Início Notícias Finanças Pessoais Veja dicas para comprar carro zero sem entrada

Veja dicas para comprar carro zero sem entrada

0
Tempo de leitura: 3 minutos
0
(0)

As vendas de veículos novos caíram 26,16% em 2020, segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Contudo um pesquisa Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) aponta que os brasileiros desejam comprar um carro zero sem entrada.

O estudo revela que 96% dos respondentes têm intenção de comprar ou trocar o veículo em 2021. E a expectativa dos entrevistados é de realizar o negócio ainda no primeiro semestre do ano.

Entretanto, para o coordenador do MBA em cadeia automotiva da Fundação Getulio Vargas (FGV), Antônio Jorge Martins, não será uma missão tão fácil. Segundo ele, os carros não estão baratos porque todas as montadoras fizeram reajustes pela falta de componentes e insumos e pelo dólar alto.

“Para 2021, existe a possibilidade do dólar não evoluir muito ou reduzir. Pode ser que os preços se mantenham”, diz o professor.

Portanto, vale a pena esperar um pouco para ver melhor o comportamento dos preços. Mesmo com esse cenário, a consultoria Jato Dynamics acredita que sejam vendidos entre 2,2 milhões e 2,4 milhões de veículos em 2021.

Como fazer um bom negócio ao comprar um carro zero sem entrada?

Decidiu comprar um carro zero sem entrada? O professor da FGV, Antônio Jorge Martins, sugere que a procura comece pelas concessionárias que têm mais estoque para negociar mais preço.

Outra dica importante é: caso já tenha um veículo, realize a venda antes. Ou seja, não inclua no negócio com a concessionária, porque, em geral, vale mais a pena.

Lembre-se também dos custos com combustível, manutenção e revisão, seguro, impostos e depreciação do veículo. Portanto, escolha um carro que caiba no seu bolso.

E, por fim, se você vai comprar um carro zero sem entrada, fique atento à taxa de juros do financiamento.

Em 2021, as taxas de juros dos financiamentos de veículos, assim como grande parte dos empréstimos, tendem a imitar o caminho da Selic. Ou seja, vai sofrer uma leve alta, mas não vai ser nada que vai afastar demais os tomadores de crédito, segundo os especialistas.

Qual a melhor opção para parcelar?

O parcelamento de veículos é a opção para quem vai comprar um carro zero sem entrada. Atualmente, há três alternativas: crédito direto ao consumidor (CDC), leasing e consórcio. São elas:

1 – Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

O CDC é a modalidade mais utilizada por quem pretende adquirir um carro, seja novo ou usado. A principal vantagem está relacionada à praticidade da liberação dos recursos.

Com a aprovação do crédito, o cliente adquire o veículo e pode tomar posse imediata do bem. Nessa modalidade, o carro sai com o documento em nome do comprador, mas com o bem alienado ao banco que emprestou os recursos.

Contudo, boa parte dos financiamentos por meio do CDC ocorre por intermédio dos bancos das montadoras. Ou seja, é necessário que seja feita uma pesquisa prévia para verificar as melhores taxas de juros.

2 – Leasing

A principal diferença em relação ao CDC é que a documentação do carro é emitida em nome do banco com arrendamento a quem efetivamente comprar o carro zero sem entrada.

Assim, caso o motorista queira vender o veículo e transferir a dívida, todo o processo deverá ser previamente autorizado pela instituição financeira.

3 – Consórcio

O consórcio é a opção de compra parcelada que oferece a menor taxa de juros do mercado. Em contrapartida, não há a garantia da aquisição imediata do bem.

As cotas de 60 meses, por exemplo, contam com 120 pessoas participantes. A cada mês, uma carta de crédito é liberada por sorteio e outra pelo maior valor de lance.

Entretanto, lembre-se que antes de fechar um contrato de consórcio é fundamental consultar as credenciais da administradora junto ao Banco Central. Avalie também a quantidade de reclamações relativas ao prazo de liberação da carta de crédito.

Vai comprar seu carro zero sem entrada? Veja aqui qual o melhor banco para refinanciamento de veículos.

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui