Mais
    InícioNotíciasFinanças PessoaisSaque-aniversário do FGTS: veja o que ocorre na desistência

    Saque-aniversário do FGTS: veja o que ocorre na desistência

    3.5
    (16)

    Aderiu ao saque-aniversário do FGTS? Está pensando em desistir? Não sabe o que acontece nesses casos? Fique calmo, que iremos te explicar tudo.

    Para quem não sabe, é por essa modalidade que o trabalhador pode retirar parte do saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço anualmente.

    E isso acontece acrescido de uma parcela adicional, próximo ao mês do aniversário do trabalhador brasileiro. Mas para ter direito a esse saque é preciso fazer um requerimento à Caixa Econômica.

    Carteira de trabalho e dinheiro do saque do FGTS
    O saque-aniversário do FGTS deve ser solicitado pelo aplicativo da Caixa

    Porém, existe um detalhe que muitos brasileiros estão deixando passar ao contratar essa modalidade do saque do FGTS. O saque-aniversário impede que o trabalhador receba a totalidade do dinheiro do fundo, em caso de demissão.

    Vale ressaltar que caso você seja dispensado, irá receber somente o valor referente à multa de 40% paga pelo empregador, isso sobre o valor total depositado no fundo.

    O que acontece em caso de desistência do saque-aniversário?

    Pode acontecer, por exemplo, de o trabalhador ter solicitado o saque-aniversário do FGTS, mas depois ter se arrependido da adesão. Nesses casos, você pode não saber a resposta para a seguinte pergunta: o que acontece em casos de desistências?

    Para quem desistir dessa opção depois de já ter solicitado, será possível retornar para o saque do FGTS na modalidade rescisão apenas dois anos após a data da mudança. E essa regra é válida para todos.

    Dessa forma, o trabalhador ainda terá direito aos valores que são depositados na conta do fundo. Mas, apenas podendo retirá-los a partir do término do período de carência da migração que solicitou para o saque-aniversário. 

    O que muitos aconselham é fazer a solicitação para o saque-aniversário em casos de urgência, para que não haja essas situações de arrependimento.

    Dessa forma, o saque-aniversário não deve ser entendido como uma espécie de consumo, mas sim para emergências, assim como têm sido os últimos saques emergenciais liberados pelo governo federal.

    Como aderir ao saque-aniversário do FGTS

    Aderir ou não ao saque-aniversário do FGTS é uma opção do trabalhador e essa decisão deverá ser comunicada à Caixa. Mas caso você não comunique, os valores só poderão ser retirados somente quando previstos legalmente.

    Como por exemplo, para realizar a compra da casa própria, aposentadoria, doença grave e demissão sem justa causa.

    Tanto a adesão quanto a consulta ao saldo das contas vinculadas ao FGTS podem ser realizadas na agência bancária, pelo aplicativo do fundo ou pelo próprio site da Caixa.

    Ao solicitar o saque-aniversário, o beneficiário será informado sobre o valor do seu saldo. É importante frisar que isso deve acontecer antes do registro efetivo da opção escolhida pelo trabalhador.

    Percentual a ser sacado no saque-aniversário do FGTS

    Ao aderir o saque-aniversário do FGTS, o trabalhador poderá sacar um percentual do dinheiro existente na conta. Quanto maior o valor, menor será essa porcentagem. Confira!

    -> Até R$500: 50% do valor;
    -> R$500,01 a R$1.000: 40% do valor, com parcela adicional de R$50;
    ->R$1.000,01 a R$5.000: 30% do valor, com parcela adicional de R$150; 
    -> R$5.000,01 a R$10.000: 20% do valor, com parcela adicional de R$650;
    -> R$10.000,01 a R$15.000: 15% do valor, com parcela adicional de R$1.150;
    -> R$15.000,01 a R$20.000: 10% do valor, com parcela adicional de R$1.900;
    -> Acima de R$20.000: 5% do valor, com parcela adicional de R$2.900.

    Como antecipar o saque-aniversário do FGTS?

    Você sabia que é possível antecipar o saque-aniversário do FGTS? Para quem não sabe, desde o dia 3 de agosto, é permitido antecipar três parcelas dessa modalidade que é solicitada à Caixa.

    Mas, essa não é uma regra. O trabalhador consegue, também, adiantar apenas uma parcela do saque se preferir, sem prejuízos ou taxas. A Caixa exige, apenas, que o valor mínimo da antecipação seja de R$2 mil.

    “Você pode antecipar um, dois e até três anos. E o valor também é variado, até o limite do saldo, tendo no mínimo R$2 mil”, explicou Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal.

    Passo a passo para antecipar o saque-aniversário

    1º passo: seja no mobile ou no internet banking, você deverá acessar a opção crédito;

    2º passo: depois selecione os períodos e valores a serem antecipados e a simulação será realizada;

    3º passo: se você optar em contratar a linha de crédito, será preciso inserir a assinatura eletrônica;

    4º passo: por fim, o comprovante será exibido na tela.

    Esse conteúdo te ajudou? Quer saber mais sobre o saque-aniversário do FGTS? Entenda se quem sacou essa modalidade poderá sacar o FGTS emergencial!

    O que achou disso?

