Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioCartão de CréditoO que significa número BIN no cartão de crédito? Confira!

    O que significa número BIN no cartão de crédito? Confira!

    5
    (1)

    A sigla BIN significa Bank Identification Number. Ela é composta pelos seis primeiros dígitos do cartão e é utilizada para identificar o cartão bem como a empresa emissora. Os demais números do cartão identificam a conta individual do titular.

    Publicidade

    Vale ressaltar, entretanto, que os cartões de crédito normalmente têm entre 13 e 16 dígitos de identificação.

    Antes, eles ficavam sempre na parte da frente, próximos ao nome do titular, mas algumas instituições financeiras adotaram um visual diferente.

    Importância dos números de identificação do banco

    O BIN serve para identificar a bandeira, a financeira ou até a conta do banco do cliente, pois alguns cartões têm a função débito e crédito.

    Os números gravados no cartão ou gerados no site dos bancos e financeiras são exclusivos. Ou seja, não existem cartões com a mesma numeração no país.

    Isso facilita bastante as coisas e faz com que a cada compra o cartão emita uma assinatura digital que se comunica com as maquininhas trocando apenas alguns bits de informação.

    Publicidade

    Nas compras online é possível notar que após digitar os quatro primeiros dígitos, o site já mostra a bandeira do cartão. Os demais números identificam a região e os dados de registro do cliente junto ao banco e a financeira.

    Em resumo, o número do cartão de crédito serve para identificar a financeira, e o cadastro de crédito do cliente.

    + Um guia para proteger o cartão de crédito – Veja o que fazer!

    Como identificar o BIN no seu cartão?

    Apesar de parecer que os números do cartão de crédito são gerados aleatoriamente, eles seguem uma lógica e têm como função identificar alguns dados específicos sobre os usuários. Você sabia disso?

    Primeiro dígito

    Entre os números do cartão de crédito, o primeiro indica a empresa a qual pertence o cartão: uma companhia aérea, instituição bancária ou um varejista. Ele é conhecido como “identificador”.

    Os mais comuns são:

    Publicidade
    • 3: American Express
    • 4: Visa
    • 5: Mastercard
    • 6: Discover

    2° ao 6° dígito

    Os números presentes na posição 2 até a 6 representam o Número de Identificação do Emissor (IIN) ou, como também pode ser chamado o BIN.

    Como o nome sugere, este conjunto de números identifica qual instituição bancária foi a responsável pela emissão do cartão.

    Do 7° ao penúltimo dígito

    A partir do sétimo dígito até o penúltimo, os números identificam a conta individual do titular.

    Por isso, muitas vezes estes conjuntos de números são borrados, deixando de aparecer em boletos ou sites de compra, pois, são estes números que podem identificar sua conta.

    Mas, se você tem medo que aconteça algum tipo de fraude em seu cartão, fique tranquilo.

    Afinal, existem mais de 1 trilhão de combinações possíveis para cada emissor de cartão. Isso quer dizer que, mesmo que alguém saiba os primeiros números, será muito difícil descobrir os outros à base de tentativa e erro.

    cartões de crédito master e visa
    A sigla BIN vem do termo Bank Indetification Number que, traduzido, significa número de identificação bancária

    Último dígito

    O último dos números do cartão de crédito serve como um dígito verificador, um fator de segurança extra para impedir que fraudes aconteçam.

    Publicidade

    Este número foi originado a partir de uma fórmula matemática elaborada em 1954 pelo engenheiro da empresa de tecnologia IBM, Hans Peter Luhn.

    O algoritmo de Luhn consegue detectar erros na sequência. Dessa forma, se o portador digitar o número errado ou a máquina não fizer a leitura correta, o sistema processador de pagamento prontamente indicará que há alguma falha e impedirá a finalização da compra.

    Isso ocorre porque esse algoritmo é determinado com base em todos os outros números anteriores que formam a sequência de cada cartão.

    Por isso, se algo estiver em desacordo com o conjunto de números para o qual um cartão foi pensado, a transação não pode ser validada.

    Esse recurso é especialmente útil para evitar que hackers e golpistas consigam criar uma sequência aleatória de números que seja capaz de efetuar operações de compra com sucesso. Dessa forma, o dígito verificador protege clientes e fornecedores.

    + Cartão sem número é mais seguro?

    Dicas de segurança

    Agora que você já sabe onde identificar os números do seu cartão de crédito, em especial o BIN, é preciso saber que todo cuidado é pouco.

    Afinal, as informações do seu cartão são particulares, não compartilhe com qualquer pessoa. Se possível, com ninguém.

    Além disso, em compras online, verifique a autenticidade dos sites que vai realizar a compra, nunca em hipótese alguma forneça a senha do seu cartão para ninguém, sites confiáveis não precisam dessa informação para finalizar uma compra.

    No lugar da senha, é solicitado o CVV do seu cartão.

    E sempre que possível, use o seu cartão virtual. Hoje em dia, a maioria dos bancos digitais e fintechs oferecem essa opção, onde você pode bloquear e desbloquear sempre que quiser.

    Além disso, ele possui um tempo de duração curto. Ao realizar uma compra, é gerado outro cartão virtual com números diferentes, evitando clonagem.

    Em suma, siga esses cuidados. Afinal, os golpes contra clientes de bancos cresceram 165% no primeiro semestre de 2021 em comparação com o mesmo período de 2020, segundo levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

    Gostou desse texto? Achou ele bom? Então continue navegando em nosso site para aprender mais sobre cartões. Leia agora mesmo: “Caí em golpe com cartão de crédito. O que fazer?.

