Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioCartão de CréditoPor que não fui aprovado na análise de crédito? Confira 5 possíveis...

    Por que não fui aprovado na análise de crédito? Confira 5 possíveis motivos

    0
    (0)

    A análise de crédito é um procedimento feito por operadoras na hora de conceder limites aos seus clientes. Porém, é possível chegar até essa etapa e receber uma resposta negativa e não conseguir o crédito que tanto precisa. Você sabe por que isso acontece?

    Publicidade

    De início, é preciso dizer que a análise de crédito é um procedimento muito importante para as financeiras. É por meio dela que é possível entender se o cliente possui condições de arcar com aquele compromisso.

    Ou seja, é uma maneira de checar as chances de inadimplência. Quando não há essa etapa, a oferta de crédito ainda sim pode acontecer, mas terá que se considerar os juros mais altos para lidar com a possibilidade de não haver a quitação daquela dívida.

    Se você recebeu uma resposta negativa de alguma operadora de crédito, saiba que existem diversas variáveis que podem explicar isso. Vamos entender quais!

    + Análise de crédito: entenda o que é, como é feita e quanto tempo demora

    Por que não passei na análise de crédito?

    Documentação

    Um dos motivos mais claros de reprovação em análise de crédito é a divergência das informações apresentadas, de modo que a instituição financeira não consiga confirmar a veracidade dos dados.

    Publicidade

    Por isso, antes de enviar uma proposta, sempre analise as informações que inseriu, corrigindo possíveis erros ou equívocos em seus registros.

    pessoa digitando CPF na máquina
    O erro no preenchimento de informações pode resultar em uma reprovação na análise de crédito

    Relacionamento com o banco

    O relacionamento com o banco influencia muito na análise de crédito também. Quando você tem um bom histórico, paga as contas em dia e possui um comportamento coerente com as condições da instituição, é bem mais provável que você seja consiga a aprovação.

    No entanto, se o seu relacionamento não é muito bom, o banco pensará duas vezes antes de te dar alguns limites. Então, caso queira ter boas chances de conseguir um empréstimo ou um bom limite de crédito, se esforce para cuidar dessa relação.

    Score para a análise de crédito

    Se você ainda não sabe o que é score, saiba que se trata de mais uma forma de entender se uma pessoa tem um bom histórico de pagamento. Sendo assim , é uma pontuação que indica, com base em dezenas de critérios, se é prudente conceder crédito para aquela pessoa.

    Assim, por meio desse dado, é possível entender as chances daquela pessoa se endividar e acabar ficando inadimplente.

    Publicidade

    Mas se você possui um score alto, é um bom indicativo de que você seja uma pessoa que consegue arcar com aquela despesa adicional, bem como seus outros compromissos financeiros.

    Renda mínima

    A renda mínima também é um fator importante para análise de crédito. Atualmente, o Banco Central recomenda que o valor das parcelas de um empréstimo não ultrapasse 30% da renda mensal do contratante.

    Então, entre essas determinações, as financeiras analisam até que valor é viável conceder para seus clientes, conforme nas condições que eles apresentam.

    + Bom pra crédito é confiável? Veja análise e como solicitar

    Negativação

    Se você, como dizem popularmente, está com o “nome sujo na praça” saiba que a tarefa de passar em uma análise de crédito torna-se ainda mais difícil. Isso porque essa é uma etapa que pretende verificar justamente as chances de inadimplência.

    Publicidade

    Então, se você já deixou de pagar um compromisso feito anteriormente e necessita de uma nova concessão de empréstimo ou crédito, a instituição financeira conclui que dificilmente você terá condições de lidar com esse que está tentando firmar.

    Como foi possível perceber, a análise de crédito leva em consideração diversos fatores que pretendem assegurar, da forma mais efetiva possível, que aquele valor será pago.

    Contudo, antes de recorrer a essa análise feita por parte da instituição, é importante pensar nas finanças e entender, primeiramente, se você deve recorrer a esse tipo de compromisso financeiro.

    Agora que você já sabe como funciona uma análise de crédito, saberá o que precisa fazer para garantir a sua aprovação! Compartilhe com seus amigos e familiares para que eles fiquem por dentro dessas informações também!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Isabella Mercedes
    Isabella Mercedes
    Estudante de Letras que tem muita curiosidade por tudo o que tem a ver com Tecnologia e Inovação. Cria da Baixada Fluminense e vascaína de coração. Adora suspense policial, mas a maior paixão de todas é escrever: seja sobre finanças ou sobre qualquer outra coisa.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioCartão de CréditoPor que não fui aprovado na análise de crédito? Confira 5 possíveis...

