Dólar bate R$ 3,17 em manhã de leves perdas de moedas emergentes | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,285
Euro R$ 3,874
Bitcoin R$ 55.400,04
Bovespa 74.538,54
CDI 8,14% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 4,388
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Dólar bate R$ 3,17 em manhã de leves perdas de moedas emergentes

SÃO PAULO  –  O dólar registra alta moderada nos primeiros negócios desta segunda-feira. O ajuste contra o real é bastante semelhante à desvalorização de boa parte das divisas emergentes. Ainda assim, a divisa local tem um desempenho um pouco menos negativo que os pares, como o peso mexicano e o rublo russo.

Às 9h34, o dólar comercial era cotado a R$ 3,1686, em alta de 0,36%, mas já foi negociado a R$ 3,1706. Apesar das variações contidas, o câmbio local marcava o quarto pior desempenho diário numa lista de 33 divisas globais. O destaque negativo do dia vinha da lira turca, que perdia quase 3% em meio a tensões diplomáticas entre Turquia e Estados Unidos.

O contrato futuro para novembro, por sua vez, subia 0,43%, a R$ 3,1790.

A liquidez global pode ser contida nesta segunda-feira, em razão de feriado nos EUA. 

Nesta semana, as atenções no Brasil se voltam ainda para a cena política. A Câmara começa a analisar nesta semana a segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer. A leitura de boa parte do mercado é de que pemedebista deve conseguir apoio parlamentar suficiente para barrar o processo. No entanto, os ruídos políticos podem elevar a instabilidade nos mercados financeiros.

Na renda fixa, os juros futuros também apontam para cima, com movimentos ainda contidos. O DI janeiro/2021 subia a 8,950%, ante 8,920% no ajuste anterior.

As estimativas para inflação em 2017 tiveram ligeiro ajuste no Boletim Focus, após o resultado acima do esperado do IPCA de setembro. A mediana das projeções no Boletim Focus aponta agora inflação de 2,98% neste ano, ante 2,95% na leitura anterior. Por outro lado, a estimativa para 2018 caiu mais uma vez, de 4,06% para 4,02%. Para a Selic, foi mantida a expectativa de que a taxa terminar 2017 e 2018 em 7%.

Houve melhora nos números para o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018. A projeção para o crescimento da atividade passou de 2,38% para 2,43%. Em relação a 2017, a taxa esperada de expansão econômica foi mantida em 0,70%.

Fonte: Valor Econômico







Mais lidos

Principais Indicadores de Valor de uma Empresa
Quando você está no processo de compra e venda de empresas, precisa pensar nas dívidas que essa e...
Como escolher o plano de saúde?
Diante de tantas opções, a contratação de um plano de saúde pode gerar muitas dúvidas. Antes d...
Leilão de imóveis: entenda os leilões judiciais e extrajudiciais
O leilão de imóveis pode se judicial ou extrajudicial. No caso do judicial, como o próprio nome d...
Tesouro Direto ou CDB: qual a melhor aplicação?
Já falamos aqui que dinheiro só na poupança não rende. E aí, apostar em uma Renda Fixa é uma b...
Alugar ou comprar imóvel 2018?
Esse é um momento de alugar ou comprar imóvel? Na dúvida, algumas questões devem ser avaliadas. ...
Investimento além da poupança: formas de aplicar seu dinheiro
A poupança viu uma melhora de cenário em novembro de 2017. Quando em outubro houve retirada líqui...




Publicidade