Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasFinanças PessoaisComprou e o preço abaixou depois? Resolva com seguro de proteção de...

    Comprou e o preço abaixou depois? Resolva com seguro de proteção de preço

    0
    (0)

    Imagina você comprar uma televisão por R$1.400 hoje e, na próxima semana, a mesma televisão abaixar o preço para R$900. Você sabia que é possível abrir um chamado na seguradora do cartão e resgatar essa diferença de valor? E isso só será possível devido ao seguro proteção de preços.

    Publicidade

    O seguro proteção de preços é um benefício pouco conhecido pelos clientes, mas que está disponível, praticamente, para diversos cartões. Os cartões com bandeiras Visa e Mastercard, por exemplo, oferecem o seguro proteção.

    Quer saber mais sobre o seguro de proteção de preço? Então continue lendo este texto!

    Como funciona o seguro de proteção de preço?

    O seguro de proteção funciona desta maneira: é como se fosse um reembolso da diferença de valor pago, caso o cliente encontre o mesmo produto por um preço menor, em um prazo de 30 dias.

    Ou seja, ao comprar um determinado item utilizando o cartão de crédito, o cliente recebe uma proteção caso encontre o mesmo item por um preço inferior ao que foi comprado dentro de até 30 dias após a compra.

    Em cartões da bandeira Mastercard, por exemplo, o processo de abertura do sinistro é bem simples e exige menos documentação se comparado às outras bandeiras. Contudo, os limites de indenização são mais baixos e é limitado aos cartões Gold da bandeira.

    Publicidade

    Já nos cartões com bandeira Visa, solicitar o sinistro é um pouco mais completo, no entanto, tem um valor mais alto para o reembolso. A proteção de preço vale para cartões Gold, Platinum, Signature e Infinite.

    Enquanto isso, nos cartões com bandeira Elo é preciso ativar o seguro na parte dos benefícios do Elo Flex. É possível ter o seguro para os cartões Grafite e Nanquim.

    Cartão de crédito cinza com a bandeira mastercard
    MasterCard oferece seguro de proteção de preços. Saiba como funciona esse benefício

    Como solicitar o seguro de proteção de preços?

    Antes de mais nada, vale ressaltar que algumas regras e condições para ativar o seguro de proteção de preços podem variar conforme a bandeira do cartão. Mas, no geral, é muito simples conseguir ativá-lo.

    De forma geral, os requisitos para conseguir o seguro é ter realizado a compra com pagamento integralmente no cartão em que é solicitado o sinistro. É também necessário apresentar documentos que comprovem a compra, como a Nota Fiscal, e a nova oferta com valor mais baixo.

    Além disso, a cobertura tem duração de até 30 dias após a compra do produto na loja.

    Publicidade

    Vale lembrar também que para o seguro ser válido é necessário que a oferta encontrada com preço baixo precisa ter as mesmas condições de pagamento da que você comprou. Com isso, uma vez aprovado o sinistro, a diferença de preço é creditada em até duas faturas no seu cartão de crédito.

    + Cartões de crédito sem anuidade: 25 melhores opções de 2021

    É fácil conseguir aprovação no seguro?

    De uma forma geral, é fácil conseguir a aprovação no seguro. Contudo, o processo pode ser um pouco demorado, uma vez que é necessário fazer a solicitação e esperar a aprovação do cartão.

    Uma dica é, se você optar pelo seguro, sempre que realizar uma compra do produto, verifique se ele está elegível com as regras. Se a compra for online, por exemplo, você pode tirar print de todo processo com preço, data da compra e as condições da compra e guardar dentro de uma pasta.

    Mas se adquirir o produto através de uma compra presencial, guarde a sua nota fiscal tirando uma xerox dela.

    Publicidade

    Além disso, não esqueça de escolher o cartão de crédito com a bandeira que melhor lhe atenderá nesse processo. Por isso, muita atenção às condições e regras, pois eles podem variar conforme o cartão.

