Confiança da Indústria sobe 0,3% em abril, aponta FGV | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,4040
Euro R$ 4,4167
Bitcoin R$ 32.140,04
Bovespa 74.538,54
CDI 6,39% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 5,054
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Confiança da Indústria sobe 0,3% em abril, aponta FGV

O Índice de Confiança da Indústria (ICI) da Fundação Getulio Vargas subiu 0,3% em abril de 2012, na comparação com o mês anterior, ao passar de 103,0 para 103,3 pontos1. Apesar de representar a quinta alta consecutiva, o índice continua recuperando-se lentamente: após recuar 12,1% entre dezembro de 2010 e outubro do ano passado, o ICI avançou apenas 2,6% de novembro em diante, mantendo-se abaixo da média recente de 106,2 pontos.
O Índice da Situação Atual (ISA) registra alta de 0,2% em abril, ao passar para 104,0 pontos, o maior nível desde julho de 2011 (107,4). O Índice de Expectativas (IE) avançou na mesma medida, para 102,5 pontos, o mais elevado dos últimos nove meses (102,6). Os resultados sinalizam que o setor industrial continua em ritmo lento e com perspectivas ainda mornas para o segundo trimestre. No horizonte de seis meses, o empresariado apresenta maior otimismo nesta edição da Sondagem.
O quesito que mede os estoques na indústria exerceu a maior influência na alta do ISA. A proporção de empresas que consideram o nível dos estoques atual como excessivo diminuiu de 5,3% em março para 5,2% em abril, o menor nível desde maio de 2011 (4,7%); a parcela das que o avaliam como insuficiente passou de 1,8% para 2,5%, o maior desde junho de 2011 (3,3%).
Enquanto as perspectivas para a produção e o emprego nos três meses seguintes continuam pouco animadoras, as expectativas dos empresários industriais tornaram-se mais otimistas em relação ao ambiente dos negócios no horizonte de seis meses. Das 1.147 empresas consultadas em abril de 2012, 52,3% preveem melhora dos negócios no semestre seguinte (abril-setembro), um avanço em relação aos 44,0% registrados em março; já para 8,2% haverá piora do ambiente, uma ligeira alta em relação aos 6,0% de março.
O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI) atingiu em abril, 83,9%, o maior nível desde julho de 2011 (84,1%), ficando 0,1 ponto percentual superior ao registrado em março passado e à média dos últimos cinco anos.

Fonte: Enfoque Informações Financeiras

Recebido em:
26/04/2012 08:15:00

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras







Mais lidos

FGTS inativo: quem tem direito e como sacar
Todo trabalhador brasileiro com contrato formal, regido pela Consolidação das Leis do Trabalho, a ...
Férias de julho no Brasil: para onde ir?
O meio do ano está chegando e é hora de decidir onde passar as férias em família. Mesmo com algu...
Como limpar seu nome no SPC e Serasa
Seu nome está no SPC e Serasa? Muitos brasileiros estão nessa situação. Em fevereiro, 61,7 milh...
Escolas de negócios: Brasil tem 3 das melhores do mundo
Três das melhores escolas de negócios do mundo em 2018 estão no Brasil. São elas: a Fundação ...
Como vender plano de saúde e ganhar dinheiro
Ganhar uma renda extra é o que muitos brasileiros têm buscado para superar a crise que o país vem...
Treasuries americanos: os títulos “mais seguros do mundo”
Muito conhecido no Brasil, o Tesouro Direto - Programa do Tesouro Nacional desenvolvido com a BM&...




Publicidade