Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

FGV divulga nota sobre metodologia de cálculo do IGP-M

Escrito por: Redação em 15 de junho de 2010

Em virtude de dúvidas levantadas acerca da metodologia de cálculo do IGP-M, especialmente quanto ao impacto do reajuste do minério de ferro, a FGV considera relevante prestar alguns esclarecimentos de natureza técnica.

O IGP-M é composto por três índices de preços: o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-M), o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-M) e o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-M).

É no IPA-M que estão retratados os movimentos de preços do minério de ferro. O impacto da variação de preço do minério de ferro, e de qualquer outro produto integrante do IPA-M, resulta da combinação do percentual de elevação (ou redução) deste item com o seu peso no índice.

É conhecida por todos a magnitude da recente elevação do preço do minério de ferro. O que tem suscitado dúvida é o procedimento usado para ponderar os integrantes do IPA-M, o minério de ferro em particular.

Para tanto, é necessário em primeiro lugar compreender os objetivos do IPA-M. Como a denominação sugere, trata-se de um índice de preços ao produtor – que registra as variações médias dos preços recebidos pelos produtores domésticos na venda de seus produtos.

Como índice de preços ao produtor, o IPA-M é ponderado segundo as Contas Nacionais e as pesquisas anuais do IBGE sobre a produção da agropecuária e da indústria. O peso do minério de ferro, à semelhança dos demais produtos industriais, é calculado com base na média trienal do valor das vendas do produto.

A escolha desse critério de ponderação obedece a recomendações internacionais. Por focalizarem a esfera da produção, os pesos não distinguem a destinação dos produtos, se absorvidos domesticamente ou exportados. 

A atualização mais recente da estrutura de ponderações do IPA-M, em vigor desde abril passado, fez corresponder a este item uma ponderação equivalente a 2,5876 de um total de 100. A multiplicação deste fator pelo percentual de reajuste é a medida do impacto do aumento de preço do minério de ferro sobre o IPA-M.

As ponderações do Índice de Preços ao Produtor Amplo serão atualizadas a cada dois anos, intervalo capaz de permitir que o índice reproduza de maneira fiel a estrutura da economia brasileira.



Fonte:Enfoque Informações Financeiras Ltda.

Recebido em:
15/06/2010 08:00:47

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras

Redação

Criado em 2003, o FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

economia da china
Reforma da previdência
Computador quântico
facebook
Desigualdade salarial entre homens e mulheres: mito ou verdade?