    Média da classificação 3.5 / 5. Número de votos: 16

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Mateus Carvalho
    Mateus Carvalho
    Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças PessoaisSaque-aniversário do FGTS: veja o que ocorre na desistência

    Saque-aniversário do FGTS: veja o que ocorre na desistência

    3.5
    (16)

    Aderiu ao saque-aniversário do FGTS? Está pensando em desistir? Não sabe o que acontece nesses casos? Fique calmo, que iremos te explicar tudo.

    Para quem não sabe, é por essa modalidade que o trabalhador pode retirar parte do saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço anualmente.

    E isso acontece acrescido de uma parcela adicional, próximo ao mês do aniversário do trabalhador brasileiro. Mas para ter direito a esse saque é preciso fazer um requerimento à Caixa Econômica.

    Carteira de trabalho e dinheiro do saque do FGTS
    O saque-aniversário do FGTS deve ser solicitado pelo aplicativo da Caixa

    Porém, existe um detalhe que muitos brasileiros estão deixando passar ao contratar essa modalidade do saque do FGTS. O saque-aniversário impede que o trabalhador receba a totalidade do dinheiro do fundo, em caso de demissão.

    Vale ressaltar que caso você seja dispensado, irá receber somente o valor referente à multa de 40% paga pelo empregador, isso sobre o valor total depositado no fundo.

    O que acontece em caso de desistência do saque-aniversário?

    Pode acontecer, por exemplo, de o trabalhador ter solicitado o saque-aniversário do FGTS, mas depois ter se arrependido da adesão. Nesses casos, você pode não saber a resposta para a seguinte pergunta: o que acontece em casos de desistências?

    Para quem desistir dessa opção depois de já ter solicitado, será possível retornar para o saque do FGTS na modalidade rescisão apenas dois anos após a data da mudança. E essa regra é válida para todos.

    Dessa forma, o trabalhador ainda terá direito aos valores que são depositados na conta do fundo. Mas, apenas podendo retirá-los a partir do término do período de carência da migração que solicitou para o saque-aniversário. 

    O que muitos aconselham é fazer a solicitação para o saque-aniversário em casos de urgência, para que não haja essas situações de arrependimento.

    Dessa forma, o saque-aniversário não deve ser entendido como uma espécie de consumo, mas sim para emergências, assim como têm sido os últimos saques emergenciais liberados pelo governo federal.

    Como aderir ao saque-aniversário do FGTS

    Aderir ou não ao saque-aniversário do FGTS é uma opção do trabalhador e essa decisão deverá ser comunicada à Caixa. Mas caso você não comunique, os valores só poderão ser retirados somente quando previstos legalmente.

    Como por exemplo, para realizar a compra da casa própria, aposentadoria, doença grave e demissão sem justa causa.

    Tanto a adesão quanto a consulta ao saldo das contas vinculadas ao FGTS podem ser realizadas na agência bancária, pelo aplicativo do fundo ou pelo próprio site da Caixa.

    Ao solicitar o saque-aniversário, o beneficiário será informado sobre o valor do seu saldo. É importante frisar que isso deve acontecer antes do registro efetivo da opção escolhida pelo trabalhador.

    Percentual a ser sacado no saque-aniversário do FGTS

    Ao aderir o saque-aniversário do FGTS, o trabalhador poderá sacar um percentual do dinheiro existente na conta. Quanto maior o valor, menor será essa porcentagem. Confira!

    -> Até R$500: 50% do valor;
    -> R$500,01 a R$1.000: 40% do valor, com parcela adicional de R$50;
    ->R$1.000,01 a R$5.000: 30% do valor, com parcela adicional de R$150; 
    -> R$5.000,01 a R$10.000: 20% do valor, com parcela adicional de R$650;
    -> R$10.000,01 a R$15.000: 15% do valor, com parcela adicional de R$1.150;
    -> R$15.000,01 a R$20.000: 10% do valor, com parcela adicional de R$1.900;
    -> Acima de R$20.000: 5% do valor, com parcela adicional de R$2.900.

    Como antecipar o saque-aniversário do FGTS?

    Você sabia que é possível antecipar o saque-aniversário do FGTS? Para quem não sabe, desde o dia 3 de agosto, é permitido antecipar três parcelas dessa modalidade que é solicitada à Caixa.

    Mas, essa não é uma regra. O trabalhador consegue, também, adiantar apenas uma parcela do saque se preferir, sem prejuízos ou taxas. A Caixa exige, apenas, que o valor mínimo da antecipação seja de R$2 mil.

    “Você pode antecipar um, dois e até três anos. E o valor também é variado, até o limite do saldo, tendo no mínimo R$2 mil”, explicou Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal.

    Passo a passo para antecipar o saque-aniversário

    1º passo: seja no mobile ou no internet banking, você deverá acessar a opção crédito;

    2º passo: depois selecione os períodos e valores a serem antecipados e a simulação será realizada;

    3º passo: se você optar em contratar a linha de crédito, será preciso inserir a assinatura eletrônica;

    4º passo: por fim, o comprovante será exibido na tela.

    Esse conteúdo te ajudou? Quer saber mais sobre o saque-aniversário do FGTS? Entenda se quem sacou essa modalidade poderá sacar o FGTS emergencial!

    O que achou disso?

    Média da classificação 3.5 / 5. Número de votos: 16

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?