preparada para receber todas as declarações que faltam até o prazo”, disse.
O contribuinte que perder o prazo só poderá enviar a declaração a partir das 8h do dia 2 de maio quando receberá a notificação da multa pelo atraso. O contribuinte tem até as 23h59min59s (horário de Brasília) para fazer a entrega pela internet. Se optar por entregar a declaração em disquete de computador deve ir a uma agência da Caixa ou do Banco do Brasil dentro do horário de atendimento bancário. A multa mínima por atraso na entrega da declaração é R$ 165,74.
Após o prazo, o contribuinte não poderá optar pela entrega em disquetes de computador nas agências bancárias. De acordo com a Receita, só serão aceitas declarações enviadas pela internet ou em mídia removível (pendrive, disquete, disco rígido externo etc) nas unidades de atendimento da Receita Federal
O programa gerador da declaração está disponível na página da Receita na internet. O contribuinte também deve baixar o Receitanet, aplicativo para transmissão dos dados, no mesmo endereço.
Um tutorial na página da Receita Federal pode auxiliar o contribuinte a preencher a declaração. No siteainda é possível encontrar uma lista de perguntas e respostas para tirar as dúvidas mais frequentes.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 11:21:12

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
LATAM - Destinos Nacionais - Finance One

EUA: Renda do trabalhador avança 0,4% e gastos sobem 0,3% em março

Os consumidores dos Estados Unidos tiveram em março aumento de 0,3% nas despesas, após expressiva alta de fevereiro. Já a renda pessoal avançou  0,4% na pesquisa divulgada nesta segunda-feira pelo Departamento de Comércio do país.

O mercado estimava que a renda avançasse 0,3% e os gastos 0,4%. Como os rendimentos tiveram alta maior que os gastos, a taxa de poupança pessoal subiu de 3,7% para 3,8%, apesar de ser um patamar baixo para um período pós-recessão.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 09:38:05

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
LATAM - Ofertas Brasil - Finance One

EUA: Renda do trabalhador avança 0,4% e gastos sobem 0,3% em março

Os consumidores dos Estados Unidos tiveram em março aumento de 0,3% nas despesas, após expressiva alta de fevereiro. Já a renda pessoal avançou  0,4% na pesquisa divulgada nesta segunda-feira pelo Departamento de Comércio do país.

O mercado estimava que a renda avançasse 0,3% e os gastos 0,4%. Como os rendimentos tiveram alta maior que os gastos, a taxa de poupança pessoal subiu de 3,7% para 3,8%, apesar de ser um patamar baixo para um período pós-recessão.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 09:37:58

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
LATAM - Destinos Nacionais - Finance One

Expectativa – Renda Pessoal e Gasto do Consumidor: +0,3% e +0,4% em março

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos informa dentro de instantes os dados do índice de Renda Pessoal e Gastos do Consumidor referente ao mês de março. O mercado estima que a renda tenha aumentado 0,3% no período, ante resultado anterior de 0,2%. Já as despesas têm aposta de 0,4%, contra 0,8% de fevereiro.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 09:15:14

