Bolsas de NY: Dow Jones fecha acima dos 22 mil pontos | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,315
Euro R$ 3,893
Bitcoin R$ 57.769,00
Bovespa 74.538,54
CDI 8,14% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 4,422
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Bolsas de NY: Dow Jones fecha acima dos 22 mil pontos

SÃO PAULO  –  O Dow Jones voltou a fazer história nesta quarta-feira ao fechar pela primeira vez acima da marca de 22 mil pontos. E esse novo capítulo de alta do índice de “blue chips” americanas não teria sido escrito sem ajuda da Apple, empresa de maior valor de mercado nas bolsas de Nova York.

Após ajustes, o Dow Jones terminou em alta de 0,24%, a 22.016,24 pontos. O índice alcançou na máxima intradia 22.036,10 pontos.

O S&P 500 conseguiu virar nos minutos finais e terminou em alta de 0,05% a 2.477,57 pontos, praticamente igualando o recorde de fechamento de 2.477,83 pontos. O Nasdaq encerrou sem variação a 6.362,64 pontos.

No S&P 500, os setores industrial, de serviços públicos e de tecnologia sustentaram o índice no positivo com altas de, respectivamente, 0,44%, 0,43% e 0,28%.

As ações da companhia da maçã, um dos 30 componentes do Dow Jones, subiram 4,72% no maior ganho individual do índice. A alta da Apple sozinha compensou as cinco maiores quedas.

A capitalização de mercado da Apple atingiu US$ 782,34 bilhões, com o papel valendo US$ US$ 157,14.

Com os 22 mil pontos de hoje, o Dow Jones registrou o terceiro marco de mil pontos do ano, série que começou com os 20 mil conquistados em 25 de janeiro. Pouco mais de um mês mais tarde, em primeiro de março, o indicador ultrapassaria os 21 mil pontos.

Apesar do avanço decisivo da Apple nesta quarta-feira, no caminho entre os 21 mil e os 22 mil pontos, a maior contribuição veio dos papéis da Boeing, que acrescentaram 380 pontos ao Dow Jones no intervalo, seguidos dos de McDonald’s, com adição de 171 pontos, das ações de UnitedHealth, que somaram 166 pontos e da dona do iPhone, com contribuição de 126 pontos.

Segundo Drexel Hamilton, analista da Brian White, as ações da Apple devem manter tendência de alta em meio ao ciclo de lançamento do smartphone que vai marcar os 10 anos do lançamento do iPhone. “Acreditamos que os investidores agora vão se sentir mais confiantes com o papel diante do ciclo do futuro iPhone 8, com lançamento esperado para os próximos meses”, afirmou.

Fonte: Valor Econômico







Mais lidos

Comprar dólar: como adquirir a moeda para uma viagem
Antes de uma viagem, faz parte da programação o planejamento financeiro. Comprar dólar ou outra m...
Como calcular a aposentadoria
Como calcular a aposentadoria é uma dúvida muito comum entre as pessoas. Não é um cálculo simpl...
Como investir em dólar: veja dicas
Moedas estrangeiras como o Dólar podem ser uma ótima forma de investir e fazer render seu dinheiro...
Os 3 Indicadores de Retorno mais Importantes
Fazer um novo investimento requer uma mistura ideal entre empolgação e dados concretos. Muitos emp...
Principais Indicadores de Valor de uma Empresa
Quando você está no processo de compra e venda de empresas, precisa pensar nas dívidas que essa e...
Como escolher o plano de saúde?
Diante de tantas opções, a contratação de um plano de saúde pode gerar muitas dúvidas. Antes d...




Publicidade