IPC-S registra avanço em 4 das 7 capitais pesquisadas; SP recua 0,1% e RJ ganha 0,4% | FinanceOne

Gráficos e cotações de Hoje

Dólar R$ 3,235
Euro R$ 4,010
Bitcoin R$ 37.297,00
Bovespa 74.538,54
CDI 8,14% a.a
Poupança (mês) 0,5000%
Libra R$ 4,527
Veja a Cotação do
Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.


IPC-S registra avanço em 4 das 7 capitais pesquisadas; SP recua 0,1% e RJ ganha 0,4%

O IPC-S de 07 de junho de 2010 registrou variação de 0,21%, repetindo a taxa divulgada na última apuração. Quatro das sete capitais pesquisadas registraram acréscimos em suas taxas de variação.

 

A tabela a seguir, apresenta as variações percentuais dos municípios das sete capitais componentes do índice, nesta e na apuração anterior.

Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) Segundo municípios de sete capitais Municípios

Variação Percentual ao mês até

31.05.2010

07.06.2010

IPC-S

0,21

0,21

BELO HORIZONTE

0,50

0,54

BRASÍLIA

0,39

0,37

PORTO ALEGRE

-0,14

-0,06

RECIFE

0,17

-0,02

RIO DE JANEIRO

0,32

0,40

SALVADOR

0,75

1,01

SÃO PAULO

0,00

-0,10

 

São Paulo

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal da cidade de São Paulo (IPC-S/São Paulo) apresentou variação de -0,10%, na apuração realizada na primeira semana de junho de 20101. O resultado foi 0,10 ponto percentual (p.p.) inferior ao divulgado na quarta semana de maio, que foi de 0,00%.

Nesta apuração, duas das sete classes de despesa registraram decréscimos em suas taxas de variação: Alimentação (-0,40% para -0,79%) e Educação, Leitura e Recreação (-0,09% para -0,23%). Para cada um destes grupos, vale destacar os itens: Carnes Bovinas (1,25% para 0,10%) e Salas de Espetáculo (-3,34% para -4,19%), respectivamente.

Em contrapartida, os grupos Vestuário (0,92% para 1,19%), Despesas Diversas (0,19% para 0,44%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,40% para 0,46%), Habitação (0,34% para 0,38%) e Transportes (-0,37% para -0,36%) registraram avanços em suas taxas de variação. As principais contribuições partiram dos itens: Calçados (-0,19% para 1,82%), Cigarro (0,08% para 0,64%), Artigos de Higiene e Cuidado Pessoal (-0,60% para -0,06%), Material para Reparo de Residências (0,43% para 0,77%) e Seguro Facultativo para Veículos (1,45% para 4,42%), nesta ordem.

Rio de Janeiro


 O Índice de Preços ao Consumidor Semanal da cidade do Rio de Janeiro (IPC-S/Rio de Janeiro) registrou variação de 0,40%, na apuração realizada na primeira semana de junho de 20101. O resultado foi 0,08 ponto percentual (p.p.) superior ao divulgado na quarta semana de maio, que foi de 0,32%.

Nesta edição, três das sete classes de despesa componentes do índice registraram aceleração em suas taxas de variação: Vestuário e Habitação, cujas taxas passaram de 1,13% para 2,28%, e de 1,19% para 1,55%, respectivamente.

A análise deste resultado mostra que as pressões acima da variação média foram exercidas pelos grupos: Vestuário; 2,28%, Habitação; 1,55%, Despesas Diversas; 0,69% e Saúde e Cuidados Pessoais; 0,54%.

Mostra também que se situaram em nível abaixo da variação média os grupos: Transportes; 0,22%, Educação, Leitura e Recreação; 0,15% e Alimentação; -1,23%.



Fonte: Enfoque Informações
Financeiras
Ltda.


Recebido em:
09/06/2010 08:17:01

HeadLines Enfoque
Copr 2007 Enfoque Informações Financeiras







Mais lidos

Técnicas para melhorar a produtividade no trabalho
A produtividade no trabalho é algo cada vez mais cobrado pelas empresas. Aquelas que estabelecem um...
10 técnicas para incendiar as vendas
Como aumentar as vendas de uma empresa? Essa é a pergunta que cada empreendedor faz diariamente. Le...
Para que serve realidade virtual? Vale a pena investir?
Para que serve a realidade virtual? Se você pensou em jogos, está certo. Mas, não é apenas para ...
Trader: o que é e como ele ganha dinheiro
O que é trader? É um investidor do mercado financeiro. Ele busca ganhar dinheiro com operações d...
Aplicativos de gestão: um guia completo
Gerenciar uma equipe e inúmeros projetos sempre foi uma tarefa trabalhosa que poucos davam conta de...
Planejamento financeiro: 5 dicas para fazer o seu
Planejar está no topo da lista de recomendações dos especialistas para quem quer ter sucesso na v...




Publicidade