Início Notícias Empreendedorismo Confira qual a diferença entre sócio e acionista de uma empresa

Confira qual a diferença entre sócio e acionista de uma empresa

0
duas pessoas de terno se cumprimentando
0
(0)

Quando falamos sobre o mercado financeiro, alguns termos como sócio e acionista aparecem com frequência. Em alguns casos, eles são utilizados com sinônimos.

No entanto, será que existe alguma diferença entre eles? Com o crescimento da procura para começar a investir, compreender as diferenças entre sócio e acionista vem se tornando cada vez mais relevante para investidores no Brasil.

Por isso, se você deseja entender o que cada termo significa e como eles funcionam na prática, continue a leitura deste texto.

Sócio e acionista: qual a diferença entre eles?

Em primeiro lugar, para compreender a diferença entre sócio e acionista é necessário entender que existem diversos tipos de sociedades no Brasil. As mais comuns, porém, são as sociedades anônimas, conhecidas como SA; e as sociedades por cotas, também conhecidas como sociedades limitadas ou LTDA.

As sociedades limitadas possuem sócios listados no quadro societário e têm o seu capital social dividido em quotas. Por sua vez, as sociedades anônimas possuem acionistas e o seu capital social é dividido em ações.

Ou seja, o termo acionista deve ser usado para as sociedades anônimas, enquanto o termo sócio para as sociedades limitadas.

Isso quer dizer que um sócio, então, pode ser definido como uma das partes de um contrato de sociedade, por meio do qual cada um se dedica a aplicar um capital a um empreendimento.

Já o acionista, por sua vez, é a pessoa física ou jurídica, a qual é proprietária de ações de uma ou mais empresas que possibilitam a aquisição de seus valores mobiliários no mercado.

Agora que você já sabe as diferenças entre sócio e acionista, abaixo vamos explicar os diferentes tipos de acionistas que existem no mercado financeiro.

+ Confira as 6 linhas de crédito disponíveis para empresas
+ Sócio falecido: quais são os direitos dos herdeiros na empresa?

Os diferentes tipos de acionistas

Quando você compra ações de uma empresa na Bolsa de Valores, torna-se um acionista dessa instituição. Há, no entanto, três categorias de acionistas, com diferenças nos níveis de vantagens e influência. Veja cada uma delas:

Acionista controlador

É quem fica responsável pelo controle da empresa. O acionista controlador é quem tem a quantidade de votos nos órgãos da empresa para tomar as decisões importantes no seu funcionamento.

Acionista majoritário

O segundo nível de acionista é o majoritário. Como o próprio nome sugere, é o acionista que tem mais de metade das ações de uma empresa. Além disso, na maioria das vezes ele também tem grande influência para tomada de decisões da companhia.

Acionista minoritário

Por último, temos o acionista minoritário. Neste caso, eles têm uma participação menor da empresa e não são nem controladores, nem majoritários.

+ Quais são os direitos do acionista de uma empresa?

+ Kid Investidor: conheça jovem de 13 anos que aplica na Bolsa e tem 3 empresas

Seja um empreendedor, saiba como.

Quais são as responsabilidades de um sócio e acionista dentro da empresa?

As responsabilidades dentro da empresa é uma outra diferença quando falamos de sócio e acionista. Um sócio, por exemplo, é totalmente responsável por todos os atos de outro sócio e também da própria empresa.

Um acionista, por outro lado, só tem responsabilidade limitada com base na quantidade de ações detidas, e não é de maneira alguma responsável pelas ações da empresa, incluindo sua dívida e obrigações.

Além disso, quando falamos sobre lucros e perdas, por exemplo, um sócio recebe ganhos iguais de lucros e sofre igualmente perdas com base na percentagem da empresa que ele possui. Ele também é responsável pelos lucros e perdas da empresa.

Um acionista, entretanto, recebe uma parte dos lucros e perdas, indicado pelo valor do estoque que ele possui. Ele tem responsabilidade muito limitada por quaisquer perdas sofridas pela empresa.

Viu, só? Entender sobre as diferenças entre sócio e acionista é essencial, sobretudo se você deseja abrir uma empresa futuramente.

Gostou deste texto? Então continue nos acompanhando: assine a nossa newsletter e receba, diretamente em seu e-mail, novidades sobre o mercado financeiro.

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui