Início Notícias Finanças Pessoais Informe de rendimentos: o que é e como retirar

Informe de rendimentos: o que é e como retirar

Tempo de leitura: 3 minutos
0
(0)

Os contribuintes estão se preparando para acertar as contas com o Fisco — autoridade fazendária que tem como obrigação controlar e fiscalizar o cumprimento da legislação tributária. Por isso, agora é a hora de começar a reunir a documentação necessária e, dentre elas, está o informe de rendimentos.

Nele constam todos os ganhos que foram recebidos ao longo do ano anterior. Desta forma, o documento deve estar entre os anexos da Declaração de Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF), com o objetivo de identificar quais foram os rendimentos tributáveis, não tributáveis e isentos.

Tendo em vista a importância deste documento, preparamos um texto para você entender o que é o informe de rendimento e como é possível retirá-lo. Continue a leitura para saber mais.

O que é informe de rendimentos?

O informe de rendimentos é um documento que consta todos os valores recebidos no período de um ano por uma pessoa física. Ele também é conhecido como comprovante de rendimentos.

Em geral, os rendimentos são apresentados de forma acumulada e referente ao ano anterior. Essas informações são essenciais na hora de elaborar a IRPF. No entanto, também podem ser úteis para outras ocasiões.

Vale lembrar que há diversos modelos de informes de rendimento, os quais podem ser obtidos pelos contribuintes. Os mais comuns são os fornecidos por:

  • Bancos;
  • INSS;
  • Empresa;
  • Corretora de investimentos.
informe-de-rendimentos
Saiba o que é informe de rendimento e como conseguir o documento

Como obter o documento?

Quando for preencher a declaração do Imposto de Renda (IR), é comum notar que está faltando algum comprovante de rendimentos.

+ Autônomo precisa declarar Imposto de Renda?

Por isso, saiba que esse documento pode ser emitido pelas instituições financeiras, empregadores ou outras fontes que efetuaram a retenção do IR.

Resumindo: todas as pessoas, sejam elas jurídicas ou físicas, e que tenham feito pagamentos para outra PF ou PJ, em que os valores estejam sujeitos à retenção do IR, devem fazer o envio do documento preenchido.

Desta maneira, os principais responsáveis pelo preenchimento do informe de rendimentos são:

  • Bancos;
  • INSS;
  • Empresas contratantes;
  • Corretoras;
  • Gestoras independentes;
  • A própria pessoa física.

Além disso, se a pessoa é funcionária da empresa ou foi contratada como autônoma, por exemplo, deve solicitar à PJ que disponibilize o comprovante de rendimentos.

Se a resposta for negativa, ou seja, a instituição não quiser providenciar o documento, o contribuinte deve entrar imediatamente em contato com a Receita Federal e comunicá-la sobre a situação.

Desta forma, se você precisa do informe de rendimentos, a orientação é entrar em contato com as fontes pagadoras o quanto antes, a fim de solicitar o documento. 

Em caso de negativa, o contribuinte deve acionar a Receita Federal e comunicar a situação.

Quais são os tipos de informe?

Existem diferentes tipos de informe. O mais comum, no entanto, é o rendimentos da empresa, que obrigatoriamente deve ser fornecido pelas instituições aos funcionários.

Vale lembrar que há um prazo para que o documento seja feito. Em geral, acaba logo antes do início do período de entregada do IRFP, uma vez que há necessidade dos dados apresentados ali serem informados à Receita Federal.

O mesmo vale para o informe de rendimentos do banco, cujo prazo de entrega é o mesmo que o das empresas.

Outros tipos de comprovantes podem ser:

  • Poupança;
  • Previdência Privada;
  • Décimo terceiro salário;
  • Indenização por rescisão de contrato do trabalho.

Para quem é aposentado ou pensionista, o informe deverá ser obtido junto ao INSS. Este, por exemplo, é um dos comprovantes que podem ser retirados pela internet, no site do órgão.

No documento, devem constar os extratos de investimentos, saldos de contas — poupança ou conta corrente —, além do rendimento da poupança.

Vale lembrar que também existem informes de rendimentos de PJ para PJ ou de PF para PF.

E você, conseguiu entender sobre o informe de rendimentos com este texto? Compartilhe conosco, e com os demais leitores, as suas dúvidas ou caso queira complementar sobre o assunto nos comentários.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tempo de leitura: 3 minutos
Camila Miranda
Nascida na Zona Oeste do Rio, me divido entre jornalismo e marketing digital. Com três anos de experiência em Comunicação, já trabalhei em redação de jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Hoje, faço gestão de mídias sociais e produção de conteúdo. Amo assuntos sobre as áreas cultural e política. Reclamo do transporte público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui