Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

O que é Risco Brasil e como ele afeta seu bolso

Escrito por: Rafael Massadar em 11 de junho de 2019

A agência Fitch Ratings classificou recentemente o Risco Brasil como “BB-“.

Ela explica que os motivos são a fraqueza estrutural das finanças públicas e alto endividamento do governo, em meio à necessidade de avançar com a reforma da Previdência.

Com essa nota, o país permanece três degraus abaixo da faixa chamada de grau de investimento, considerada de baixo risco.

No ano passado, Standard &Poor’s e Fitch rebaixaram a nota do Brasil. Ambas colocaram o rating do país três degraus abaixo do grau de investimento.

Já a Moody´s manteve o país dois degraus abaixo do grau de investimento.

Risco Brasil

O que é o Risco Brasil?

Risco Brasil é um indicador que determina o grau de instabilidade econômica de cada país. Ele mede o grau de desconfiança dos investidores em aplicar seus recursos em determinado país.

Quanto maior o indicador, maior o risco do país, denotando forte desconfiança dos investidores em aplicar capital na economia.

Essa desconfiança reflete basicamente a impossibilidade de o país não liquidar os pagamentos devidos de suas dívidas.

No entanto, medir o risco de um país pode ser um esforço complicado. Os investidores têm de levar centenas de diferentes fatores em consideração.

Por exemplo, um aumento das taxas de juros pode ajudar muito as empresas de um país e também o mercado de ações.

Até mesmo um comentário simples de um político insinuando planos para o futuro pode ter tão grande impacto.

Como é feita a classificação das agências de risco?

As agências têm uma longa escala de classificação, com mais 20 notas.

Em resumo, são dois terrenos e uma muralha. Quem está a partir de um determinado nível tem o carimbo de grau de investimento.

Quanto mais longe do muro, mais eficiente e confiável é a economia e menor o seu risco. O triplo A, por exemplo, é a nota da Alemanha.

Alguns fundos de investimento só colocam dinheiro em países desse terreno. Do outro lado é o grau especulativo.

Países arriscados, com economia problemática e menos confiável. Os investidores pensam duas vezes antes de entrar.

Alguns fundos de pensão internacionais, de países da Europa ou os Estados Unidos, por exemplo, seguem a regra de que só se pode investir em títulos de países que estão classificados com grau de investimento por agências internacionais.

Por isso, essa “nota” permite que o país receba recursos de investidores interessados em aplicar seu dinheiro naquele local.

A importância do Risco Brasil para os investidores

O Risco Brasil tem grande importância para os investidores. Isso porque um trader de sucesso analisa uma série de índices.

Entretanto, há muitos estrangeiros compondo o mercado futuro e a bolsa no Brasil.

Se o Risco Brasil estiver alto, a tendência é o desaquecimento das operações, o que prejudica também os traders nacionais.

Na situação oposta, com o índice controlado, o brasileiro que opera com esses players estrangeiros é favorecido, pois as posições que possui podem ser favorecidas.

A questão macroeconômica também deve ser observada. Afinal, é um ponto muito importante para os traders.

Um risco controlado é sinal de um país com inflação estabilizada, gerando emprego, com cenário político tranquilo e a dívida pública da mesma forma.

Rafael Massadar

Jornalista com experiência em redação com pós-graduação em Comunicação Empresarial e Transmídia. Atualmente trabalho como assessor de imprensa.

Deixe um comentário

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Economia colaborativa: o que é e como se beneficiar dela
Salário mínimo
C6 Bank é o mais novo banco digital do Brasil
Open Banking
Crise na Argentina