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Rafael Massadar
    Rafael Massadar
    Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioCartão de CréditoO que significa número BIN no cartão de crédito? Confira!

    O que significa número BIN no cartão de crédito? Confira!

    5
    (1)

    A sigla BIN significa Bank Identification Number. Ela é composta pelos seis primeiros dígitos do cartão e é utilizada para identificar o cartão bem como a empresa emissora. Os demais números do cartão identificam a conta individual do titular.

    Publicidade

    Vale ressaltar, entretanto, que os cartões de crédito normalmente têm entre 13 e 16 dígitos de identificação.

    Antes, eles ficavam sempre na parte da frente, próximos ao nome do titular, mas algumas instituições financeiras adotaram um visual diferente.

    Importância dos números de identificação do banco

    O BIN serve para identificar a bandeira, a financeira ou até a conta do banco do cliente, pois alguns cartões têm a função débito e crédito.

    Os números gravados no cartão ou gerados no site dos bancos e financeiras são exclusivos. Ou seja, não existem cartões com a mesma numeração no país.

    Isso facilita bastante as coisas e faz com que a cada compra o cartão emita uma assinatura digital que se comunica com as maquininhas trocando apenas alguns bits de informação.

    Publicidade

    Nas compras online é possível notar que após digitar os quatro primeiros dígitos, o site já mostra a bandeira do cartão. Os demais números identificam a região e os dados de registro do cliente junto ao banco e a financeira.

    Em resumo, o número do cartão de crédito serve para identificar a financeira, e o cadastro de crédito do cliente.

    + Um guia para proteger o cartão de crédito – Veja o que fazer!

    Como identificar o BIN no seu cartão?

    Apesar de parecer que os números do cartão de crédito são gerados aleatoriamente, eles seguem uma lógica e têm como função identificar alguns dados específicos sobre os usuários. Você sabia disso?

    Primeiro dígito

    Entre os números do cartão de crédito, o primeiro indica a empresa a qual pertence o cartão: uma companhia aérea, instituição bancária ou um varejista. Ele é conhecido como “identificador”.

    Os mais comuns são:

    Publicidade
    • 3: American Express
    • 4: Visa
    • 5: Mastercard
    • 6: Discover

    2° ao 6° dígito

    Os números presentes na posição 2 até a 6 representam o Número de Identificação do Emissor (IIN) ou, como também pode ser chamado o BIN.

    Como o nome sugere, este conjunto de números identifica qual instituição bancária foi a responsável pela emissão do cartão.

    Do 7° ao penúltimo dígito

    A partir do sétimo dígito até o penúltimo, os números identificam a conta individual do titular.

    Por isso, muitas vezes estes conjuntos de números são borrados, deixando de aparecer em boletos ou sites de compra, pois, são estes números que podem identificar sua conta.

    Mas, se você tem medo que aconteça algum tipo de fraude em seu cartão, fique tranquilo.

    Afinal, existem mais de 1 trilhão de combinações possíveis para cada emissor de cartão. Isso quer dizer que, mesmo que alguém saiba os primeiros números, será muito difícil descobrir os outros à base de tentativa e erro.

    cartões de crédito master e visa
    A sigla BIN vem do termo Bank Indetification Number que, traduzido, significa número de identificação bancária

    Último dígito

    O último dos números do cartão de crédito serve como um dígito verificador, um fator de segurança extra para impedir que fraudes aconteçam.

    Publicidade

    Este número foi originado a partir de uma fórmula matemática elaborada em 1954 pelo engenheiro da empresa de tecnologia IBM, Hans Peter Luhn.

    O algoritmo de Luhn consegue detectar erros na sequência. Dessa forma, se o portador digitar o número errado ou a máquina não fizer a leitura correta, o sistema processador de pagamento prontamente indicará que há alguma falha e impedirá a finalização da compra.

    Isso ocorre porque esse algoritmo é determinado com base em todos os outros números anteriores que formam a sequência de cada cartão.

    Por isso, se algo estiver em desacordo com o conjunto de números para o qual um cartão foi pensado, a transação não pode ser validada.

    Esse recurso é especialmente útil para evitar que hackers e golpistas consigam criar uma sequência aleatória de números que seja capaz de efetuar operações de compra com sucesso. Dessa forma, o dígito verificador protege clientes e fornecedores.

    + Cartão sem número é mais seguro?

    Dicas de segurança

    Agora que você já sabe onde identificar os números do seu cartão de crédito, em especial o BIN, é preciso saber que todo cuidado é pouco.

    Afinal, as informações do seu cartão são particulares, não compartilhe com qualquer pessoa. Se possível, com ninguém.

    Além disso, em compras online, verifique a autenticidade dos sites que vai realizar a compra, nunca em hipótese alguma forneça a senha do seu cartão para ninguém, sites confiáveis não precisam dessa informação para finalizar uma compra.

    No lugar da senha, é solicitado o CVV do seu cartão.

    E sempre que possível, use o seu cartão virtual. Hoje em dia, a maioria dos bancos digitais e fintechs oferecem essa opção, onde você pode bloquear e desbloquear sempre que quiser.

    Além disso, ele possui um tempo de duração curto. Ao realizar uma compra, é gerado outro cartão virtual com números diferentes, evitando clonagem.

    Em suma, siga esses cuidados. Afinal, os golpes contra clientes de bancos cresceram 165% no primeiro semestre de 2021 em comparação com o mesmo período de 2020, segundo levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

    Gostou desse texto? Achou ele bom? Então continue navegando em nosso site para aprender mais sobre cartões. Leia agora mesmo: “Caí em golpe com cartão de crédito. O que fazer?.

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?