Ibovespa dispara forte, enquanto dolar atinge casa dos R$ 3,39 após desvalorização | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,4040
Euro R$ 4,4167
Bitcoin R$ 31.751,00
Bovespa 74.538,54
CDI 6,39% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 5,054
Conversor de Moeda
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


Ibovespa dispara forte, enquanto dolar atinge casa dos R$ 3,39 após desvalorização


São Paulo, 20/06 (Enfoque) –

Com pesquisas mostrando chance do Brexit diminuir, o Ibovespa abriu o dia forte. Logo pela manhã, a bolsa mostrava ganhos de 2,24% e pontuava acima dos 50 mil. Valores positivos acompanharam as as fortes valorizações de ações no mundo todo. Apenas três ações caíam pela manhã, enquanto Vale, Petrobras e siderúrgicas subiam mais de 5%, fazendo com que a semana começasse com ares positivos após tensa expectativa sobre as taxas de juros do Fed, que permeou fortemente as últimas semanas. Depois de insistentes porcentagens estáveis, não passando de 0,5% nos ganhos e perdas, as bolsas de Wall Street trabalharam o dia todo subindo mais de 1%. Com isso, há a possibilidade de uma semana favorável com medo sobre Brexit ter ficado mais ameno com as novas pesquisas. Junto do otimismo do mercado, o preço do petróleo sobe 2,6% até às 15h50 desta segunda-feira, valendo US$ 49,37, também sendo um fator importante para os valores positivos.

O Banco Central divulgou, na manhã desta segunda-feira, mais a edição do relatório Focus referente a terceira semana de junho . O documento apontou para a elevação do IPCA indo de 7,19% para 7,25% no ano de 2016, enquanto a projeção para o final de 2017 se manteve, mais uma vez, em 5,50%. As apostas do BC para a cotação do dólar caíram novamente. Desta vez, de R$ 3,65 para R$ 3,60. Para o próximo ano, o valor caiu discretamente de R$ 3,81 para R$ 3,80. No caso da Selic, a expectativa de 2016 manteve-se em 13%, enquanto a de 2017 também continuou igual, em 11,25%. O mercado elevou a aposta do PIB de 2016 de -3,60% par a -3,44%. Para o ano que vem, a projeção continua sendo de 1% cravado.

Na terceira semana de junho de 2016, com 5 dias úteis, a balança comercial registrou superávit de US$ 974 milhões, resultado de exportações no valor de US$ 3,954 bilhões e importações de US$ 2,980 bilhões. No mês, as exportações somam US$ 9,858 bilhões e as importações, US$ 7,509 bilhões, com saldo positivo de US$ 2,349 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 83,351 bilhões e as importações, US$ 61,341 bilhões, com saldo positivo de US$ 22,010 bilhões.

A média das exportações da 3ª semana foi de US$ 790,8 milhões, 7,2% acima da média de US$ 737,9 milhões até a 2ª semana, em razão do aumento nas exportações de semimanufaturados (+23,3%, de US$ 102,5 milhões para US$ 126,4 milhões, em razão de açúcar em bruto, celulose, semimanufaturados de ferro/aço, ferro-ligas e óleo de soja); básicos (+11,1%, de US$ 347,9 milhões para US$ 386,4 milhões, por conta de soja em grão, minério de ferro, petróleo em bruto, farelo de soja e café em grão), enquanto decresceram as vendas de produtos manufaturados (-3,0%, de US$ 270,6 milhões para US$ 262,4 milhões, em razão, principalmente de, automóveis, veículos de carga, autopeças, óxidos e hidróxidos de alumínio e polímeros plásticos). Do lado das importações, apontou-se crescimento de 5,3%, sobre igual período comparativo (média da 3ª semana, US$ 596,0 milhões sobre a média até a 2ª semana, US$ 566,1 milhões), explicada, principalmente, pelo aumento nos gastos com combustíveis e lubrificantes, veículos automóveis e partes, adubos e fertilizantes, plásticos e siderúrgicos.

Nos EUA, esta segunda-feira não apresentou nenhum índice na sua programação para ser divulgado. Nesta terça-feira (21), está programado um pronunciamento da chefe do Fed, Janet Yellen, que deve agitar o cenário econômico.

Fechando o primeiro dia da semana, ganhos da Ibovespa foi de 1,61%, mantendo-se alto durante todo o dia, e pontuando, agora, 50.329. O dólar, por sua vez, caiu forte nesta segunda-feira, desvalorizado em 0,82% aos R$ 3.3970, reafirmando as previsões de especialistas que a moeda americana poderia cair ainda mais após atingir mínima do ano passado. Já em Wall Street, fortes ganhos marcaram o dia, após uma sequência insistente de estabilidade. Dow Jones subiu 0,74% aos 17.804,9 pontos, enquanto SP500 ganha 0,58% e pontua 2.083,27. Durante todo o dia, os valores foram maiores do que 1%, mas acabou perdendo força nas horas finais da tarde. Confira a situação e variação de cada um nos gráficos abaixo:

 

 

 

(por Oscar Brandtneris)


Fonte: Enfoque
Publicado em: 20/06/2016 17:18:00







Mais lidos

Como fazer cartão de crédito pela internet
As compras com cartões de crédito são cada vez maiores. A Abecs, associação das empresas de ca...
Como escolher o seguro de vida mais adequado para você
Você já pensou o quanto um seguro de vida pode ser útil nos dias de hoje? Quando as pessoas busca...
7 livros sobre Bitcoin, Blockchain e Criptomoedas
Algumas pessoas aprendem mais lendo, outras vendo vídeos ou até mesmo escutando música. Cada um t...
FGTS inativo: quem tem direito e como sacar
Todo trabalhador brasileiro com contrato formal, regido pela Consolidação das Leis do Trabalho, a ...
Férias de julho no Brasil: para onde ir?
O meio do ano está chegando e é hora de decidir onde passar as férias em família. Mesmo com algu...
Como limpar seu nome no SPC e Serasa
Seu nome está no SPC e Serasa? Muitos brasileiros estão nessa situação. Em fevereiro, 61,7 milh...




Publicidade