InícioNotíciasEconomiaPix é seguro? Conheça as camadas de proteção do sistema

Pix é seguro? Conheça as camadas de proteção do sistema

Tempo de leitura: 3 minutos
()

Fazer um pagamento por meio do Pix é realmente seguro? O Banco Central afirma que as transações financeiras são seguras.

Foram desenvolvidas camadas de proteção para garantir que todas as transações feitas por Pix sejam extremamente seguras.

O sistema começa a funcionar no dia 16 de novembro. Mas antes de entrar no quesito segurança, vale explicar: o que é Pix?

Ele é um meio de pagamento que traz praticidade e aumenta a velocidade em que pagamentos ou transferências são feitos e recebidos.

Qualquer pessoa física ou jurídica que tenha uma conta transacional pode usar. O Pix poderá ser disponibilizado pelas instituições em diversos canais de acesso, como o smartphone.

Outros possíveis canais que podem ser oferecidos a critério de cada instituição, são: internet banking e presencialmente nas agências, nos caixas eletrônicos ou nos correspondentes bancários, como lotéricas, por exemplo.

Outra pessoa tentou se cadastrar com meus dados: o que fazer?

Nesse caso, você receberá um alerta de que aquele dado pessoal está sendo utilizado em outro lugar. Você pode reivindicar seus dados e comprovar que é dono deles, mas cada banco tem o seu processo.

Uma chave usada em um banco não poderá ser também cadastrada em outro banco, ao mesmo tempo. Mas, se quiser, você poderá fazer a portabilidade das suas chaves de uma conta para outra a qualquer momento.

Contudo, lembre-se apenas que você só pode criar até cinco chaves por conta.

Agora, que você já entendeu o que é o Pix e como ele funciona, chegou a hora de acabar com uma dúvida importante: o Pix é seguro?

Sim. O Banco Central desenvolveu várias camadas de proteção para garantir que todas as transações feitas por Pix sejam extremamente seguras. São elas:

1 – Motores antifraude

Esses motores servem para identificar operações suspeitas, que não combinam com o perfil do usuário. Dessa forma, quando uma movimentação estranha acontece na conta a operação é rejeitada.

Ou seja, se alguém um dia tentar se passar por você na hora de fazer um pagamento por Pix, muito provavelmente o dinheiro continuará na sua conta.

2 – Marcadores de fraude

Como você já sabe, o Pix faz parte do Sistema de Pagamentos Instantâneos.

Nesse sistema também existem mecanismos de segurança. Um deles identifica uma fraude e alerta para todo o sistema quem é o usuário que realizou a fraude.

Assim, todas as instituições que trabalham com o Pix já são informadas da situação e podem tomar outras medidas para proteger seus clientes.

3 – Criptografia

Todos os dados que circulam dentro do sistema do Pix são criptografados. Mas o que isso significa?

Na prática, os dados que são fornecidos são transformados em códigos, o que impede que um hacker entre no sistema e tenha acesso às informações enviadas.

4 – Autenticação

A autenticação é um jeito comum e eficiente de evitar fraudes. Existem várias maneiras de fazer isso: seja por senha, token, ou então reconhecimento biométrico (como pelas impressões digitais, por exemplo).

Todo cuidado é pouco ao realizar uma transferência

Já percebeu que foi tudo bem pensado para evitar qualquer problema, né? Mas você deve seguir algumas dicas para deixar tudo ainda mais seguro.

Pix é seguro
O Pix é seguro, mas cuidado com golpes e possíveis fraudes

1 – Evite fazer operações usando redes abertas de wi-fi

Esse tipo de conexão tende a ser menos segura, por isso hackers conseguem ter acesso a dados importantes mais facilmente. É uma boa ideia só fazer transferências online utilizando uma rede de wi-fi protegida por senha.

2 – Sempre atualize seu app

Seu banco provavelmente vai tornar as coisas mais práticas e seguras para você. Portanto, atualize seu aplicativo. Dessa forma, você garante que estará usando a melhor e mais protegida versão do app.

3 – Verifique onde está cadastrando suas chaves

Só cadastre seus dados em sites confiáveis. Nada de entrar em links suspeitos e desconhecidos.

Já viu que o Pix é seguro, mas ainda tem dúvidas sobre a ferramenta? Saiba tudo sobre o novo meio de pagamentos aqui!

O que achou disso?

Média da classificação / 5. Número de votos:

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

Tempo de leitura: 3 minutos
Rafael Massadar
Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimos Artigos