Início Uncategorized ABF aponta as 50 melhores franquias do Brasil para 2020

ABF aponta as 50 melhores franquias do Brasil para 2020

0
(0)

Empreender é o sonho de milhares de pessoas e novos modelos de negócios são cada vez mais valorizados, como as franquias. Por isso, vale a pena conhecer a lista com as 50 melhores franquias para abrir no Brasil em 2020.

O levantamento é feito anualmente pela Associação Brasileira de Franchising (ABF). É uma entidade sem fins lucrativos que representa oficialmente o sistema de franquias brasileiro.

A lista aponta as maiores redes por número de unidades em operação. As Top 50 aumentaram em 9% o número de lojas no último ano, dois pontos percentuais a mais do que em 2018. A média de unidades por marca, passou de 861 em 2018 para 897 no ano passado.

Conheça as 50 maiores franquias do Brasil

Ou seja, fica claro que as franquias estão se fortalecendo cada vez mais no Brasil e que esse investimento pode ser uma excelente oportunidade de negócio.

Os segmentos de Serviços e Outros Negócios cresceram, equiparando-se com o de Moda. O presidente da ABF, André Friedheim, destaca que o franchising está crescendo no Brasil e se tornando mais seguro.

“Esse levantamento confirma mais uma vez que o franchising brasileiro avança de forma contínua, segura, com redes cada vez mais maduras e com boas práticas de gestão. É uma grande satisfação acompanhar o desenvolvimento deste grupo das 50 Maiores que, certamente, é uma referência importante para todo o setor”.

André Friedheim

Conheça as 50 melhores franquias para abrir em 2020

Melhores franquias para abrir em 2020
  • O BOTICÁRIO
  • MCDONALD´S
  • AM/PM
  • CACAU SHOW
  • SUBWAY
  • ACQIO
  • LUBRAX +
  • KUMON
  • JET OIL
  • CVC BRASIL
  • ÓTICAS CAROL
  • SEGURALTA – BOLSA DE SEGUROS
  • WIZARD BY PEARSON
  • BURGER KING BRASIL
  • BR MANIA
  • ÓTICAS DINIZ
  • BOB´S
  • CORREIOS
  • FARMÁCIAS FTB A FARMÁCIA DO TRABALHADOR DO BRASIL
  • DIA%
  • CHILLI BEANS
  • FISK CENTRO DE ENSINO
  • CCAA
  • HELP! LOJA DE CRÉDITO
  • ODONTOCOMPANY
  • CNA
  • HERING STORE
  • CLUBE TURISMO
  • LOCALIZA HERTZ
  • ESPAÇOLASER
  • CHIQUINHO SORVETES
  • HAVAIANAS
  • PITICAS MODA CRIATIVA
  • 5 À SEC
  • AREZZO
  • HINODE
  • OGGI SORVETES
  • CARMEN STEFFENS
  • PREPARA CURSOS PROFISSIONALIZANTES
  • MICROLINS
  • KOPENHAGEN
  • CHOCOLATES BRASIL CACAU
  • MUNDO VERDE
  • SAN MARTIN
  • GIRAFAS
  • CASA DE LOBOS
  • JAN-PRO
  • NUTRIMAIS
  • SPOLETO
  • CEOPAG
  • CEOFOOD
  • SUPERA – GINÁSTICA PARA O CÉREBRO

Acesse o estudo completo da ABF aqui!

A data de referência para compor o retrato das informações foi 31 de dezembro de 2019. A lista deste ano é composta por 53 marcas em virtude do empate em três posições.

A pesquisa da ABF para identificar as top 50 franquias no Brasil é realizada exclusivamente com marcas associadas, a partir do banco de dados da entidade com informações registradas pelas próprias redes.

Levantamento da ABF demonstra destaque de alguns setores

Entre as Top 10 das melhores franquias brasileiras, é importante observar os segmentos de destaque. São quatro operando em Alimentação; duas em Saúde, Beleza e Bem-Estar; e outras duas em Serviços Automotivos.

Embora tenha apresentado uma queda, o segmento de Alimentação continua a concentrar a maior parte das unidades.

Há ainda uma representante em Comunicação, Informática e Eletrônicos, Serviços Educacionais e Hotelaria e Turismo.

O Boticário (Saúde, Beleza e Bem-Estar) lidera o ranking, com um crescimento de 2% em unidades na comparação com 2018. O número de franquias subiu de 3.724 para 3.806.

