InícioNotíciasEmpreendedorismoConfira 6 ideias para começar um negócio com mil reais

Confira 6 ideias para começar um negócio com mil reais

5
(1)

Começar um negócio é um sonho antigo de muitos brasileiros. Como visto no último relatório anual do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), divulgado em 2020 com dados de 2019.

O estudo aponta que de 2008 a 2019, o número de brasileiros de 18 a 64 anos que tinham um negócio ou estavam envolvidos na criação de um pulou de 14,6 milhões para 53,4 milhões.

Contudo, com os efeitos da pandemia do novo coronavírus que atingiram em cheio milhares de brasileiros no mercado de trabalho esses dados aumentaram ainda mais.

De acordo com o Ministério da Economia, o país registrou saldo positivo de 2,3 milhões de novos negócios abertos em 2020.

O que você precisa saber antes de começar um negócio?

O ato em si de começar um negócio já é a concretização de um objetivo. Muitas vezes significa um sonho sendo realizado. Mas até chegar nesse ponto, existe uma série de questões a serem analisadas e estudadas.

O primeiro é conhecer o seu perfil empreendedor e entre outras coisas, é necessário avaliar:

  • o mercado no qual vai entrar,
  • estabelecer um plano de negócios,
  • definir suas metas, prever os custos iniciais,
  • planejar uma reserva de capital,
  • escolher o regime de tributação adequado.

O objetivo é que a iniciativa não seja frustrada e os esforços e que os investimentos envolvidos não tenham sido em vão.

Qual tipo de empresa devo abrir?

Entre as muitas decisões importantes que o empreendedor se vê no desafio de começar um negócio é com relação ao tipo de empresa que ele vai abrir.

Uma dessas escolhas é sobre o formato jurídico. Os quatro tipos mais comuns são Empresário Individual, EIRELI (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada), SLU e Sociedade Limitada.

Outro ponto importante é a definição do regime tributário. Aqui é necessário averiguar se o negócio pode ser enquadrado no Simples Nacional ou estar no Lucro Presumido.

E, claro, escolher o porte da sua empresa: Microempresa (ME) e a Empresa de Pequeno Porte (EPP).

Com esses pontos definidos, chegou a hora de arriscar, descubra algumas ideias de negócios com pouco dinheiro

Oportunidades para quem quer abrir um negócio lucrativo

Vender cosméticos, sapatilhas, produtos para pets, chocolates, joias, pacotes de viagem. Essas são algumas opções para quem deseja começar um negócio. Confira outras:

mulher com pensando em como ganhar dinheiro
Uma boa ideia começar um negócio é criar uma estrutura enxuta, que você possa tocar sozinho até ter força para expandir

1 – Vender comida

Quem gosta de cozinhar sabe que, quando as contas apertam, sempre há a solução de vender algum quitute para sair do vermelho. Mas vender comidas feitas em casa também pode virar um negócio.

O leque de opções é enorme: dá para fazer doces para festa, bolos, comidinhas saudáveis para bebês e até refeições caseiras para cachorros.

As refeições podem ser entregues no endereço do cliente, vendidas em algum ponto fixo ou feitas sob encomenda com antecedência. Assim como aplicativos que entregam pedidos de restaurantes como o iFood e o UberEats.

2 – Presentes customizados

Uma ideia de negócio em casa é fazer presentes, brindes e lembrancinhas customizadas.

Você pode trabalhar por conta própria oferecendo camisetas estampadas com fotos pessoais dos clientes, frases divertidas e até mensagens especiais. Canecas, chinelos e chaveiros também recebem customizações.

3 – Produção de conteúdo

A internet está cheia de conteúdo: texto curto, texto longo, vídeos, fotos, jogos… E tudo isso pode ser feito por uma empresa totalmente online. Por exemplo: se você tem formação em áreas relacionadas à comunicação, pode criar uma empresa digital que produza textos para outras empresas.

4 – Aulas particulares

Começar um negócio em casa é uma solução depois de já ter anos de experiência no mercado trabalhando em empresas ou clientes, você pode usar os conhecimentos adquiridos para continuar atuando no conforto do lar.

Existem algumas profissões que permitem, por exemplo, investir em um negócio de aulas particulares. Pegue o que você é bom em fazer, especialmente se você tem formação acadêmica ou muitos anos de prática, e crie um plano de aulas para quem tiver interesse em estudar o conteúdo.

É possível dar aula em casa de idiomas, culinária, instrumentos musicais, canto, reforço escolar e outros diversos assuntos. Os investimentos são baixos porque você pode utilizar materiais que já fazem parte do seu dia a dia de trabalho.

+ 14 dicas para ganhar renda extra nos finais de semana

5 – Cuidador de pets

O chamado pet sitter, que em português significa cuidador ou babá de pets, é uma opção bacana para quem gosta de animais e pode recebê-los em casa. Ter uma empresa que presta esse tipo de serviço visa principalmente o público que precisa viajar e não tem com quem deixar seus bichinhos de estimação.

Começar um negócio em casa para cuidar de pets é perfeito para quem tem uma estrutura física grande e adaptável para receber os pets. Já existem aplicativos de celular que conectam a pessoa que quer oferecer os cuidados e a estadia ao animal e os donos que precisam sair da cidade.

6 – Franquias

Existem opções de franquias dos mais variados valores de investimento. Em cidades pequenas, as redes menores ou que precisam de menos dinheiro para serem abertas também podem dar muito certo.

Dentre os setores rentáveis em pequenos municípios, destacam-se o setor de alimentação e o de estética e beleza, com serviços como manicure, depilação e cabeleireiro.

Gostou das dicas? Então compartilhe e ajude seus amigos e familiares que desejam começar um negócio!

O que achou disso?

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Assine nossa newsletter!

Páginas Populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui