Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Caixa antecipa calendário para saque de R$500 do FGTS

Escrito por: Mateus Carvalho em 23 de outubro de 2019

A Caixa Econômica Federal divulgou na segunda-feira, 21 de outubro, que antecipou os saques do FGTS no valor de até R$500 para todos os trabalhadores.

Com isso, serão beneficiados todos aqueles que não são correntistas da instituição financeira. 

Anteriormente, o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) tinha um calendário prévio que iria até março de 2020. O saque, nesse caso, seria válido para os trabalhadores nascidos de julho a dezembro. 

FGTS
Calendário do saque de até R$500 do FGTS é antecipado

Com a mudança, todas as pessoas poderão realizar os saques neste ano. Essa medida é para tentar dar um impulso adicional à atividade econômica ainda em 2019.

A Caixa também anunciou que a transferência do dinheiro para outras instituições financeiras serão realizadas de forma gratuita.

Antes, o banco havia informado que iria cobrar uma taxa no valor de R$22.

Confira o novo calendário do FGTS para saques de até R$500

Com o novo calendário para o saque de até R$500 do FGTS, o cronograma de início do saque irá de 18 de outubro a 18 de novembro. Levando sempre em consideração a data de nascimento do trabalhador.

-> Janeiro: já podem sacar.
-> Fevereiro e março: recebem a partir de 25 de outubro.
-> Abril e maio: recebem a partir de 8 de novembro.
-> Junho e julho: recebem a partir de 22 de novembro.
-> Agosto: recebem a partir de 29 de novembro.
-> Setembro e outubro: recebem a partir de 6 de dezembro.
-> Novembro e dezembro: recebem a partir de 18 de dezembro.

Apesar da mudança no calendário do início da liberação dos saques, a data limite para que os trabalhadores retirem o dinheiro segue até 31 de março de 2020.

Caso não seja feito o saque até esta data, os valores irão retornar para a conta do FGTS. Além disso, quem tem poupança na Caixa já recebeu o dinheiro diretamente na conta.

Por outro lado, aqueles que têm conta corrente deverão autorizar o depósito e receberão até 20 dias depois.

8 milhões de trabalhadores poderão sacar o FGTS no dia 25

Com o novo calendário de saque do FGTS, os trabalhadores que nasceram em fevereiro e março poderão retirar o dinheiro a partir de sexta-feira, 25 de outubro.

O que representa 8 milhões de brasileiros, que poderão sacar R$3,4 bilhões. E para quem ainda não sabe, os canais e documentos necessários para realizar o saque são:

Lotéricas: será possível realizar saque no valor de até R$100, com o número do CPF e documento de identidade. Será necessário levar ainda a senha do Cartão Cidadão e o documento de identidade.

Caixas eletrônicos: é permitido sacar até R$500, com o número do CPF e a senha do Cartão Cidadão.

Agências da Caixa: para quem quiser sacar até R$500 será necessário levar somente o documento de identidade.

Correspondentes Caixa Aqui: nesse canal, o trabalhador pode sacar até R$500 levando o número do CPF, Cartão do Cidadão e a senha do cartão.

É importante frisar que para agilizar o atendimento o trabalhador deverá levar a Carteira de Trabalho.

Ajuda na atividade econômica deverá ser refletida em 2019

Com o calendário anterior, o Governo Federal havia projetado a liberação de R$28 bilhões somente este ano. Os outros R$12 bilhões ficariam para 2020, somando R$40 bilhões no total. 

Ao levar em consideração, ainda, a liberação prevista de R$2 bilhões do PIS/PASEP em 2019, o governo havia estimado um impulso de 0,35 ponto percentual no PIB. Que seria distribuído entre este ano e 2020.

Porém, com a mudança no calendário do saque do FGTS, toda essa ajuda na atividade econômica poderá ser sentida ainda este ano.

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe uma resposta

Posts relacionados

FGTS
Quem pode sacar FGTS inativo
Lucro do FGTS
Lucro do FGTS
3 investimentos que prometem boa rentabilidade em 2019