Chainlink hoje - Valor e Cotação

BRL
USD
EUR
chainlinkChainlink (LINK)
R$107,23
chainlinkChainlink (LINK)
$ 21.21
chainlinkChainlink (LINK)
17,67

Tempo de leitura: 4 minutos

A ChainLink é mais uma criptomoeda disponível para que os investidores possam aplicar o seu dinheiro. Essa moeda virtual tem como objetivo ser mais útil para dados e transações de todo o mundo.

É importante ressaltar que para realizar qualquer tipo de investimento é preciso conhecer bem sobre a aplicação.

Por isso, quanto mais informações você tiver sobre a ChainLink, maiores são as chances de sucesso no seu investimento. Para começar, a criptomoeda é uma plataforma blockchain desenvolvida com o intuito de facilitar o uso de contratos inteligentes por empresas.

Quer saber mais sobre a ChainLink? O FinanceOne preparou um conteúdo completo para você abaixo. Confira!

O que é a ChainLink?

A ChainLink, ou Link, foi criada para ser uma ponte entre os mais variados blockchains e o mundo. Ficou difícil de entender? O FinanceOne te dá um exemplo para clarear as ideias. 

Como enviar dados de preço do Bitcoin para um aplicativo no blockchain de forma segura? A Chainlink te ajuda a resolver esse tipo de problema. Além disso, também é possível transmitir uma partida de jogo para um contrato inteligente no blockchain de forma segura.

Sendo assim, os desenvolvedores conseguiram criar aplicativos e plataformas de apostas descentralizadas. Eles são parecidos com os aplicativos de celulares, mas no próprio blockchain.

E como surgiu essa criptomoeda? Ela foi criada pelo Sergey Nazarov e nasceu em junho de 2019. Porém, no ano de 2017 a plataforma já tinha lançado a Oferta Inicial de Moedas.

Na época, foram criados um bilhão de tokens, sendo que somente 350 milhões estavam disponíveis na oferta inicial. Foram levantados 32 milhões de dólares, o que permitiu que a ChainLink continuasse o seu desenvolvimento e se fortalecesse como criptomoeda. 

+ Descubra como funciona o Staking de criptomoedas

Vale ressaltar que a Chainlink começou a ganhar mais espaço quando grandes players do mercado começaram a utilizar sua tecnologia, como é o caso do Google, WEB3 Foundation e Swift.

Esta última, é uma empresa multinacional de sistemas de pagamento interbancário pela internet, que criou o padrão usado por bancos para remessas financeiras internacionais. 

Vantagens da Chainlink

Assim como toda criptomoeda, a Chainlink também tem vantagens e desvantagens. Como ponto positivo, ela atua agregando valor a outras aplicações, de APIs a sistemas na nuvem, e IoT (Internet das Coisas), sistemas de pagamento e outros.

Como comprar e guardar a Chainlink

Você pode comparar essa moeda de várias formas, sendo alguma delas:

  •     Extração de tokens;
  •     Corretora (exchange);
  •     P2P (peer-to-peer).

O modo considerado mais confiável é através de corretoras, já que elas fazem todo o processo de intermediação das transações entre as partes envolvidas. 

As corretoras também disponibilizam sua própria carteira virtual para armazenamento das suas criptomoedas.

+ Como escolher uma exchange para compra de moedas digitais?

Quais são as formas e opções que se têm para guardar a ChainLink? 

Se você escolheu comprá-la através da corretora, é possível armazená-las no site da própria. Com isso, é possível ter segurança e maior praticidade para negociar a qualquer momento, sem precisar entender questões mais técnicas de armazenamento.

Mas, tem ainda outras formas de guardá-las, como em carteiras, que podem ser digitais ou físicas.

Cotação da Chainlink

Como funciona a cotação dessa moeda? A Chainlink costuma ser negociada em Reais (BRL) e a sua cotação varia de acordo com a oferta e demanda do mercado, bem como outros fatores.

No primeiro quadrimestre de 2021, ela contava com 13 bilhões de dólares em capitalização de mercado. Além disso, o preço da ChainLink (LINK) teve valorização acima de 500% no ano de 2020. 

Outro ponto importante de se destacar é que, de 2020 para 2021, em menos de um ano, o token passou de US$2,27 para US$32,74, valor aproximado da cotação atual da moeda.

Diferença para o Bitcoin

ChainLink e Bitcoin são duas moedas digitais e disso você já sabe. Mas, quais são as diferenças entre elas?

A principal está na popularidade, pois o Bitcoin é mais conhecido e valorizado por investidores. Além disso, existem outras diferenças relacionadas à dinâmica do processo e também o objetivo de cada uma das criptomoedas.

Tempo de leitura: 4 minutos

Últimos Artigos sobre Criptomoedas

Real Digital: o que já se sabe sobre a moeda digital brasileira

O Banco Central está trabalhando na criação de uma moeda digital brasileira, conhecida como Real Digital. A instituição divulgou, no dia 24 de maio, os critérios...

Com as inovações do setor bancário, como fica o mercado de câmbio?

O setor bancário tem inovado bastante nos últimos anos, tanto na segurança quanto na melhoria de experiências do cliente com o setor financeiro e...

Mercado cambial: conheça os conceitos básicos

Sempre que vamos viajar para outro país é preciso fazer uma operação de câmbio. Em termos simples, é a compra de moeda de outro...

Como é calculada a cotação do dólar na fatura do cartão?

Você já realizou compras internacionais com o cartão de crédito, seja pela internet ou durante uma viagem? Se a resposta foi sim, pode ser...

O que achou disso?

Média da classificação / 5. Número de votos:

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui