Cálculo do IPC-BR

O que é IPC-Br e o que compõe?

O Índice de Preços ao Consumidor é um indicador calculado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

O índice considera um conjunto fixo de bens e serviços que fazem parte das despesas habituais de famílias cujo nível de renda esteja situado entre um e 33 salários mínimos mensais. 

Sua pesquisa de preços se desenvolve diariamente, cobrindo sete das principais capitais do país: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Porto Alegre e Brasília.

Os bens e serviços que integram a amostra são classificados em oito grupos ou classes de despesa, 25 subgrupos, 85 itens e 338 subitens.

As oito classes de despesa são: 

  1. Alimentação;
  2. Habitação;
  3. Vestuário;
  4. Saúde e Cuidados Pessoais;
  5. Educação;
  6. Leitura e Recreação;
  7. Transportes;
  8. Despesas Diversas e comunicação.

O que é IPC-Br acumulado?

O IPC-Br acumulado nada mais é do que a soma dos valores de IPC mensal. A partir desse valor anual, é possível saber o quanto variou o poder de compra do consumidor brasileiro.

Para saber o IPC-Br acumulado de 2021 será preciso acompanhar a performance do índice até o fim do ano.

Tabela IPC-BR 2021

Mês/Ano Valor Mensal (em %) Acumulado no ano (em %) Acumulado em 12 meses (em %)
Janeiro/2021 0,27 0,27 4,83
Fevereiro/2021 0,54 0,81 5,41
Março/2021 1,00 1,82 6,10
Abril/2021 0,23 2,05 6,54
Maio/2021 0,81 2,88 7,98
Junho/2021 0,64 3,53 8,28
Julho/2021 0,92 4,49 8,75
Agosto/2021 0,71 5,23 8,94
Setembro/2021
Outubro/2021
Novembro/2021
Dezembro/2021

Tabela IPC-BR 2020

Mês/Ano Valor Mensal (em %) Acumulado no ano (em %) Acumulado em 12 meses (em %)
Janeiro/2020 0,29 0,29 4,07
Fevereiro/2020 0,11 0,40 3,63
Março/2020 0,10 0,50 3,21
Abril/2020 – 0,30 0,19 2,60
Maio/2020 – 0,24 – 0,04 2,37
Junho/2020 0,39 0,34 2,62
Julho/2020 0,25 0,59 2,73
Agosto/2020 0,78 1,38 3,19
Setembro/2020 1,12 2,51 4,35
Outubro/2020 1,19 3,73 5,42
Novembro/2020 1,03 4,80 5,79
Dezembro/2020 0,79 5,63 5,63

Tabela IPC-BR 2019

Mês/Ano Valor Mensal (em %) Acumulado no ano (em %) Acumulado em 12 meses (em %)
Janeiro/2019 0,58 0,58 3,11
Fevereiro/2019 0,54 1,12 4,11
Março/2019 0,51 1,63 4,64
Abril/2019 0,29 1,93 4,97
Maio/2019 -0,02 1,91 4,75
Junho/2019 0,15 2,06 3,86
Julho/2019 0,14 2,20 3,77
Agosto/2019 0,33 2,54 3,68
Setembro/2019 0,00 2,54 3,28
Outubro/2019 0,16 2,71 2,95
Novembro/2019 0,68 3,40 3,50
Dezembro/2019 0,94 4,38 4,38

Como é calculado esse índice?

Para chegar ao valor do IPC-Br, é preciso monitorar diversas despesas e serviços para o consumidor. Ou seja, dá bastante trabalho!

O cálculo para chegar até o valor do IPC-Br utiliza dados obtidos através da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) que o IBGE realiza por biênios.

A partir dessa pesquisa, é possível perceber a importância e ainda a porcentagem monetária que cada gasto representa no orçamento dessas famílias.

Calculadora posicionada acima de notas e cédulas de dinheiro
IPC-Br é uma das ferramentas utilizadas para verificar a inflação no Brasil

O período de coleta desses dados acontece diariamente e possui suas variações como o IPC Diário, o IPC-S, IPC-10, IPC-M, IPC-DI, IPC-3i e o IPC-C1. 

Quais os impactos do IPC-BR na economia e nos investimentos?

O IPC-Br é uma das ferramentas utilizadas para verificar a inflação no Brasil. Ou seja, o aumento desse índice influencia diretamente na economia e nos investimentos.

Uma alta na inflação mexe diretamente com a desvalorização da moeda, que influencia a alta dos produtos e serviços em que o consumidor pode ter acesso.

A desvalorização da moeda também implica no aumento do dólar, que é a principal moeda de negociação no mercado internacional.

Então afeta os investimentos que são feitos com a moeda. E todo esse cenário gera uma economia desfavorável, o que faz com que investidores internacionais percam seu interesse em investir no Brasil.

O que achou disso?

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?