Em segundo lugar, McDonald’s (Alimentação) teve alta no volume de unidades abertas em 2019. Pois a rede de fast food ampliou de 2.289 para 2.459 suas operações.

A rede AM/PM (Alimentação), que ficou em terceiro, tem um total de 2.377 unidades. Em quarto, Cacau Show, com 2.322 operações. E em quinto, a Subway, com 1.864 unidades.

Alimentação tem destaque entre as melhores franquias do Brasil

Comunicação, Informática e Eletrônicos ganham destaque este ano

A Acqio, do segmento de Comunicação, Informática e Eletrônicos, ingressou pela primeira vez entre as dez maiores franquias no Brasil.

A rede de franquias avançou para o sexto lugar. O número de unidades foi de 1.114 para 1.703 em operação.

A ABF avalia que a alta demanda por soluções de meios de pagamento eletrônicos, aliada à praticidade e segurança no uso das “maquininhas” foram algumas das principais razões para essa expansão. Além disso, o menor investimento inicial para abrir a franquia.

O sétimo lugar ficou com a marca Lubrax+ (Serviços Automotivos), que voltou a figurar na lista das 50 Maiores e totalizou 1.643 unidades. A rede Kumon (Serviços Educacionais) vem a seguir, com 1.563 operações.

Mais uma do segmento de Serviços Automotivos entre as primeiras foi a Jet Oil. Ficou em nono lugar, com 1.491 unidades em operação. Fechando as Top 10, a rede CVC (Hotelaria e Turismo), com 1.414 pontos de venda.

+ Conheça as profissões em alta para 2020

As marcas estreantes no rol das 50 maiores neste ano são: Odontocompany (25º), Espaçolaser (30º), Oggi Sorvetes (37º), San Martin (42º), KNN Idiomas (45º), Nutrimais (47º), Ceopag (48º), Ceofood (49º lugar) e Supera – Ginástica para o Cérebro (50º).

Estudos da ABF apontam crescimento das franquias

De acordo com a ABF, assim como nos estudos realizados em outros anos, este último demonstra a continuidade dos investimentos em novos modelos de negócios. Ou seja, muitas apostas em empreendimentos como franquias.

De acordo com a entidade, nos dois últimos anos, enquanto o percentual de lojas tradicionais diminuiu de 88% para 85%, outros formatos – como quiosques, unidades móveis e operações home based – passaram de 12% para 15%.

Em relação ao tempo de atividade como franqueadora, o perfil das 50 maiores mostrou mais uma vez que a experiência é um fator importante para se atingir um determinado porte. Embora haja exceções.

Além disso, por conta do ingresso de novas marcas, o percentual de redes que detêm o Selo de Excelência em Franchising (SEF) caiu um pouco. Passou de 78% para 75% nos dois últimos anos.

Porém, a ABF avalia que o alto índice de marcas selistas no grupo reafirma a importância de se obter a principal chancela do mercado de franquias brasileiro.

O SEF é conquistado pelas redes inscritas que alcançam maior pontuação na pesquisa feita pela ABF com os respectivos franqueados.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tamires Silva
Jornalista e Redatora do FinanceOne, onde suas finanças começam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Conheça 10 franquias com investimentos de até R$10 mil

A pandemia do novo coronavírus fez com que a procura por microfranquias aumentasse. Em especial, as franquias de até R$10 mil.

Quais são os gastos para manter um carro próprio?

Muitos brasileiros sonham em ter o carro próprio, mas esquecem dos gastos que um veículo pode trazer. E isso acontece porque a...

Como escolher a rede social para seu negócio?

Você sabe como escolher a rede social ideal para o seu negócio? Qual irá fazer a sua empresa crescer e se tornar...

Cartões de crédito sem anuidade: veja os 14 melhores

Procurando por cartões de crédito sem anuidade? Eles conquistaram, definitivamente, espaço na economia brasileira. De acordo com a pesquisa realizada pelo SPC Brasil, cerca de...

Empreendedorismo feminino: o que é e quais os desafios

Falar sobre empreendedorismo faz com que muitas pessoas pensem em empresas grandes ou projetos inovadores. No entanto, empreender vai além disso: é...

5 motivos para investir em Bitcoin em 2020

Diversificar é uma das estratégias mais usadas por investidores de sucesso. Por isso, investir em Bitcoin pode ser uma boa ideia.