Início Notícias Investimentos Entenda como diversificar investimentos em renda fixa e as vantagens!

Entenda como diversificar investimentos em renda fixa e as vantagens!

0
Calculadora em cima de gráficos
0
(0)

De acordo com o Raio X do Investidor de 2021, realizado anualmente pela Anbima, boa parte dos investidores brasileiros preferem aplicações de renda fixa. Apesar de ser vista como um produto financeiro com pouco retorno, é possível diversificar investimentos e ter lucros apenas com esse tipo de aplicação.

Mas por que essa preferência pela renda fixa? A resposta é bem simples! Os investimentos em renda fixa possuem muitas vantagens como a proteção do Fundo Garantidor de Créditos, além de ser menos suscetível às oscilações do mercado.

E como o investidor brasileiro em sua maioria pertence à classe C é comum que faça suas aplicações sem se arriscar. Afinal, não é todo mundo que entra para esse mercado que pode perder dinheiro. Por isso, segurança nunca é demais!

No entanto, é necessário avançar e conhecer outros produtos de renda fixa. Conforme o Raio X do Investidor, a grande maioria ainda investe em cadernetas de poupança, um investimento que dá pouco retorno mesmo em períodos de alta na inflação.

E por incrível que pareça, existe mundo além da poupança! Ficou interessado nesse assunto? Então continue a leitura. Vamos mostrar para você maneiras de diversificar investimentos apenas com renda fixa. Confira!

As cadernetas de poupança apresentam uma rentabilidade muito baixa quando comparada a outros investimentos de renda fixa

Por que diversificar a minha carteira de investimentos?

Antes de mais nada, diversificar investimentos é importante justamente por conta da variedade. Por que ter investimento em apenas um lugar se eu posso ter em vários?

Além disso, é importante ter outras reservas financeiras. Um exemplo disso foi o confisco de poupança que aconteceu no governo Collor. A maioria da população tinha dinheiro apenas na poupança e com o confisco, ficou sem nenhum tipo de reserva.

É claro que essa foi uma situação atípica, mas traz à tona uma situação real e que prejudicou a muitos trabalhadores brasileiros na época.

Vale lembrar também que diversificar investimentos agora é muito importante por conta da taxa Selic. No fim de outubro, essa taxa básica de juros da economia chegou a 7,75%. Por isso, investimentos que estejam atrelados a esse indicador vão render mais!

+ Quais são os melhores bancos e plataformas para investir

Quais as vantagens de diversificar investimentos em renda fixa?

Além da segurança, os investimentos em renda fixa possuem diversas vantagens. Atualmente, esses investimentos se dividem em duas vertentes. São elas:

  • Títulos prefixados: esse tipo de título é recomendado para aqueles investidores que priorizam saber o quanto vão receber ao final daquela aplicação. Por isso, ao realizar esse investimento, você já sabe o quanto vai receber ao final da aplicação;
  • Títulos pós-fixados: já os títulos pós-fixados são atrelados a algum indicador. Apesar de serem um investimento de renda fixa, não dá para prever o quanto receber lá na frente já que isso vai depender do desempenho do indicador. Normalmente, são utilizados como indicadores a taxa Selic e o IPCA.

Vale ressaltar que diversificar investimentos em renda fixa é uma atitude recomendada para todos os investidores. Independente do perfil de investidor.

Mesmo que o seu perfil se mostre mais aberto a apostar em renda variável, é recomendado que o investidor tenha pelo menos uma parte em investimentos de renda fixa.

+ Como diversificar investimentos com com somente mil reais
+ Como resgatar título de renda fixa antes do vencimento

Quais são os investimentos de renda fixa?

A renda fixa é uma ótima opção para aqueles que buscam diversificar investimentos. Afinal, existem opções intermináveis e disponíveis para todos os tipos de bolso. Veja abaixo alguns dos investimentos:

  • CDB (Certificado de Depósito Bancário);
  • LCI (Letras de Crédito Imobiliário);
  • LCA (Letras de Crédito do Agronegócio)
  • Fundo de Investimento em Renda Fixa;
  • Debêntures;
  • Tesouro Direto;
  • ETFs de Renda Fixa (Exchange Traded Fund)
  • CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliários)
  • CRA (Certificado de Recebíveis do Agronegócio);
  • COE (Certificado de Operações Estruturadas).

Agora que você já sabe um pouco mais sobre diversificar investimentos de renda fixa, que tal saber sobre como ganhar dinheiro com renda fixa?

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Carioquíssima de Campo Grande, com um pézinho em São Paulo. Jornalista, Produtora de Conteúdo e [insira aqui outras funcionalidades de um jornalista]. Apaixonada por livros, filmes e pelo universo cultural. Curiosa e antenada nas novidades do mercado financeiro.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui