Conversor de moedas Transferência internacional

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Destinos com passagens aéreas mais baratas no verão

Escrito por: Rafael Massadar em 8 de janeiro de 2019

A procura por destinos com passagens aéreas mais baratas cresce no verão. Este ano, principalmente no Brasil. Isso porque a alta do dólar afeta a demanda por viagens ao exterior.

Prova disso é o resultado do levantamento feito pela ferramenta de planejamento de viagens Kayak. O site apontou os 10 destinos mais procurados pelos turistas brasileiros em 2017 e 2018.

A cidade do Rio de Janeiro ficou em primeiro lugar no estudo. O que surpreende, no entanto, é o crescimento de destinos como Fortaleza, Salvador, Recife e até mesmo São Paulo.

Contudo, as cidades ultrapassaram destinos estrangeiros tradicionalmente populares, como Miami e Orlando. Miami caiu do primeiro para o sexto lugar.

Orlando, por sua vez, caiu de segundo para décimo primeiro lugar. E destinos como Paris, Nova Iorque e Santiago, em destaque no ano passado, nem aparecem no ranking.

Quanto aos nacionais, destinos no Nordeste têm destaque. Fortaleza se consolida como destino turístico, crescendo de quinta para a segunda posição.

Salvador cresce de quarto para terceiro lugar e Recife, de sétimo para quarto lugar. Maceió e Natal também tiveram crescimentos expressivos, e Porto Seguro, Porto Alegre e João Pessoa, que não apareciam no ranking ano passado, passaram a aparecer.

passagens aéreas mais baratas

15 destinos mais buscados por brasileiros em 2018

1 – Rio de Janeiro

2 – Fortaleza

3 – Salvador

4 – Recife

5 – São Paulo

6 – Miami

7 – Maceió

8 – Lisboa

9 – Natal

10 – Buenos Aires

11 – Orlando

12 – Florianópolis

13 – Porto Seguro

14 – Porto Alegre

15 – João Pessoa

Destinos com passagens aéreas mais baratas

passagens aéreas mais baratas
Dubrovnik, cidade da Croácia

Manaus lidera a lista dos destinos com passagens aéreas mais baratas do site Kayak. O interesse na capital amazonense cresceu 345% em relação ao ano anterior.

A relação também mostra um destino beneficiado pelo sucesso da seleção da Croácia na Copa do Mundo da Rússia, em 2018: Dubrovnik.

Confira abaixo a lista completa, acompanhada pelo período de antecedência que os analistas do site consideram o melhor para comprar as passagens aéreas :

1 – Manaus: 345% (quatro a cinco semanas)

2 – Dubrovnik (Croácia): 264% (três a quatro meses)

3 – Foz do Iguaçu: 166% (dois meses)

4 – Mykonos (Grécia): 104% (três a quatro meses)

5 – Lima (Peru): 89% (dois meses)

6 – Bogotá (Colômbia): 51% (seis semanas)

7 – Tel Aviv (Israel): 39% (um mês)

8 – Melbourne (Austrália): 26% (três a quatro meses)

9 – Joanesburgo (África do Sul): 17% (um mês)

10 – Guadalajara (México): 7% (três a quatro meses)

Novas rotas impulsionam o Nordeste

Região com diversos dos destinos com passagens aéreas mais passagens aéreas mais baratasbaratas no verão, o Nordeste recebe cada vez mais voos. A companhia aérea Gol, por exemplo, já alocou seis aeronaves para atender Fortaleza.

Outra empresa que vem investindo no mercado nordestino é a Latam. A aérea e o Governo do Ceará fecharam recentemente uma parceria de longo prazo.

Uma das medidas é o incentivo fiscal visando a retomar, ampliar e criar novos voos nacionais e internacionais a partir da capital Fortaleza.

Pernambuco também aumentou sua conectividade. O estado pulou de 14 destinos nacionais para mais de 30 em 2017.

A ampliação da malha aérea também é um objetivo da Bahia.

Voos extras prometem deixar passagens aéreas mais baratas

Com a chegada da alta temporada de verão, as companhias aéreas vão oferecer mais de 14 mil voos extras até o final de fevereiro. O objetivo é atender a demanda de passageiros.

O aumento do número de voos deve gerar cerca de 1,8 milhão de assentos adicionais. A notícia boa é que essas frequências devem deixar as passagens aéreas mais baratas.

A companhia aérea Azul é a principal responsável pelo aumento em relação ao último verão. A empresa planeja colocar em operação 6 mil voos extras, o dobro do último verão.

No entanto, o maior número de viagens adicionais para a alta temporada será da Gol. A companhia planeja 7 mil voos extras, contra 5 mil da temporada anterior.

A Latam deve ter os mesmos mil voos adicionais realizados na última temporada de verão.

A Avianca terá 200 operações adicionais. No último verão, a empresa teve 517 voos extras.

Rafael Massadar

Jornalista com experiência em redação com pós-graduação em Comunicação Empresarial e Transmídia. Atualmente trabalho como assessor de imprensa.

Deixe um comentário

Posts relacionados

trabalhar fora do país
nome no SPC pode tirar passaporte
Como economizar em Nova York: veja essas dicas
passeios gratuitos na Europa
destinos-mais-baratos-para-passar-o-Réveillon