Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Latam - Ofertas Imperdíveis

Aprenda a se beneficiar com a queda do juros/Selic

Escrito por: Redação em 13 de novembro de 2017

Aprenda a se beneficiar com a queda do juros/Selic

Em meio a crise e a recessão na economia do país, veja as melhores formas de tentar tirar aproveito com a taxa de juros caindo.

A diminuição do valor Selic (Sistema Especial de Liquidação e Custódia) é feita de forma estratégica. Primeiro que esse valor serve como um delimitador no dinheiro transitado pelos bancos e nas aplicações aos títulos públicos. Com esses valores estipulados, os bancos em geral ficam em ligação direta e diária com o Banco central para evitar a inflação e controle da economia. Se as coisas não vão bem, a taxa de juros é cortada. Ao levar o corte empréstimos tendem a ficar mais barato, chamando novamente a atenção do público e reaquecendo a economia.

Isso atinge a indústria financeira de maneira similar. Se o retorno começa a ser maior que a taxa de juros, o investidor costuma permanecer aplicando. Com um aumento na venda de ações acompanhando o lucro, fica ainda mais atrativo as ações na Bolsa de Valores. Nessa parte parece estar tudo agradável. E você pode acompanhar essa maré de oportunidades.

Investir em ações é de fato a melhor forma de aproveitar a queda das taxas de juros. Uma análise da empresa escolhida para aplicação do dinheiro é essencial para um bom rendimento. O menor número de dívidas resulta em bom funcionamento da entidade e mais ganhos aos acionistas.
Existe alguns setores que se privilegiam com este cenário. Veja quais são:

Concessionárias e infraestrutura

Empresas que operam obras na infraestrutura e concessionárias de serviço possuem números de investimento a longa prazo. A Taxa Interna de Retorno seria um potencial de risco para o investimento, se não fosse a queda da taxa Selic. Tudo que antes possuía maior risco, com o corte aumentam as margens de segurança no lucro.

Mercado imobiliário

A Taxa Referencial, junto ao fascínio estrangeiro no setor com bons índices de inflação, tornam ainda mais atrativo o negócio nesse setor.

Empresas de consumo e varejo

Todo o cenário ajuda as famílias com créditos financeiros. Essas famílias que vão a supermercados e outros estabelecimentos que fornecem suprimentos. No final essa área comercial recebe mais dinheiro que o de costume e proporcionam ações mais lucrativas.

Empresas endividadas

Todos os fatores apresentados ajudam as empresas que estão no vermelho a se reerguer. Com isso, por que não investir o seu dinheiro em quem está subindo?

O principal é estar sempre por dentro do mercado e saber quem é a bola da vez. Arriscar com responsabilidade e sabedoria pode ser o rumo da vitória. Boas Ações!

Redação

Criado em 2003, o FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Lucro do FGTS
levar cachorro no avião
Cobrar dinheiro emprestado
Mesada inteligente
Como sacar FGTS e outras dúvidas