Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Xiaomi no Brasil: preços valem a pena?

Escrito por: Mateus Carvalho em 24 de junho de 2019

Você provavelmente já escutou falar na marca de smartphone Xiaomi, certo? É a marca conhecida por vender celulares mais baratos.

No último dia 1º, a primeira loja física da Xiaomi no Brasil foi inaugurada em São Paulo, no shopping Ibirapuera.

A Xiaomi no Brasil chega com smartphones a partir de R$899, sendo o top de linha da marca, o Mi9, custando R$3.999.

Enquanto os principais concorrentes, como iPhone XS e o Galaxy S10, custam R$7.999 e R$4.999, respectivamente.

Mas ao se deparar com valores abaixo do mercado, é comum que você se pergunte se vale a pena comprar um celular da marca.

Nessa hora surgem dúvidas como: “Será que o celular é bom?” e “Vale a pena investir em um produto da marca chinesa?”.

A Xiaomi no Brasil chega com o aparelho Mi 9 (Foto: divulgação)

A Xiaomi no Brasil não é novidade, já que essa não é a primeira vez que a empresa chinesa está no país. Em 2015, a Xiaomi chegou ao Brasil, porém saiu dois anos depois de começar a vender seus produtos.

Até o início deste ano, os celulares da marca só podiam ser encontrados em sites asiáticos de distribuição internacional.

Outra forma de comprar os produtos da Xiaomi era por meio de lojas importadoras ou com sistema de marketplace.

Xiaomi no Brasil: vantagens e desvantagens de comprar um celular

Se você tem interesse em comprar um smartphone, é sempre bom avaliar as vantagens e desvantagens do aparelho, assim como as especificações.

E com a Xiaomi no Brasil, é comum que a procura por celulares da marca cresça.

Por isso, veja abaixo quais são as vantagens e desvantagens dos aparelhos da marca Xiaomi.

Vantagens

A primeira vantagem que faz com que a Xiaomi se destaque em meio à concorrência é a relação custo-benefício.

E é exatamente esse fator que se torna atraente desde os aparelhos mais básicos, passando pelos intermediários até chegar aos topo de linha.

Os intermediários, por exemplo, aliam recursos de ponta com preço acessível. Enquanto os topo de linha são considerados premium, mas mesmo assim ainda têm preço mais em conta, quando comparados a marcas concorrentes.

A qualidade dos celulares da Xiaomi é reconhecida internacionalmente. Além do preço acessível pelas tecnologias embutidas em cada categoria de aparelho.

Outro benefício que a empresa chinesa apresenta é o fato de ela utilizar tecnologias de ponta em cada lançamento de um novo smartphone. Levando sempre em conta o perfil de cada aparelho.

Um exemplo é que ao lançar um celular de entrada, mais conhecido como modelo básico, a empresa irá usar conjunto de hardware mais modesto. E não um processador que está defasado para baratear o lançamento.

Além disso, os modelos intermediários trazem recursos mais comuns em aparelhos considerados premium. Como câmeras duplas na traseira e bateria mais duráveis.

Outro destaque é o sistema operacional, projetado para rodar mais rápido.

Desvantagens

Gostou das vantagens? Mas antes de sair comprando um celular na loja da Xiaomi no Brasil é preciso ver as desvantagens.

Se você adquirir um aparelho da marca é preciso estar atento ao fato de que os celulares chineses não foram planejados para funcionar nas redes de telecomunicações do Brasil.

Com isso, vários aparelhos acabam apresentado incompatibilidade.

Ainda existe a possibilidade de não existir a compatibilidade com a frequência de 700MHz, que é a internet 4G utilizada no Brasil. Além das frequências de 2.600MHz e a de 1.800MHz.

Sendo assim, se o celular não tiver suporte à frequência, você pode acabar utilizando apenas as frequências de bandas mais antigas. Fazendo com o que a internet 4G apresente instabilidade em alguns lugares.

Por isso, antes de realizar a compra na Xiaomi no Brasil é importante que você verifique as especificações do aparelho.

Só dessa forma será possível saber se a sua internet funcionará de forma efetiva no aparelho.

Comparativo da Xiaomi no Brasil com os concorrentes

Um dos celulares topo de linha da marca chinesa é o Mi 9, que tem como concorrente direto o Galaxy S10, da Samsung, o iPhone XS, da Apple, e o Huawei P30 Pro, da Huawei.

Veja abaixo o comparativo dos quatro celulares das marcas citadas.

Mi 9, da Xiaomi

Tela: 6,39 polegadas, Amoled Full HD+;

Processador: Snapdragon 855;

Câmera traseira: tripla de 48 MP + 16 MP + 12 MP;

Câmera frontal: 20 MP;

Memória: 64 GB e 6 GB de RAM;

Bateria: 3.300 mAh;

Preço: R$3.999.

Galaxy S10, da Samsung

Tela: 6,40 polegadas Amoled Dinâmico;

Processador: Samsung Exynos 9 Octa 9820;

Câmera traseira: tripla de 12 MP + 16 MP + 12 MP;

Câmera frontal: 10 MP;

Memória: 128 GB com 8 GB de RAM ou 512 GB com 8 GB de RAM;

Bateria: 3.400 mAh;

Preço: R$4.999.

iPhone XS, da Apple

Tela: 5,8 polegadas OLED;

Processador: A12 Bionic;

Câmera traseira: dupla de 12 MP;

Câmera frontal: 7 MP;

Memória: 64 GB, 256 GB ou 512 GB (RAM não informado);

Bateria: não informado;

Preço: R$7.299.

Huawei P30 Pro, da Huawei

Tela: 6,4 polegadas OLED Full HD+;

Processador: Kirin 980;

Câmera traseira: Quadrupla 40 MP + 20 MP + 8MP + ToF (Time of Flight);

Câmera frontal: 32 MP;

Memória: 256 GB e 8 GB de RAM;

Bateria: 4.200 mAh

Preço: R$4.900.

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

SPC e Serasa
PIS/PASEP
tarifas bancárias
renegociar a dívida
A inexperiência com o dinheiro e a falta de planejamento podem levar ao descontrole financeiro