    Por que não fui aprovado na análise de crédito? Confira 5 possíveis motivos

    0
    (0)

    A análise de crédito é um procedimento feito por operadoras na hora de conceder limites aos seus clientes. Porém, é possível chegar até essa etapa e receber uma resposta negativa e não conseguir o crédito que tanto precisa. Você sabe por que isso acontece?

    Publicidade

    De início, é preciso dizer que a análise de crédito é um procedimento muito importante para as financeiras. É por meio dela que é possível entender se o cliente possui condições de arcar com aquele compromisso.

    Ou seja, é uma maneira de checar as chances de inadimplência. Quando não há essa etapa, a oferta de crédito ainda sim pode acontecer, mas terá que se considerar os juros mais altos para lidar com a possibilidade de não haver a quitação daquela dívida.

    Se você recebeu uma resposta negativa de alguma operadora de crédito, saiba que existem diversas variáveis que podem explicar isso. Vamos entender quais!

    + Análise de crédito: entenda o que é, como é feita e quanto tempo demora

    Por que não passei na análise de crédito?

    Documentação

    Um dos motivos mais claros de reprovação em análise de crédito é a divergência das informações apresentadas, de modo que a instituição financeira não consiga confirmar a veracidade dos dados.

    Publicidade

    Por isso, antes de enviar uma proposta, sempre analise as informações que inseriu, corrigindo possíveis erros ou equívocos em seus registros.

    pessoa digitando CPF na máquina
    O erro no preenchimento de informações pode resultar em uma reprovação na análise de crédito

    Relacionamento com o banco

    O relacionamento com o banco influencia muito na análise de crédito também. Quando você tem um bom histórico, paga as contas em dia e possui um comportamento coerente com as condições da instituição, é bem mais provável que você seja consiga a aprovação.

    No entanto, se o seu relacionamento não é muito bom, o banco pensará duas vezes antes de te dar alguns limites. Então, caso queira ter boas chances de conseguir um empréstimo ou um bom limite de crédito, se esforce para cuidar dessa relação.

    Score para a análise de crédito

    Se você ainda não sabe o que é score, saiba que se trata de mais uma forma de entender se uma pessoa tem um bom histórico de pagamento. Sendo assim , é uma pontuação que indica, com base em dezenas de critérios, se é prudente conceder crédito para aquela pessoa.

    Assim, por meio desse dado, é possível entender as chances daquela pessoa se endividar e acabar ficando inadimplente.

    Publicidade

    Mas se você possui um score alto, é um bom indicativo de que você seja uma pessoa que consegue arcar com aquela despesa adicional, bem como seus outros compromissos financeiros.

    Renda mínima

    A renda mínima também é um fator importante para análise de crédito. Atualmente, o Banco Central recomenda que o valor das parcelas de um empréstimo não ultrapasse 30% da renda mensal do contratante.

    Então, entre essas determinações, as financeiras analisam até que valor é viável conceder para seus clientes, conforme nas condições que eles apresentam.

    + Bom pra crédito é confiável? Veja análise e como solicitar

    Negativação

    Se você, como dizem popularmente, está com o “nome sujo na praça” saiba que a tarefa de passar em uma análise de crédito torna-se ainda mais difícil. Isso porque essa é uma etapa que pretende verificar justamente as chances de inadimplência.

    Publicidade

    Então, se você já deixou de pagar um compromisso feito anteriormente e necessita de uma nova concessão de empréstimo ou crédito, a instituição financeira conclui que dificilmente você terá condições de lidar com esse que está tentando firmar.

    Como foi possível perceber, a análise de crédito leva em consideração diversos fatores que pretendem assegurar, da forma mais efetiva possível, que aquele valor será pago.

    Contudo, antes de recorrer a essa análise feita por parte da instituição, é importante pensar nas finanças e entender, primeiramente, se você deve recorrer a esse tipo de compromisso financeiro.

    Agora que você já sabe como funciona uma análise de crédito, saberá o que precisa fazer para garantir a sua aprovação! Compartilhe com seus amigos e familiares para que eles fiquem por dentro dessas informações também!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?