Início Notícias Viagem Chip Internacional para celular: como funciona e quanto custa

Chip Internacional para celular: como funciona e quanto custa

0
(0)

Viajar com um chip internacional para celular tornou-se cada vez mais comum entre os brasileiros. Afinal, viajar conectado é essencial para evitar uma surpresa bastante desagradável quando a fatura da conta de telefone chega.

Isso porque as operadoras brasileiras cobram tarifas bem altas para quem usa a internet ou faz ligações internacionais. Além disso, por que depender apenas do wi-fi?

Com o chip internacional para celular você vai poder postar as suas fotos nas redes sociais na hora que quiser. Outra praticidade é o uso do whatsapp, google maps, waze e e-mail. Além do Uber para locomoção.

Em alguns lugares, como Lisboa (no quiosque Vodafone do saguão de desembarque) e Paris (simcard Orange nos quiosques Relais), dá para sair do aeroporto já conectado. Em outros, será preciso aproveitar a primeira caminhada pela cidade para entrar numa loja de operadora e pedir um “prepaid simcard”.

No entanto, nem todos têm disposição de entender um vendedor estrangeiro. Principalmente para comprar um chip com diversas especificações em outra língua. Por isso, o ideal é comprar um chip internacional para celular aqui no Brasil.

Chip Internacional para celular

Qual é o chip internacional para celular mais usado?

Os que viajam para vários destinos podem optar pelos chamados chips que funcionam em vários países. Um dos mais utilizados pelos brasileiros é o EasySIM4U.

Ele é elogiado pelo custo-benefício, a velocidade e o sinal da internet. Este é um chip de dados, ou seja, que não serve para ligações ou SMS (a não ser que seja no Estados Unidos).

Ao todo, ele funciona em mais de 140 países com internet ilimitada por até 30 dias, o que já é o suficiente para muitos viajantes. A compra é feita pela internet. Os planos custam a partir de US$ 35 e fazem entregas no Brasil em até 10 dias úteis.

Quem viaja pela América do Sul pode optar por ele ou consultar opções no site Travel Mobile. Ele oferece chips para vários continentes distintos. No portal, você ainda consulta planos pré-pagos de acordo com o local para onde vai viajar.

Precisando converter moeda? Conheça o Conversor de Moedas FinanceOne!

E nos Estados Unidos?

Chip Internacional para celularNos Estados Unidos, além de usar o EasySIM4U, que é uma das melhores opções no país, existem muitas outras empresas com GoPhones (como são chamados os pré-pagos) a preços bem amigáveis. A AT&T oferece planos com roaming para o México e Canadá.

Os preços são a partir de US$ 30. Os chips podem ser comprados em quiosques de telefonia dos shoppings, outlets e lojas próprias.

Já a Verizon tem planos de US$ 40 a US$ 80. Sendo esse último ilimitado. Quem deseja apenas dados paga a partir de US$ 15.

Vai viajar? Saiba que moeda levar!

Outra opção é a T-Mobile. Ela é da mesma empresa que controla o EasySIM4U. Oferece planos diários, chamados de “pay as you go”. Eles custam a partir de US$ 3 por dia para quem quer voz ou SMS, e a partir de US$ 5 por dia para quem precisa de internet.

Ou seja, o valor vai sendo acumulado diariamente, a medida em que a pessoa vai utilizando. Os planos mensais custam a partir de US$ 45 e o International Tourist, exclusivo para turistas, custa US$ 30.

Conclusão

Se você está querendo economizar na sua viagem internacional, mas não quer deixar de ter internet até por questão de segurança, adquira um SimCard quando chegar ao país de destino.

É uma opção para quem quer sair do Brasil já com um chip pré pago internacional. Trata-se de empresas virtuais que sub-locam redes em vários países e por isso oferecem um SimCard único que funciona em todas as escalas da sua viagem.

Essas operadoras virtuais vendem Chips e Modems que se conectam em mais de 100 países. O Chip é enviado pelos correios para sua casa e algumas operadoras enviam também para hotéis.

Caso você vá com mais alguém na viagem, ative apenas em um celular. Assim você poderá dividir o custo do plano com outro viajante, gerando uma economia na viagem.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Massadar
Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Conheça 4 franquias mais rentáveis no mercado

Quem está pensando em investir em franquias, precisa levar em consideração diversos pontos. O seu investimento pode até ser baixo, mas para...

10 corretoras de confiança para investir

Escolher uma corretora de confiança para investir não é uma tarefa fácil. O primeiro passo é verificar se a instituição é cadastrada...

Auxílio residual de R$300: governo divulga calendário

O Ministério da Cidadania divulgou o calendário de pagamentos referente ao auxílio residual das parcelas de R$300. Os pagamentos serão para os...

Como conquistar a independência financeira em 5 anos?

Muitas pessoas querem conquistar a independência financeira, mas será que elas sabem, de fato, o que significa ser financeiramente independente?

SPC: como consultar CPF e nome sujo

A expressão “nome sujo” faz surgir calafrios em muitos consumidores e estar com o nome no SPC é, certamente, um dos medos de quem...

Renda Cidadã: governo anuncia programa para substituir Bolsa Família

O governo do presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira, 28, o novo programa de transferência de renda: o Renda Cidadã, que vai...