Início Notícias Investimentos Conheça o íon, novo aplicativo de investimentos do Itaú

Conheça o íon, novo aplicativo de investimentos do Itaú

0
3.5
(6)

O Itaú Unibanco anunciou de lançamento o íon, seu aplicativo de investimentos. O objetivo é reforçar a atuação da instituição no mercado financeiro.

Ou seja, fazendo frente à concorrência, seja dos bancos convencionais, passando pelos bancos digitais e também fintechs, cuja atuação cresce exponencialmente.

De acordo com o Itaú, o objetivo do aplicativo é resolver as principais “dores” dos 3 milhões de clientes com investimentos no banco. Uma delas é a experiência ruim no atual aplicativo da conta corrente no celular.

A princípio, o íon estará disponível apenas para correntistas do banco em novembro, tendo como chaves de acesso as mesmas senhas do app do Itaú.

O plano é expandir a plataforma para qualquer cliente ao fim do primeiro semestre de 2021.

Detalhes do aplicativo de investimentos do Itaú

O aplicativo de investimentos terá a função de integrar todas as aplicações realizadas pelos clientes do banco ou da corretora. Portanto, substituindo de maneira integral o app Itaú Corretora.

Com o Íon, o investidor do Itaú terá acesso em tempo real à carteira de investimentos e ao fluxo investido.

Além disso, será possível realizar aplicações a qualquer hora do dia, independente do horário das negociações.

A plataforma disponibilizará produtos de renda fixa e fundos já conhecidos dos clientes da instituição. Nela, será possível realizar aplicações em renda variável e utilizar o home broker.

Alguns dos diferenciais do aplicativo de investimentos são:

1 – Interface do app

O Itaú aposta na interface do app. Ele tem um design parecido com o de empresas como Netflix e Instagram.

Em vez de um “tabelão” de produtos, a ideia é trazer em destaque aqueles mais procurados pelos usuários e também as novidades na plataforma.

2 – Conteúdo

Das redes sociais, o aplicativo de investimentos também reunirá notícias que serão apresentadas de forma personalizada, conforme a carteira de investimentos de cada cliente.

Uma das inspirações para o design do íon veio da Robinhood. Uma corretora norte-americana com taxa zero que atraiu um grande número de investidores por lá.

Planos do Itaú para 2021

No começo do ano que vem, devem entrar os produtos da corretora, como ações. A expectativa do Itaú é que o íon esteja em plena operação daqui a 12 meses e a partir de então substitua o atual aplicativo da corretora.

Com esse modelo de MVP (sigla em inglês para mínimo produto viável), o banco espera aprimorar ou fazer mudanças no sistema conforme o retorno dos usuários, segundo o diretor do Itaú.

Itaú lança aplicativo de investimentos íon para bater de frente com outras corretoras

Conforme o diretor de produtos de investimentos e previdência do Itaú, Claudio Sanches, o objetivo é transformar o projeto em uma plataforma versátil e com boa usabilidade.

“Entendemos a necessidade de expandir os produtos disponibilizados. Inclusive, precisamos dar alguns passos antes da construção da plataforma digital para que as mudanças pudessem ter a chance de serem dominantes”, afirma Claudio Sanches.

Outros bancos seguem o mesmo caminho

O lançamento do aplicativo do Itaú ocorre em um momento que grandes bancos aplicaram pesado no mercado de investimentos brasileiro.

Recentemente, o Santander anunciou a compra de 60% da Toro Investimentos. Já o Bradesco “ressuscitou” a Ágora para entrar na briga com a XP e as demais plataformas abertas.

O Nubank divulgou a aquisição da Easynvest. Em agosto, a Neon comprou a Magliano. Em junho, o Credit Suisse fechou um acordo para comprar 35% do modalmais.

Ficou interessado em investir? Confira como escolher a melhor corretora!

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 3.5 / 5. Número de votos: 6

Seja o primeiro a avaliar este post.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui