Mais
    InícioNotíciasCarreirasSaiba como se aposentar por conta própria

    Saiba como se aposentar por conta própria

    5
    (2)

    Quando perguntadas sobre como se imaginam na terceira idade, a maioria das pessoas responde “aproveitando a vida de aposentado” ou algo semelhante. Se você é uma delas, fique sabendo que talvez seja melhor montar um plano para se aposentar por conta própria.

    Acontece que mesmo que você contribua com o INSS, o que vai receber de aposentadoria no futuro poderá não ser o suficiente para bancar o padrão de vida com o qual você se imagina depois que parar de trabalhar.

    Não é novidade que o benefício do governo é insuficiente para bancar um padrão de vida confortável na maioria dos casos.

    Segundo o Boletim Estatístico de Previdência Social, o valor médio da aposentadoria por idade entre pessoas do setor privado no Brasil atualmente é de R$1.197,44.

    Por isso, se você se imagina viajando, comendo bem, tendo todas experiências que não pode aproveitar quando mais jovem… Sim, é preciso começar a pensar no seu próprio plano de aposentadoria o quanto antes.

    Formas de se aposentar por conta própria

    Esse projeto para o futuro pode ir muito além de fazer somente um plano de previdência privada. Na verdade, essa é só mais uma das possibilidades para se aposentar por conta própria.

    Além disso, é essencial aprender onde investir no mercado e talvez até cogitar empreender. Algumas formas de correr atrás da sua aposentadoria estão detalhadas a seguir.

    + Confira os melhores países para se aposentar

    Invista um percentual da renda todo mês

    Não há forma melhor de garantir uma boa aposentadoria do que você mesmo cuidando dela, certo? Pelo menos se você é disciplinado e está comprometido com o próprio futuro, essa é a opção que pode trazer mais retorno.

    O ponto aqui é saber escolher os investimentos certos para se aposentar por conta própria. Antes de qualquer coisa, pesquise sobre investimentos e descubra qual é o seu perfil de investidor para entender qual tipo de aplicação vai atender melhor os seus objetivos.

    homem coloca dinheiro em cofre com formato de porco
    Investimento pessoal é a melhor forma para se aposentar por conta própria

    + Qual seu perfil de investidor: conservador, moderado ou arrojado?

    De modo geral, o tipo de aplicação recomendado varia muito, pois depende da idade, da renda e das metas de cada pessoa. Algumas opções podem ser:

    • Tesouro IPCA
    • Debêntures
    • Fundos de investimento
    • Fundos de previdência etc

    Se você é jovem, por exemplo, pode investir em ações e montar uma carteira com boas empresas pagadores de dividendos.

    Depois de escolher o investimento, estabeleça um percentual mínimo da renda para investir todo mês.

    Por exemplo: 10% do salário ou mais, tudo depende do seu estilo de vida hoje e do que pretende manter no futuro.

    Compre imóveis

    Uma forma de se aposentar por conta própria é transferir parte do patrimônio para imóveis e garantir a renda de aluguéis no futuro. Esse é um investimento que pode gerar bastante renda e tem baixo risco.

    O contra, neste caso, é que os imóveis precisam de manutenção e também geram despesas. Por isso vale colocar na ponta do lápis e se planejar para alugar, sejam casas, apartamentos ou até outros tipos de espaços.

    Alguns especialistas em finanças sugerem que se coloque cerca de 30% do patrimônio em imóveis. Também vale a pena investir em fundos imobiliários para diversificar os investimentos.

    Faça um plano de previdência privada

    Contar com a renda dos próprios investimentos é a melhor saída para garantir uma aposentadoria mais confortável. E uma das saídas para isso é contratar um plano de previdência privada.

    Em termos de rendimento, essa talvez não seja a opção com mais retornos. Por isso muitas pessoas optam por apenas investirem sozinhas.

    No entanto, se você não é um investidor nato, não sabe bem por onde começar e não tem tanta disciplina, vale cogitar essa possibilidade como mais uma das suas fontes de renda para o futuro.

    Só se atente para comparar as opções e ver quais têm as melhores rentabilidades. Existem muitos fundos rendendo abaixo de 100% do CDI.

    Contribua por conta própria com o INSS

    Podem ser contribuintes individuais ou facultativos do INSS: os trabalhadores autônomos, microempreendedores individuais e donas de casa que querem receber aposentadoria em alguns anos.

    Como já mencionado, não é recomendável contar somente com a Previdência do governo para garantir um futuro confortável. Mas isso não quer dizer que você precisa, necessariamente, descartá-lo.

    O ideal é encará-lo como uma espécie de seguro. Ou seja, somente mais uma fonte de renda para a terceira idade, mas da qual você não vai depender para sobreviver.

