Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioFGTSÉ possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico? Confira!

    É possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico? Confira!

    5
    (1)

    Muitas pessoas planejam sua economia com base no Funda de Garantia. Porém, existem algumas questões que precisam ser esclarecidas para o uso desse dinheiro. Confira, nesse artigo, se é possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico e como fazer isso.

    Publicidade

    Como funciona o FGTS?

    FGTS é uma sigla para Fundo de Garantia de Tempo de Serviço. Em outras palavras, podemos dizer que é uma espécie de poupança compulsória que é um direito do trabalhador que se encontra dentro das atribuições de CLT.

    Nessa perspectiva, quando o empregado é contratado, o empregador passa a destinar um valor de 8% do salário para o Fundo de Garantia.

    Sendo assim, esse recurso é uma maneira das pessoas terem uma reserva caso aconteça alguma coisa que encerre seu vínculo com o emprego. Uma situação que pode servir de exemplo é uma demissão sem justa causa.

    Logo, podemos entender que apesar de ser um direito, não é possível mexer nessa poupança da forma que quiser. Ou seja, existem algumas regras para ter acesso ou não ao valor.

    Pessoa segurando cartão cidadão com algumas notas de reais para usar o FGTS
    Descubra se é possível sacar o FGTS direto do caixa eletrônico

    + Novo app FGTS: veja como funciona e como consultar o saldo

    Publicidade

    Quando posso sacar o FGTS?

    Para regulamentar a proposta, temos a Lei 8.036/1990. De acordo com ela, existem alguns casos específicos que autorizam o trabalhador a sacar o FGTS. Entenda quais são:

    • Aposentadoria;
    • Conta inativa com depósitos de créditos há três anos, em que afastamento do trabalhador tenha ocorrido até 13/07/1990;
    • Conta inativa com depósitos de créditos há três anos, fora do regime do FGTS, com afastamento a partir de 14/07/1990;
    • Compra, amortização de dívida ou financiamento de casa própria;
    • Estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente) ou morte do trabalhador;
    • Fim do contrato por prazo determinado;
    • Idade igual ou superior a 70 anos;
    • Necessidade pessoal decorrente de uma situação de calamidade mediante ao consentimento dos órgãos reguladores (caso de perdas em chuvas e desastres naturais).
    • Rescisão do contrato;
    • Suspensão de trabalho avulso.

    Também existe a modalidade do saque aniversário, em que o trabalhador pode sacar o FGTS todo ano no mês em que completa mais um ano de vida. Por outro lado, existe também o saque rescisão, em que é possível retirar o saldo total (incluindo a multa rescisória) quando demitido sem justa causa.

    Nesse caso, o trabalhador deve escolher entre uma das modalidades para ter acesso ao dinheiro de acordo com as regras de cada uma. A escolha pode ser feita no próprio aplicativo do FGTS, disponível para Android e iOS.

    + É obrigatório retirar o saque emergencial do FGTS? Entenda!

    É possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico?

    Se você quer saber se é possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico, a resposta é sim. Porém, existem alguns pontos em que é necessário ter atenção para conseguir o dinheiro.

    Publicidade

    Existem, basicamente, dois cenários: quando o trabalhador tem em mãos o Cartão Cidadão e possui ou não a sua senha de acesso.

    Caso ele não tenha a senha, será possível sacar o FGTS de, no máximo, R$1.500. Por outro lado, com a senha, é possível resgatar até R$3.000. Se os valores desejados excedem a essas limitações, será necessário comparecer ao atendimento presencial da Caixa Econômica. Lembre-se de levar um documento oficial com foto na ocasião.

    Mas, caso prefira, é possível fazer o saque de uma quantia menor que R$3.000 em atendimento presencial na Caixa Aqui ou em lotéricas. Para isso, o trabalhador precisa levar o seu Cartão Cidadão, senha e documento com foto.

    Esses limites são necessários para garantir a segurança do trabalhador e dos seus direitos. Assim, quando o valor for superior a R$ 3 mil, o saque do FGTS ocorre exclusivamente no atendimento presencial da Caixa Econômica Federal (CEF). Dessa forma, deve-se estar em posse de um documento pessoal com foto.

    Gostou do conteúdo? Que tal compartilhar com amigos e familiares para que eles saibam mais sobre sacar o FGTS em caixa eletrônico?

    Publicidade

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Isabella Mercedes
    Isabella Mercedes
    Estudante de Letras que tem muita curiosidade por tudo o que tem a ver com Tecnologia e Inovação. Cria da Baixada Fluminense e vascaína de coração. Adora suspense policial, mas a maior paixão de todas é escrever: seja sobre finanças ou sobre qualquer outra coisa.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioFGTSÉ possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico? Confira!

