Fracassa segunda tentativa de privatizar Banco do Estado do Rio de Janeiro | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,4040
Euro R$ 4,4167
Bitcoin R$ 31.799,98
Bovespa 74.538,54
CDI 6,39% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 5,054
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Fracassa segunda tentativa de privatizar Banco do Estado do Rio de Janeiro

O governo estadual fracassou na segunda tentativa de vender o Banco do Estado do Rio de Janeiro (Berj). O Bradesco e o Unibanco, únicas instituições que haviam depositado as garantias, não compareceram hoje (31) para o leilão na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro para a entrega das propostas.

Desta vez, o lance mínimo era de R$ 513 milhões, bem abaixo dos R$ 738 milhões da primeira tentativa, em 2006. O secretário-chefe da Casa Civil do estado, Regis Fitcher, que foi à Bolsa de Valores acompanhar o leilão, disse que agora o governo do estado vai “avaliar a situação”.

O Berj representa o passivo do antigo Banerj, que foi comprado pelo Banco Itaú em 1996. Com a privatização do Banerj, o Berj ficou com a folha de pagamento dos servidores ativos e inativos do governo do estado, terrenos na zona oeste do Rio e em São Paulo, além de obras de Di Cavalcanti, Alfredo Volpi e Anita Malfatti, e a carteira deO governo estadual fracassou na segunda tentativa de vender o Banco do Estado do Rio de Janeiro (Berj). O Bradesco e o Unibanco, únicas instituições que haviam depositado as garantias, não compareceram hoje (31) para o leilão na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro para a entrega das propostas.

Desta vez, o lance mínimo era de R$ 513 milhões, bem abaixo dos R$ 738 milhões da primeira tentativa, em 2006. O secretário-chefe da Casa Civil do estado, Regis Fitcher, que foi à Bolsa de Valores acompanhar o leilão, disse que agora o governo do estado vai “avaliar a situação”.

O Berj representa o passivo do antigo Banerj, que foi comprado pelo Banco Itaú em 1996. Com a privatização do Banerj, o Berj ficou com a folha de pagamento dos servidores ativos e inativos do governo do estado, terrenos na zona oeste do Rio e em São Paulo, além de obras de Di Cavalcanti, Alfredo Volpi e Anita Malfatti, e a carteira de crédito tributário, a qual, segundo o governo do estado, passaria de R$ 3 bilhões.

 crédito tributário, a qual, segundo o governo do estado, passaria de R$ 3 bilhões.



Fonte: Enfoque Informações
Financeiras
Ltda.


Recebido em:
31/05/2010 14:36:36

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras







Mais lidos

Como escolher o seguro de vida mais adequado para você
Você já pensou o quanto um seguro de vida pode ser útil nos dias de hoje? Quando as pessoas busca...
7 livros sobre Bitcoin, Blockchain e Criptomoedas
Algumas pessoas aprendem mais lendo, outras vendo vídeos ou até mesmo escutando música. Cada um t...
FGTS inativo: quem tem direito e como sacar
Todo trabalhador brasileiro com contrato formal, regido pela Consolidação das Leis do Trabalho, a ...
Férias de julho no Brasil: para onde ir?
O meio do ano está chegando e é hora de decidir onde passar as férias em família. Mesmo com algu...
Como limpar seu nome no SPC e Serasa
Seu nome está no SPC e Serasa? Muitos brasileiros estão nessa situação. Em fevereiro, 61,7 milh...
Escolas de negócios: Brasil tem 3 das melhores do mundo
Três das melhores escolas de negócios do mundo em 2018 estão no Brasil. São elas: a Fundação ...




Publicidade