    Os valores da aposentadoria são aplicados conforme as alíquotas de contribuição: 5%, 11% ou 20% sobre o salário de contribuição. Quem contribui pelo salário mínimo, que é o caso da maioria dos segurados individuais, paga o percentual sobre R$1,1 mil.

    Confira o passo a passo para contribuir por conta própria:

    1. Faça inscrição no Programa de Integração Social (PIS)
    2. Escolha o tipo de contribuição (individual, para quem exerce atividades remuneradas, ou facultativa, para donas de casa, estudantes e desempregados)
    3. Faça o pagamento da Guia da Previdência Social (GPS) todo mês nas casas lotéricas e pela internet

    Monte seu plano para se aposentar por conta própria

    Dentre todas essas opções, você não precisa se limitar a uma delas para se aposentar por conta própria. Na verdade, ter várias fontes de aposentadoria no futuro será melhor ainda.

    O mais importante, seja qual desses caminhos escolher, é ter um bom planejamento. Afinal, são investimentos que você vai aplicar por anos.

    E mesmo nos altos e baixos que a vida financeira pode apresentar nas próximas décadas, você precisará estar preparado para não sabotar a sua própria previdência.

    Para te ajudar a ter um plano de aposentadoria, siga essas dicas:

    • defina em quanto tempo, aproximadamente, você pretende se aposentar
    • a partir disso, calcule quanto precisa poupar de dinheiro para ter uma boa poupança quando chegar lá (lembre-se da inflação)
    • escolha quais são os investimentos para a sua aposentadoria (não se limite a um só procure rendimentos acima da inflação)
    • estabeleça um percentual mínimo para aplicar todo mês (mas quando tiver folga no orçamento, se permita investir mais, afinal você não sabe quando o orçamento vai apertar de novo)
    • acompanhe seus investimentos e, se observar melhores oportunidade de rentabilidade, recalcule a rota
    • tenha muita disciplina e não sabote o seu plano de aposentadoria

    Pode parecer distante, mas a verdade é que o futuro vai chegar. E quando isso acontecer, quem garantiu a própria aposentadoria vai olhar para trás e agradecer por todos os sacrifícios feitos e prol disso.

    Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos e deixe um comentário!

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Tamires Silva
    Tamires Silva
    Jornalista e Redatora do FinanceOne, onde suas finanças começam.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasCarreirasSaiba como se aposentar por conta própria

    Saiba como se aposentar por conta própria

    5
    (2)

    Quando perguntadas sobre como se imaginam na terceira idade, a maioria das pessoas responde “aproveitando a vida de aposentado” ou algo semelhante. Se você é uma delas, fique sabendo que talvez seja melhor montar um plano para se aposentar por conta própria.

    Acontece que mesmo que você contribua com o INSS, o que vai receber de aposentadoria no futuro poderá não ser o suficiente para bancar o padrão de vida com o qual você se imagina depois que parar de trabalhar.

    Não é novidade que o benefício do governo é insuficiente para bancar um padrão de vida confortável na maioria dos casos.

    Segundo o Boletim Estatístico de Previdência Social, o valor médio da aposentadoria por idade entre pessoas do setor privado no Brasil atualmente é de R$1.197,44.

    Por isso, se você se imagina viajando, comendo bem, tendo todas experiências que não pode aproveitar quando mais jovem… Sim, é preciso começar a pensar no seu próprio plano de aposentadoria o quanto antes.

    Formas de se aposentar por conta própria

    Esse projeto para o futuro pode ir muito além de fazer somente um plano de previdência privada. Na verdade, essa é só mais uma das possibilidades para se aposentar por conta própria.

    Além disso, é essencial aprender onde investir no mercado e talvez até cogitar empreender. Algumas formas de correr atrás da sua aposentadoria estão detalhadas a seguir.

    + Confira os melhores países para se aposentar

    Invista um percentual da renda todo mês

    Não há forma melhor de garantir uma boa aposentadoria do que você mesmo cuidando dela, certo? Pelo menos se você é disciplinado e está comprometido com o próprio futuro, essa é a opção que pode trazer mais retorno.

    O ponto aqui é saber escolher os investimentos certos para se aposentar por conta própria. Antes de qualquer coisa, pesquise sobre investimentos e descubra qual é o seu perfil de investidor para entender qual tipo de aplicação vai atender melhor os seus objetivos.

    homem coloca dinheiro em cofre com formato de porco
    Investimento pessoal é a melhor forma para se aposentar por conta própria

    + Qual seu perfil de investidor: conservador, moderado ou arrojado?