    É possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico? Confira!

    5
    (1)

    Muitas pessoas planejam sua economia com base no Funda de Garantia. Porém, existem algumas questões que precisam ser esclarecidas para o uso desse dinheiro. Confira, nesse artigo, se é possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico e como fazer isso.

    Publicidade

    Como funciona o FGTS?

    FGTS é uma sigla para Fundo de Garantia de Tempo de Serviço. Em outras palavras, podemos dizer que é uma espécie de poupança compulsória que é um direito do trabalhador que se encontra dentro das atribuições de CLT.

    Nessa perspectiva, quando o empregado é contratado, o empregador passa a destinar um valor de 8% do salário para o Fundo de Garantia.

    Sendo assim, esse recurso é uma maneira das pessoas terem uma reserva caso aconteça alguma coisa que encerre seu vínculo com o emprego. Uma situação que pode servir de exemplo é uma demissão sem justa causa.

    Logo, podemos entender que apesar de ser um direito, não é possível mexer nessa poupança da forma que quiser. Ou seja, existem algumas regras para ter acesso ou não ao valor.

    Pessoa segurando cartão cidadão com algumas notas de reais para usar o FGTS
    Descubra se é possível sacar o FGTS direto do caixa eletrônico

    + Novo app FGTS: veja como funciona e como consultar o saldo

    Publicidade

    Quando posso sacar o FGTS?

    Para regulamentar a proposta, temos a Lei 8.036/1990. De acordo com ela, existem alguns casos específicos que autorizam o trabalhador a sacar o FGTS. Entenda quais são:

    • Aposentadoria;
    • Conta inativa com depósitos de créditos há três anos, em que afastamento do trabalhador tenha ocorrido até 13/07/1990;
    • Conta inativa com depósitos de créditos há três anos, fora do regime do FGTS, com afastamento a partir de 14/07/1990;
    • Compra, amortização de dívida ou financiamento de casa própria;
    • Estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente) ou morte do trabalhador;
    • Fim do contrato por prazo determinado;
    • Idade igual ou superior a 70 anos;
    • Necessidade pessoal decorrente de uma situação de calamidade mediante ao consentimento dos órgãos reguladores (caso de perdas em chuvas e desastres naturais).
    • Rescisão do contrato;
    • Suspensão de trabalho avulso.

    Também existe a modalidade do saque aniversário, em que o trabalhador pode sacar o FGTS todo ano no mês em que completa mais um ano de vida. Por outro lado, existe também o saque rescisão, em que é possível retirar o saldo total (incluindo a multa rescisória) quando demitido sem justa causa.

    Nesse caso, o trabalhador deve escolher entre uma das modalidades para ter acesso ao dinheiro de acordo com as regras de cada uma. A escolha pode ser feita no próprio aplicativo do FGTS, disponível para Android e iOS.

    + É obrigatório retirar o saque emergencial do FGTS? Entenda!

    É possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico?

    Se você quer saber se é possível sacar o FGTS direto no caixa eletrônico, a resposta é sim. Porém, existem alguns pontos em que é necessário ter atenção para conseguir o dinheiro.

    Publicidade

    Existem, basicamente, dois cenários: quando o trabalhador tem em mãos o Cartão Cidadão e possui ou não a sua senha de acesso.

    Caso ele não tenha a senha, será possível sacar o FGTS de, no máximo, R$1.500. Por outro lado, com a senha, é possível resgatar até R$3.000. Se os valores desejados excedem a essas limitações, será necessário comparecer ao atendimento presencial da Caixa Econômica. Lembre-se de levar um documento oficial com foto na ocasião.

    Mas, caso prefira, é possível fazer o saque de uma quantia menor que R$3.000 em atendimento presencial na Caixa Aqui ou em lotéricas. Para isso, o trabalhador precisa levar o seu Cartão Cidadão, senha e documento com foto.

    Esses limites são necessários para garantir a segurança do trabalhador e dos seus direitos. Assim, quando o valor for superior a R$ 3 mil, o saque do FGTS ocorre exclusivamente no atendimento presencial da Caixa Econômica Federal (CEF). Dessa forma, deve-se estar em posse de um documento pessoal com foto.

    Gostou do conteúdo? Que tal compartilhar com amigos e familiares para que eles saibam mais sobre sacar o FGTS em caixa eletrônico?

    Publicidade

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?