Onde e como investir seu dinheiro do FGTS | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,285
Euro R$ 3,874
Bitcoin R$ 55.461,01
Bovespa 74.538,54
CDI 8,14% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 4,388
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Onde investir seu dinheiro do FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito de todo trabalhador registrado pelo regime celetista. Consiste em um depósito mensal feito pela empresa empregadora e funciona como uma poupança e uma segurança no caso de demissão.

O funcionário com carteira assinada, inclusive em contrato de experiência, tem o direito de ter depositado no seu Fundo de Garantia, mensalmente, uma porcentagem do seu salário. Quanto mais tempo na empresa, maior será o FGTS.

como usar o fgts

O dinheiro pode ser sacado em algumas situações. As mais comuns são a demissão sem justa causa e a compra de imóvel, mas o saque também pode acontecer, por exemplo, no término de contrato por prazo indeterminado, na aposentadoria ou quando o titular da conta vinculada tiver idade igual ou superior a 70 anos. A lista envolve, ainda, outros exemplos.

FGTS pode injetar mais de R$40 bi na economia em 2017

Este ano, o FGTS foi destaque no noticiário nacional. De março a julho, trabalhadores puderam sacar o dinheiro de contas inativas do Fundo, devido à Medida Provisória sancionada pelo presidente Michel Temer. Na época do anúncio, o governo reforçou que a expectativa era de que isso injetasse mais de R$40 bilhões na economia brasileira.

O saldo total disponível era de R$43,6 bilhões, previsto para ser sacado por 30,2 milhões de trabalhadores. E além desse resgate em massa, a alta do desemprego ajudou a elevar o número de pessoas habilitadas a sacar o FGTS. Uma multidão com dinheiro na mão, mas cheia de dúvidas de como usá-lo da melhor forma.

Dinheiro no FGTS não rende

Quando surgiu a notícia da possibilidade do resgate de contas inativas, a recomendação de economistas foi unânime: a melhor opção é retirar, mesmo que não vá usar agora ou não precise.

O motivo? Dinheiro parado no Fundo de Garantia não rende! Mesmo para aqueles que não tinham dívidas urgentes para quitar ou ainda não tinham ideia de como utilizar o dinheiro, o saque foi o caminho mais indicado.

Mas, muita gente correu para retirar o FGTS e colocar na poupança. Errado! Aplicar em CDBs de grandes bancos ou na poupança é um grande erro. As duas opções têm um rendimento muito pequeno que se torna mínimo depois de deduzidas taxas, impostos e a inflação.

Nessa disputa de quem rende menos, o FGTS ganha fácil. Tanto que os especialistas nem consideram essa uma opção de investimento. Em 2016, a rentabilidade foi de apenas 3% ao ano mais TR (taxa referencial, que rende um adicional aproximado de 1% ao ano), ficando atrás da poupança.

Melhores investimentos para o seu FGTS

renda fixaFundo retirado, dinheiro na mão, o que fazer? É hora de pensar onde investir, com o que gastar, em que apostar para garantir um bom retorno daquela reserva. Veja os melhores investimentos para o seu FGTS:

Pagar dívidas
Essa é a principal recomendação dos especialistas. Muito antes de pensar em investir ou comprar, sair do vermelho deve estar no topo da lista de prioridades.

É a grande oportunidade de colocar em dia as contas atrasadas, sempre começando pelas que possuem juros mais altos. Para muitas pessoas, é a chance de tornar seu nome limpo no mercado.

Investir
Vale a pena sacar o dinheiro do fundo e investir em aplicações financeiras de pouco risco, que rendem mais. Risco zero não existe, claro, mas é preciso procurar os investimentos que possuem menor risco do mercado, como o Tesouro Direto.

A estratégia de aplicação deve levar em conta o perfil e as necessidades do trabalhador. E o valor sacado e disponível também tem importância. O investimento tem de ser compatível com o volume de dinheiro retirado.

Comprar
Opção mais usada por quem não possui dívidas e quer aproveitar a quantia sacada para consumir. Já vimos que o dinheiro parado no FGTS perde valor ao longo do tempo. Se sua rentabilidade não cobre nem a inflação, seu dinheiro perde valor a cada dia. Então, é uma forma de aproveitar esse valor o quanto antes.

Mas, atenção! Esse consumo não deve, de maneira nenhuma, acarretar em novas dívidas. Preferencialmente pagamentos à vista e compras muito bem planejadas.

Financiar um imóvel
Embora com algumas restrições, é possível utilizar o Fundo de Garantia em um financiamento de imóvel. Ele pode ser usado para o pagamento da entrada, abatimento da prestação mensal, amortização do saldo devedor e até liquidação da dívida.

Entre as regras para garantir essa modalidade estão limite do valor e utilização do imóvel para moradia própria.

Como consultar seu FGTS

Existem três formas de você realizar a consulta do saldo do FGTS:

– Site da Caixa Econômica, informando o PIS e senha (veja como consultar o saldo)
– Aplicativo FGTS, disponível para Android, iOS e Windows Phone
– Terminais de atendimento e agências da Caixa

Por Flavia Vargas







Mais lidos

Principais Indicadores de Valor de uma Empresa
Quando você está no processo de compra e venda de empresas, precisa pensar nas dívidas que essa e...
Como escolher o plano de saúde?
Diante de tantas opções, a contratação de um plano de saúde pode gerar muitas dúvidas. Antes d...
Leilão de imóveis: entenda os leilões judiciais e extrajudiciais
O leilão de imóveis pode se judicial ou extrajudicial. No caso do judicial, como o próprio nome d...
Tesouro Direto ou CDB: qual a melhor aplicação?
Já falamos aqui que dinheiro só na poupança não rende. E aí, apostar em uma Renda Fixa é uma b...
Alugar ou comprar imóvel 2018?
Esse é um momento de alugar ou comprar imóvel? Na dúvida, algumas questões devem ser avaliadas. ...
Investimento além da poupança: formas de aplicar seu dinheiro
A poupança viu uma melhora de cenário em novembro de 2017. Quando em outubro houve retirada líqui...




Publicidade