Ainda sob pressão da crise europeia, bolsas fecham semana em alta | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,256
Euro R$ 4,011
Bitcoin R$ 34.990,00
Bovespa 74.538,54
CDI 8,14% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 4,552
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Ainda sob pressão da crise europeia, bolsas fecham semana em alta

Depois de um início de mês bastante tumultuado, com as bolsas de todo o mundo despencando com a crise grega, a semana começou com tranquilidade nos mercados financeiros. Tudo por conta de um pacote de 750 bilhões de euros anunciados pelos países da União Européia para proteger a economia de seus membros.

Além disso, economias vistas como possíveis vítimas de uma crise semelhante à grega se anteciparam e anunciaram cortes bilionários nos gastos. Foi o que aconteceu inicialmente com a Espanha e no dia seguinte com Portugal. Essas medidas serviram para tranqüilizar o mercado.

Outra preocupação dos investidores durante a semana foi com a questão política no Reino Unido. A derrota do trabalhista Gordon Brown fez com que o primeiro-ministro renunciasse ao cargo. Com isso, os conservadores voltaram ao poder após mais de uma década.

Porém, na sexta-feira os mercados voltaram a operar pressionados por conta da crise grega.


Mercado Interno

Por aqui, o destaque fico para a expectativa do forte crescimento da economia brasileira em 2010. Alguns economistas e bancos chegam a apostar em avanço de 7%. No relatório Focus, divulgado pelo Banco Central na segunda-feira, a projeção é de alta de 6,26%. Com isso, o governo já anunciou corte de quase R$ 10 bilhões no orçamento.

Ainda no Focus, houve uma nova projeção do resultado do IPCA para o final do ano. A inflação oficial já se distanciou do centro da meta. No caso do dólar e da Selic, os dados ficaram praticamente inalterados em relação à pesquisa anterior.

Entre os índices de inflação, destaque para a primeira parcial do IGP-M, que avançou no início de maio para 0,47%, contra resultado de 0,27% registrado no mesmo período de abril. Com isso, a índice que corrige a maior parte dos contratos de aluguel segue em elevação. Outra prévia do indicador, o IGP-10, teve variação de 1,10%.

Com esse cenário, o principal índice da bolsa paulista, o Ibovespa, acumulou ganhos de 0,8% na semana e encerrou aos 63.412 pontos. Confira o comportamento do índice no gráfico de longo prazo, além das maiores altas, baixas e as ações mais negociadas da semana:

Maiores Altas

Ativo

Código

Último

Variação

VIVO

VIVO4

49,60

15,11%

TIM PART S/A

TCSL3

6,63

14,51%

BMFBOVESPA

BVMF3

11,51

12,09%

TELEMAR

TNLP3

32,99

11,45%

TIM PART S/A

TCSL4

4,79

10,88%


Maiores Baixas

Ativo

Código

Último

Variação

B2W VAREJO

BTOW3

33,43

-8,41%

BRASKEM

BRKM5

11,40

-6,40%

LLX LOG

LLXL3

7,10

-5,59%

CYRELA REALT

CYRE3

19,10

-4,45%

COPEL

CPLE6

34,10

-3,94%


Mais Negociadas

Ativo

Código

Último

Volume

Segmento

VALE

VALE5

R$ 42,39

3.087.314.112,00

Minerais Metálicos

PETROBRAS

PETR4

R$ 30,09

2.105.110.048,00

Exploração e/ou Refino

OGX PETROLEO

OGXP3

R$ 15,49

1.681.707.264,00

Exploração e/ou Refino

BMFBOVESPA

BVMF3

R$ 11,51

1.295.896.912,00

Serviços Financeiros Diversos

GERDAU

GGBR4

R$ 25,80

592.551.272,00

Siderurgia


Cenário Externo

A semana foi fraca de indicadores da economia americana. Com isso, a crise enfrentada pela Grécia e os esforços da União Europeia para evitar um contágio estiveram na pauta dos investidores dos EUA.

Os números mais importantes da economia americana foram divulgados somente na sexta-feira. As vendas no varejo, por exemplo, apresentaram ganho de 0,4%, superando as expectativas. A produção industrial também ficou acima do esperado, subindo 0,8% em abril.

No caso da confiança do consumidor, no levantamento elaborado pela Universidade de Michigan e pela agência de notícias Reuters, o indicador subiu para 73,3 pontos em maio, após fechar abril com 72,2 pontos.

Em Wall Street, mesmo com uma sessão de perdas, os principais índices encerraram a semana em alta. O Dow Jones avançou 2,3 % aos 10.620,8 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 2,3% aos 1.135,78 pontos. Confira os gráficos:

Mercado Cambial

Apesar da semana de volatilidade, o dólar comercial encerrou o período com queda de 2,5%. No entanto, a divisa americana ganhou na última sessão 1,52% e permaneceu acima do patamar de R$ 1,80. No final da sexta-feira, o moeda era negociada a R$ 1,804 para a venda e R$ 1,802 para a compra. Confira o gráfico:



Fonte: Enfoque Informações
Financeiras
Ltda.


Recebido em:
14/05/2010 17:18:11

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras







Mais lidos

Blockchain: o que é e como funciona
Provavelmente você já ouviu falar em Blockchain por causa das moedas digitais. Mas, afinal, o que ...
Como ganhar dinheiro com renda fixa?
Os investimentos em renda fixa costumam ser para um perfil de investidor mais conservador. Geralment...
10 criptomoedas além do Bitcoin que você precisa conhecer
Você já deve ter escutado algo sobre Biticoin. As criptomoedas estão revolucionando o mercado fin...
Índices da bolsa de valores que você precisa conhecer
Se você está pensando em investir na bolsa, mas não sabe por onde começar, entender os termos e ...
Inteligência Artificial: é possível aplicar no mercado financeiro?
A inteligência artificial é uma realidade cada vez mais presente no mercado financeiro. As chamada...
Técnicas para melhorar a produtividade no trabalho
A produtividade no trabalho é algo cada vez mais cobrado pelas empresas. Aquelas que estabelecem um...




Publicidade