    De modo geral, o tipo de aplicação recomendado varia muito, pois depende da idade, da renda e das metas de cada pessoa. Algumas opções podem ser:

    • Tesouro IPCA
    • Debêntures
    • Fundos de investimento
    • Fundos de previdência etc

    Se você é jovem, por exemplo, pode investir em ações e montar uma carteira com boas empresas pagadores de dividendos.

    Depois de escolher o investimento, estabeleça um percentual mínimo da renda para investir todo mês.

    Por exemplo: 10% do salário ou mais, tudo depende do seu estilo de vida hoje e do que pretende manter no futuro.

    Compre imóveis

    Uma forma de se aposentar por conta própria é transferir parte do patrimônio para imóveis e garantir a renda de aluguéis no futuro. Esse é um investimento que pode gerar bastante renda e tem baixo risco.

    O contra, neste caso, é que os imóveis precisam de manutenção e também geram despesas. Por isso vale colocar na ponta do lápis e se planejar para alugar, sejam casas, apartamentos ou até outros tipos de espaços.

    Alguns especialistas em finanças sugerem que se coloque cerca de 30% do patrimônio em imóveis. Também vale a pena investir em fundos imobiliários para diversificar os investimentos.

    Faça um plano de previdência privada

    Contar com a renda dos próprios investimentos é a melhor saída para garantir uma aposentadoria mais confortável. E uma das saídas para isso é contratar um plano de previdência privada.

    Em termos de rendimento, essa talvez não seja a opção com mais retornos. Por isso muitas pessoas optam por apenas investirem sozinhas.

    No entanto, se você não é um investidor nato, não sabe bem por onde começar e não tem tanta disciplina, vale cogitar essa possibilidade como mais uma das suas fontes de renda para o futuro.

    Só se atente para comparar as opções e ver quais têm as melhores rentabilidades. Existem muitos fundos rendendo abaixo de 100% do CDI.

    Contribua por conta própria com o INSS

    Podem ser contribuintes individuais ou facultativos do INSS: os trabalhadores autônomos, microempreendedores individuais e donas de casa que querem receber aposentadoria em alguns anos.

    Como já mencionado, não é recomendável contar somente com a Previdência do governo para garantir um futuro confortável. Mas isso não quer dizer que você precisa, necessariamente, descartá-lo.

    O ideal é encará-lo como uma espécie de seguro. Ou seja, somente mais uma fonte de renda para a terceira idade, mas da qual você não vai depender para sobreviver.

    Os valores da aposentadoria são aplicados conforme as alíquotas de contribuição: 5%, 11% ou 20% sobre o salário de contribuição. Quem contribui pelo salário mínimo, que é o caso da maioria dos segurados individuais, paga o percentual sobre R$1,1 mil.

    Confira o passo a passo para contribuir por conta própria:

    1. Faça inscrição no Programa de Integração Social (PIS)
    2. Escolha o tipo de contribuição (individual, para quem exerce atividades remuneradas, ou facultativa, para donas de casa, estudantes e desempregados)
    3. Faça o pagamento da Guia da Previdência Social (GPS) todo mês nas casas lotéricas e pela internet

    Monte seu plano para se aposentar por conta própria

    Dentre todas essas opções, você não precisa se limitar a uma delas para se aposentar por conta própria. Na verdade, ter várias fontes de aposentadoria no futuro será melhor ainda.

    O mais importante, seja qual desses caminhos escolher, é ter um bom planejamento. Afinal, são investimentos que você vai aplicar por anos.

    E mesmo nos altos e baixos que a vida financeira pode apresentar nas próximas décadas, você precisará estar preparado para não sabotar a sua própria previdência.

    Para te ajudar a ter um plano de aposentadoria, siga essas dicas:

    • defina em quanto tempo, aproximadamente, você pretende se aposentar
    • a partir disso, calcule quanto precisa poupar de dinheiro para ter uma boa poupança quando chegar lá (lembre-se da inflação)
    • escolha quais são os investimentos para a sua aposentadoria (não se limite a um só procure rendimentos acima da inflação)
    • estabeleça um percentual mínimo para aplicar todo mês (mas quando tiver folga no orçamento, se permita investir mais, afinal você não sabe quando o orçamento vai apertar de novo)
    • acompanhe seus investimentos e, se observar melhores oportunidade de rentabilidade, recalcule a rota
    • tenha muita disciplina e não sabote o seu plano de aposentadoria

    Pode parecer distante, mas a verdade é que o futuro vai chegar. E quando isso acontecer, quem garantiu a própria aposentadoria vai olhar para trás e agradecer por todos os sacrifícios feitos e prol disso.

    Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos e deixe um comentário!

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?