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
CVC - Hoteis - Finance One

PAC da Mobilidade vai beneficiar duplamente o trabalhador, destaca Dilma

Na véspera do Dia do Trabalho, a presidenta Dilma Rousseff disse que o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para a área de mobilidade urbana nas grandes cidades vai beneficiar duplamente os trabalhadores: pela melhora nas condições de deslocamento no dia a dia e pelos empregos que os investimentos devem gerar.
No programa de rádio, Café com a Presidenta, Dilma disse que o programa, anunciado na semana passada, terá como investimento R$ 32,7 bilhões, que serão gastos na construção e ampliação de metrôs, na implantação de veículos leves sobre trilhos (VLTs). Serão construídos ainda corredores exclusivos de ônibus e estações e terminais de integração.
“Esse é um primeiro passo. É uma primeira grande iniciativa para a gente enfrentar o problema da quantidade de horas que as pessoas permanecem dentro de um transporte para ir ao trabalho, a casa ou à escola”, destacou.
O programa vai beneficiar 53 milhões de pessoas em todo o país. A maior parte dos investimentos será feita em metrôs e em outros tipos de transporte sobre trilhos. “Ele vai mais rápido e leva mais passageiros de uma só vez, e é muito pouco poluente”, disse a presidenta. “Reduzir o tempo no trânsito significa dar condições para essas pessoas aproveitar as horas que não estão dentro do transporte para estudar, descansar, ficar com a família. E isso é que se chama qualidade de vida”, completou.
Além disso, com o aumento das encomendas de cimento, de trens, ônibus e outros equipamentos, as obras deverão impulsionar a economia do Brasil. “Tudo isso vai criar uma dinâmica virtuosa na nossa economia – as empresas produzem mais, geram mais emprego, geram mais renda e, com isso, a roda da economia e do bem-estar da população gira em conjunto”, afirmou a presidenta.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 09:00:39

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
LATAM - Ofertas Brasil - Finance One

Termina hoje prazo para entrega da declaração do IRPF

O prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012 termina hoje às 23h59min59s (horário de Brasília) na internet. Quem fizer a opção de entregar a declaração em disquete de computador deve ir a uma agência da Caixa ou do Banco do Brasil dentro do horário de atendimento bancário. A multa mínima por atraso na entrega da declaração é R$ 165,74.
O programa gerador da declaração está disponível na página da Receita na internet. O contribuinte também deve baixar o Receitanet, aplicativo para transmissão dos dados, no mesmo endereço.
Um tutorial na página da Receita Federal pode auxiliar o contribuinte a preencher a declaração. No siteainda é possível encontrar uma lista de perguntas e respostas para tirar as dúvidas mais frequentes.
Até as 17h de ontem (5), balanço da Receita Federal indicava que 3,2 milhões de contribuintes ainda não haviam acertado as contas com o Fisco.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 08:48:37

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

MercadoPago-01-300x250_cheio-Finance-One
LATAM - Ofertas Brasil - Finance One

Balanço da Receita mostra que 3,2 mi de contribuintes ainda não entregaram a declaração

Último balanço da Receita Federal mostra que 3,206 milhões de contribuintes ainda não acertaram as pendências com o Fisco. Até as 17 horas de ontem, 21,794 milhões tinham enviado a declaração – aproximadamente 87,17% do total estimado para este ano (25 milhões). Foram 524 mil declarações a mais do que o balanço das 9h, quando a Receita registrou 21,27 milhões de declarações enviadas.
O prazo para a entrega começou no dia 1º de março e termina hoje (30). A multa pelo atraso na entrega é R$ 165,74. Se o contribuinte estiver em dívida com o Fisco, poderá ser penalizado em até 20% do imposto devido, com o risco de ter o número do CPF suspenso. Caso tenha restituição, a multa será deduzida da restituição.
O programa gerador da declaração está disponível na página da Receita na internet. O contribuinte também deve baixar o Receitanet, aplicativo para transmissão dos dados, no mesmo endereço. A declaração pode ser enviada pela internet ou entregue em disquetes de computador nas agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, sempre respeitando o horário de atendimento das agências.
Um tutorial na página da Receita Federal pode auxiliar o contribuinte a preencher a declaração. No siteainda é possível encontrar uma lista de perguntas e resposta para tirar as dúvidas mais frequentes.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
30/04/2012 07:31:40

