Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Brasil entre os 10 países com maior fuga de milionários

Escrito por: Mateus Carvalho em 12 de setembro de 2018

O Brasil está entre os 10 países com maior fuga de milionários. É o que aponta uma pesquisa realizada pela empresa global de mercado New World Wealth. Esse é o terceiro ano consecutivo que o país fica no topTOP10 com maior fuga de milionários donos de US$1 milhão ou mais.

Desde 2015, já fugiram do Brasil mais de 12 mil imigrantes, somente da classe A. O ranking faz parte do Global Wealth Report Review 2018, que foi produzido pela consultoria com o apoio da AfrAsia Bank e com dados referentes ao ano anterior.

10 países com maior fuga de milionários
O Brasil está entre os 10 países com maior fuga de milionários, segundo pesquisa

A empresa, que está sediada em Joanesburgo, África do Sul, vem rastreando o movimento da riqueza no mundo desde 2013. De acordo com os dados da pesquisa, o Brasil ficou em sétimo lugar no ranking de fluxo de saída de milionários em 2017.

TOP10 países com maior fuga de milionários

1) China – perdeu 10 mil milionários;

2) Índia – perdeu 7 mil milionários;

3) Turquia – perdeu 6 mil milionários;

4) Reino Unido – perdeu 4 mil milionários;

5) França – perdeu 4 mil milionários;

6) Rússia – perdeu 3 mil milionários;

7) Brasil – perdeu 2 mil milionários;

8) Indonésia – perdeu 2 mil milionários;

9) Arábia Saudita – perdeu mil milionários;

10) Nigéria – perdeu mil milionários.

Devido à crise que a Venezuela está passando, o país aparece em 11º lugar com a perda de mil milionários no último ano.

Dessa forma, a riqueza privada da Venezuela diminuiu em 48%, no período de 2007 a 2017, de acordo com a consultoria.

Brasil nessa lista é um mau sinal

A pesquisa ainda alertou que essa perda pode ser um mau sinal para os 10 países com maior fuga de milionários. Afinal, isso pode revelar que os países estão com sérios problemas.

Isso porque a saída do dinheiro de um país pode ser o primeiro sintoma de que a economia e a política não estão bem. Dessa forma, a imigração efetiva de pessoas que têm mais de US$ 1 milhão é vista como um sintoma de crise grave.

Além disso, quando um país está em crise os milionários são os primeiros a deixarem o território. E são esse tipo de pessoas que têm dinheiro para ir para outros países, diferentemente das demais classes sociais.

De acordo com o Global Wealth Report Review 2018, a movimentação de dinheiro pelo mundo está acelerando. A pesquisa também apontou que aproximadamente 95 mil milionários migraram para outros países, somente em 2017.

Já em 2016, foram 82 mil indivíduos, e 64 mil em 2015. Toda essa movimentação é diferente da que está acontecendo com os refugiados ou migrantes. Estes mudam de país pelos motivos políticos e/ou econômicos. Enquanto os milionários não encontram obstáculos.

TOP 9 países que mais receberam milionários

1) Austrália – ganhou 10 mil milionários;

2) EUA – ganhou 9 mil milionários;

3) Canadá – ganhou 5 mil milionários;

4) Emirados Árabes Unidos – ganhou 5 mil milionários;

5) Caribe – ganhou 3 mil milionários;

6) Israel – ganhou 2 mil milionários;

7) Suíça – ganhou 2 mil milionários;

8) Nova Zelândia – ganhou mil milionários;

9) Singapura – ganhou mil milionários.

Austrália é o país mais procurado pelos milionários

A Austrália é o país que mais recebe os milionários que estão de mudança. Foi o que mostrou a pesquisa dos 10 países com maior fuga de milionários.

Isso se deve porque a Austrália tem como vantagem a base mais próxima para negócio com os países asiáticos. Além de ter uma taxação de herança mais baixa e ser considerada um país seguro.

Em relação às cidades dos 10 países com maior fuga de milionários, São Paulo ficou entre as sete cidades globais com maior índice de pessoas ricas que foram para outros países. Assim como Istambul, Jacarta, Lagos, Nigéria, Londres, Moscou e Paris.

No caso dos milionários brasileiros os destinos mais escolhidos são Portugal, Estados Unidos e Espanha. De acordo com dados do Banco Central, os dois primeiros responderam por 51% do investimento recorde de brasileiros em imóveis no exterior. Somente em  2017, foram somados US$3,2 bilhões.

 

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Arrecadação de impostos
entrevista de emprego
Desigualdade salarial
5G
cadastro positivo