Mais
    InícioFGTSFGTS distribuirá lucro de R$8,12 bilhões. Confira se tem direito!

    FGTS distribuirá lucro de R$8,12 bilhões. Confira se tem direito!

    0
    (0)

    O Conselho Curador do FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – definiu nesta terça-feira, 17, o percentual do lucro de rendimentos do fundo do ano passado que será distribuído aos trabalhadores.

    O repasse será de R$8,12 bilhões no total, o que representa 96% do resultado registrado em 2020. De acordo com o Ministério da Economia, cerca de 191,2 milhões de contas vinculadas ao fundo serão contempladas.

    Esse repasse da parte dos lucros do FGTS aos trabalhadores acontece desde 2017. Eles são provenientes de juros cobrados de empréstimos a projetos de infraestrutura, saneamento e crédito da casa própria.

    Por lei, o FGTS já rende a uma taxa de 3% ao ano sobre os recursos dos trabalhadores mais a variação da Taxa Referencial (TR). Porém, como a distribuição desse lucro, tem-se um ganho adicional.

    O repasse é creditado sobre o saldo existente nas contas ativas e inativas no dia 31 de dezembro. Mas quando o dinheiro vai cair na conta? Todos têm direito a receber o valor? FinanceOne responde!

    Como funciona o repasse do lucro do FGTS?

    A Caixa Econômica Federal informou que o repasse deste ano será pago diretamente nas contas vinculadas de titularidade dos trabalhadores. O valor deverá ser depositado até o dia 31 de agosto de 2021.

    E sim, todos os trabalhadores com conta vinculada têm direito.

    Lembrando que o saldo do FGTS pode ser consultado no site da Caixa Econômica, pelo aplicativo FGTS ou pessoalmente, no balcão de atendimento de agências da Caixa.

    Os R$8,12 bilhões serão distribuídos proporcionalmente, conforme o saldo das contas. Ou seja, quanto maior o saldo do cidadão, maior o lucro que ele vai receber.

    Por isso a quantia que será creditada vai variar de pessoa para pessoa.

    Vale destacar que o recebimento desse lucro não muda as regras para o saque do FGTS, que só pode ser feito em casos como: demissão, compra da casa própria, doença grave, aposentadoria.

    O saque-aniversário também segue a mesma lógica: uma parte do saldo pode ser retirada até dois meses após o mês de aniversário, sem direito à retirada do saldo total em caso de demissão sem justa causa.

    Mão segura celular aberto na tela inicial do aplicativo FGTS
    Trabalhadores vão receber o lucro do FGTS proporcionalmente ao saldo na conta vinculada (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

    Repasse do lucro melhora rendimentos do fundo

    A distribuição de um percentual dos lucros do FGTS para os trabalhadores, que acontece desde 2017, melhora o rendimento dos recursos depositados no fundo.

    No repasse referente ao lucro 2019, distribuído no ano passado, por exemplo, o rendimento foi de 4,9%. Ou seja, para cada R$100 que o trabalhador tinha de saldo no dia 31 de dezembro de 2019, foi depositado em sua conta no fundo mais R$1,90.

    E para este ano?

    De acordo com o Governo Federal, desta vez se alcançará um rendimento de 4,92%, contra uma variação de 4,52% da inflação.

    O rendimento também ficará acima da poupança, que encerrou 2020 com um retorno negativo de 2,30%.

    Esse conteúdo foi útil? Então compartilhe com seus amigos que também possuem conta vinculada ao FGTS!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Tamires Silva
    Tamires Silva
    Jornalista e Redatora do FinanceOne, onde suas finanças começam.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioFGTSFGTS distribuirá lucro de R$8,12 bilhões. Confira se tem direito!

    FGTS distribuirá lucro de R$8,12 bilhões. Confira se tem direito!

    0
    (0)

    O Conselho Curador do FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – definiu nesta terça-feira, 17, o percentual do lucro de rendimentos do fundo do ano passado que será distribuído aos trabalhadores.

    O repasse será de R$8,12 bilhões no total, o que representa 96% do resultado registrado em 2020. De acordo com o Ministério da Economia, cerca de 191,2 milhões de contas vinculadas ao fundo serão contempladas.

    Esse repasse da parte dos lucros do FGTS aos trabalhadores acontece desde 2017. Eles são provenientes de juros cobrados de empréstimos a projetos de infraestrutura, saneamento e crédito da casa própria.

    Por lei, o FGTS já rende a uma taxa de 3% ao ano sobre os recursos dos trabalhadores mais a variação da Taxa Referencial (TR). Porém, como a distribuição desse lucro, tem-se um ganho adicional.

    O repasse é creditado sobre o saldo existente nas contas ativas e inativas no dia 31 de dezembro. Mas quando o dinheiro vai cair na conta? Todos têm direito a receber o valor? FinanceOne responde!

    Como funciona o repasse do lucro do FGTS?

    A Caixa Econômica Federal informou que o repasse deste ano será pago diretamente nas contas vinculadas de titularidade dos trabalhadores. O valor deverá ser depositado até o dia 31 de agosto de 2021.

    E sim, todos os trabalhadores com conta vinculada têm direito.

    Lembrando que o saldo do FGTS pode ser consultado no site da Caixa Econômica, pelo aplicativo FGTS ou pessoalmente, no balcão de atendimento de agências da Caixa.

    Os R$8,12 bilhões serão distribuídos proporcionalmente, conforme o saldo das contas. Ou seja, quanto maior o saldo do cidadão, maior o lucro que ele vai receber.

    Por isso a quantia que será creditada vai variar de pessoa para pessoa.

    Vale destacar que o recebimento desse lucro não muda as regras para o saque do FGTS, que só pode ser feito em casos como: demissão, compra da casa própria, doença grave, aposentadoria.

    O saque-aniversário também segue a mesma lógica: uma parte do saldo pode ser retirada até dois meses após o mês de aniversário, sem direito à retirada do saldo total em caso de demissão sem justa causa.

    Mão segura celular aberto na tela inicial do aplicativo FGTS
    Trabalhadores vão receber o lucro do FGTS proporcionalmente ao saldo na conta vinculada (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

    Repasse do lucro melhora rendimentos do fundo

    A distribuição de um percentual dos lucros do FGTS para os trabalhadores, que acontece desde 2017, melhora o rendimento dos recursos depositados no fundo.

    No repasse referente ao lucro 2019, distribuído no ano passado, por exemplo, o rendimento foi de 4,9%. Ou seja, para cada R$100 que o trabalhador tinha de saldo no dia 31 de dezembro de 2019, foi depositado em sua conta no fundo mais R$1,90.

    E para este ano?

    De acordo com o Governo Federal, desta vez se alcançará um rendimento de 4,92%, contra uma variação de 4,52% da inflação.

    O rendimento também ficará acima da poupança, que encerrou 2020 com um retorno negativo de 2,30%.

    Esse conteúdo foi útil? Então compartilhe com seus amigos que também possuem conta vinculada ao FGTS!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?