Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Descubra como trabalhar em Portugal

Escrito por: Rafael Massadar em 1 de outubro de 2018

Cada vez mais brasileiros querem trabalhar em Portugal. Pelas estatísticas oficiais do Itamaraty, mais de 80 mil brasileiros moram hoje no país. No entanto, extraoficialmente esse número pode chegar a 116 mil.

Muitos cruzam o oceano Atlântico em busca de oportunidades que cada vez mais estão escassas no Brasil. Para se ter uma ideia, a taxa de desocupação no Brasil ficou em 12,1% no trimestre encerrado em agosto.

Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgada no final de setembro.

A pesquisa mostra ainda que a renda média real do trabalhador brasileiro foi de R$ 2.225,00 no trimestre terminado em agosto. Pouco abaixo comparado com a de Portugal.

O salário mínimo em terras lusitanas é 580 euros (sem tirar os descontos). Após os descontos, o salário fica em torno de, aproximadamente, 515 euros.

Nova lei de imigração em Portugal

trabalhar em Portugal

Trabalhar em Portugal ficou ainda mais fácil. O governo do país anunciou recentemente a nova lei de imigração.

Ela entra em vigor a partir de 1º de outubro para acelerar a retirada do visto de residência para estudantes e empreendedores. Além dos trabalhadores sazonais com contratos de trabalho assinados com empresas ligadas a áreas deficientes no país. Muitas delas na área de inovação e tecnologia.

Estes poderão solicitar o documento e enviar a documentação necessária pela internet. A meta é diminuir ainda mais a burocracia e o tempo de espera na obtenção do visto.

O principal objetivo da nova lei de imigração em Portugal, no entanto, é combater o desequilíbrio demográfico. Isso porque a população ativa cai ano a ano devido ao processo de envelhecimento da população portuguesa, além da imigração de jovens nativos para outros países europeus em busca de salários ainda maiores.

Outra razão da medida é impulsionar ainda mais o crescimento econômico que o país tem vivenciado nos últimos anos.

Profissões em alta para trabalhar em Portugal

trabalhar em PortugalLevantamento feito pela consultoria Michael Page aponta que os perfis comerciais e engenheiros ocuparam o topo da lista de prioridades das empresas em relação a contratações.

Da mesma forma, especialistas em tecnologias de informação (TI) são muito procurados.

Porém, fique atento, porque existem diferenças nessas opções nas regiões de Portugal.

No Norte, a procura de perfis de TI, engenheiros e profissionais de logística é mais alta do que nas outras regiões.

No Centro, perfis comerciais perdem a liderança para os perfis de engenharia, que atingem 43% das intenções de contratação das empresas.

No Sul, Marketing e Comunicação superam a procura de engenheiros.

No entanto, o boom turístico dos últimos anos em Portugal faz desta área uma das mais necessitadas de mão de obra. Só para se ter uma ideia, o país recebeu, em 2017, mais de 21 milhões de turistas.

Isso representa 10% a mais do que em 2016. Consequentemente, a tendência é que neste ano esse número cresça ainda mais.

Outras áreas em alta no país para brasileiros são Medicina e Direito.

Como procurar emprego em Portugal

A melhor maneira de encontrar vagas de emprego em Portugal é buscar nos sites de emprego do país. Os principais são:

Sapo empregos
Net-empregos
Indeed
CareerJet
Porto for Talent
Turijobs
IT Jobs
Indústria Criativa

Outra opção muito usada pelos brasileiros são os grupos do Facebook. Na rede social existem grupos específicos com vagas de emprego para algumas cidades, como Porto e Lisboa.

O LinkedIn também é uma ótima plataforma para encontrar oportunidades para trabalhar em Portugal. Muitas empresas colocam suas vagas e procuram colaboradores através do site.

Portanto, mantenha o seu perfil atualizado e procure as vagas nas áreas que mais lhe interessam.

Visto para trabalhar em Portugal

trabalhar em Portugal

Apesar da nova lei de imigração ter facilitado bastante a vida dequem procura um emprego em Portugal, também existem outras maneiras de ficar legal no país. São elas: o visto de empreendedor, o Startup Visa e o Golden Visa.

Todos esses vistos dão direito a trabalhar em Portugal, mas cada um deles tem seus pré-requisitos.

Eles podem ser requeridos no consulado português (quando a pessoa ainda estiver no Brasil) e no SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras), para aqueles que já estão em Portugal.

Economia portuguesa tem estimativa de crescimento

Ao contrário do cenário econômico do Brasil, Portugal deve crescer 2,3% em 2018. A estimativa é do Banco de Portugal (BdP). Existe ainda a expectativa de melhora de 1,9% em 2019 e 1,7% em 2020.

O crescimento do PIB deverá ser sustentado pelo forte dinamismo das exportações de bens e serviços, além do aumento do consumo privado.

Outra notícia boa para quem deseja trabalhar em Portugal é que o aumento do emprego ao longo dos próximos anos deve continuar. O BdP projeta a redução da taxa de desemprego para 5,6% em 2020.

Rafael Massadar

Jornalista com experiência em redação com pós-graduação em Comunicação Empresarial e Transmídia. Atualmente trabalho como assessor de imprensa.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

transferir dinheiro para o exterior
Brexit:
transferências do exterior
Japão
línguas mais úteis