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

MercadoPago-01-300x250_cheio-Finance-One
LATAM - Ofertas Brasil - Finance One

Queda de juros já influencia desejo de compras dos brasileiros, aponta CNI

(Agência Brasil) Os brasileiros querem aumentar as compras de bens de maior valor nos próximos meses, segundo o Índice Nacional de Confiança do Consumidor (Inec) divulgado hoje (27) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que registrou em abril uma elevação de 1,5% nesse indicador, com relação a março. O ânimo é explicado pela entidade como conseqüência da redução das taxas de juros pelos bancos oficiais e instituições financeiras.
A pesquisa foi realizada entre os dias 12 e 16 deste mês, pouco depois de iniciado o ciclo de redução das taxas de juros pelas instituições financeiras, o que permitiu a conclusão sobre a influência desse fato na disposição dos consumidores, segundo analistas da CNI. Foram realizadas 2.002 entrevistas para a composição do Inec anunciado hoje.
A alta de 1,5% no indicador de compras de bens de maior valor ajudou o Inec a se manter quase estável no mês, com ligeira queda de 0,2% ante o mês anterior. Com relação ao endividamento do brasileiro, segundo a pesquisa da CNI, houve queda de 1,7% nesse indicador (o que indica piora no endividamento) na comparação com o mês anterior, e um aumento de 0,7% na comparação com abril de 2011.
Segundo o Inec de abril, as expectativas em relação à inflação tiveram uma melhora de 0,5% em relação a março e de 5,9% na comparação com abril do ano passado. A expectativa quanto ao desemprego também melhorou, tendo subido 2,6% em relação ao mês anterior.
Por outro lado, as expectativas quanto à renda pessoal, à situação financeira e ao endividamento pioraram, de acordo com a pesquisa. No indicador de expectativa de renda pessoal, a queda foi de 2,4% ante março, ainda que esteja melhor do que abril de 2011, com um aumento de 0,7%. Em relação à situação financeira, houve queda de 1,1% em relação a março e de 0,9% em relação a abril de 2011.
De acordo com a CNI, o Inec tem mostrado estabilidade desde meados do ano passado, alternando entre altas e quedas moderadas.  Em abril, o indicador ficou em 113 pontos, ante 113,2 pontos em março e 112 pontos em abril do ano passado. Ao longo desse tempo, variou entre a mínima de 111,8, em junho passado, e 113,6, em janeiro deste ano.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
27/04/2012 13:54:39

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

CVC - Caribe - Finance One
CVC - Hoteis - Finance One

Ministro prevê que tecnologia 4G será mais cara, mas vai baratear serviços atuais

Os preços dos serviços de tecnologia de quarta geração para a internet móvel (4G) deverão ser um pouco mais altos do que os das tecnologias oferecidas atualmente, mas não poderão ser exorbitantes. A avaliação é do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que participou hoje (27) da divulgação dos preços do leilão da faixa de frequência de 2,5 giga-hertz (GHz), que será destinada à tecnologia 4G.
“Não pode ser muito diferente do que é hoje, senão as pessoas não vão mudar para a nova tecnologia. Se for um preço exorbitante, as pessoas vão preferir ficar. O que eu tenho lido é que o 4G vai ser um pouco mais caro e consequentemente vai baixar o 3G. A tendência é que, quem tem poder aquisitivo, vai querer migrar imediatamente para o 4G, que tem um serviço até dez vezes mais rápido”, destacou o ministro.
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) espera arrecadar pelo menos R$ 3,85 bilhões com o leilão da faixa de frequência de 2,5 giga-hertz (GHz), destinada à telefonia de quarta geração, marcado para o dia 12 de junho. Esse é o valor esperado se todos os lotes forem vendidos. No total, serão leiloados seis lotes, e o vencedor será aquele que oferecer o maior preço pela outorga de cada um deles.
Paulo Bernardo acredita que haverá uma concorrência acirrada no leilão. “Pelo interesse que as empresas têm demonstrado, pelas características do mercado brasileiro e pela forma como foi montado o leilão, não temos dúvida de que vai ter uma disputa acirrada, principalmente nos lotes nacionais, com certeza todos serão vendidos.”
O presidente da Anatel, João Rezende, também acredita na concorrência, tanto para o leilão da faixa de 2,5 GHz como para o da faixa de 450 mega-hertz (MHz), que servirá para ampliar a cobertura dos serviços de telefonia móvel e internet na área rural e que também será leiloada. “O Brasil é um mercado que tem competitividade e é o mais seguro hoje para atração de investimentos, porque as condições favorecem, inclusive com o crescimento da renda da população”.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
27/04/2012 12:38:51

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

Mercado-Pago-02-300x250_parcelado-Finance-One
LATAM - Ofertas Brasil - Finance One