    Gostou desse texto? Então leia agora mesmo: “5 dicas para conseguir os melhores cartões de crédito“. Assim você conhece as opções para escolher o melhor para você!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Camila Miranda
    Camila Miranda
    Nascida na Zona Oeste do Rio, me divido entre jornalismo e marketing digital. Com três anos de experiência em Comunicação, já trabalhei em redação de jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Hoje, faço gestão de mídias sociais e produção de conteúdo. Amo assuntos sobre as áreas cultural e política. Reclamo do transporte público.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças PessoaisComprou e o preço abaixou depois? Resolva com seguro de proteção de...

    Comprou e o preço abaixou depois? Resolva com seguro de proteção de preço

    0
    (0)

    Imagina você comprar uma televisão por R$1.400 hoje e, na próxima semana, a mesma televisão abaixar o preço para R$900. Você sabia que é possível abrir um chamado na seguradora do cartão e resgatar essa diferença de valor? E isso só será possível devido ao seguro proteção de preços.

    Publicidade

    O seguro proteção de preços é um benefício pouco conhecido pelos clientes, mas que está disponível, praticamente, para diversos cartões. Os cartões com bandeiras Visa e Mastercard, por exemplo, oferecem o seguro proteção.

    Quer saber mais sobre o seguro de proteção de preço? Então continue lendo este texto!

    Como funciona o seguro de proteção de preço?

    O seguro de proteção funciona desta maneira: é como se fosse um reembolso da diferença de valor pago, caso o cliente encontre o mesmo produto por um preço menor, em um prazo de 30 dias.

    Ou seja, ao comprar um determinado item utilizando o cartão de crédito, o cliente recebe uma proteção caso encontre o mesmo item por um preço inferior ao que foi comprado dentro de até 30 dias após a compra.

    Em cartões da bandeira Mastercard, por exemplo, o processo de abertura do sinistro é bem simples e exige menos documentação se comparado às outras bandeiras. Contudo, os limites de indenização são mais baixos e é limitado aos cartões Gold da bandeira.

    Publicidade

    Já nos cartões com bandeira Visa, solicitar o sinistro é um pouco mais completo, no entanto, tem um valor mais alto para o reembolso. A proteção de preço vale para cartões Gold, Platinum, Signature e Infinite.

    Enquanto isso, nos cartões com bandeira Elo é preciso ativar o seguro na parte dos benefícios do Elo Flex. É possível ter o seguro para os cartões Grafite e Nanquim.

    Cartão de crédito cinza com a bandeira mastercard
    MasterCard oferece seguro de proteção de preços. Saiba como funciona esse benefício

    Como solicitar o seguro de proteção de preços?

    Antes de mais nada, vale ressaltar que algumas regras e condições para ativar o seguro de proteção de preços podem variar conforme a bandeira do cartão. Mas, no geral, é muito simples conseguir ativá-lo.

    De forma geral, os requisitos para conseguir o seguro é ter realizado a compra com pagamento integralmente no cartão em que é solicitado o sinistro. É também necessário apresentar documentos que comprovem a compra, como a Nota Fiscal, e a nova oferta com valor mais baixo.

    Além disso, a cobertura tem duração de até 30 dias após a compra do produto na loja.

    Publicidade

    Vale lembrar também que para o seguro ser válido é necessário que a oferta encontrada com preço baixo precisa ter as mesmas condições de pagamento da que você comprou. Com isso, uma vez aprovado o sinistro, a diferença de preço é creditada em até duas faturas no seu cartão de crédito.

    + Cartões de crédito sem anuidade: 25 melhores opções de 2021

    É fácil conseguir aprovação no seguro?

    De uma forma geral, é fácil conseguir a aprovação no seguro. Contudo, o processo pode ser um pouco demorado, uma vez que é necessário fazer a solicitação e esperar a aprovação do cartão.

    Uma dica é, se você optar pelo seguro, sempre que realizar uma compra do produto, verifique se ele está elegível com as regras. Se a compra for online, por exemplo, você pode tirar print de todo processo com preço, data da compra e as condições da compra e guardar dentro de uma pasta.

    Mas se adquirir o produto através de uma compra presencial, guarde a sua nota fiscal tirando uma xerox dela.

    Publicidade

    Além disso, não esqueça de escolher o cartão de crédito com a bandeira que melhor lhe atenderá nesse processo. Por isso, muita atenção às condições e regras, pois eles podem variar conforme o cartão.

    Gostou desse texto? Então leia agora mesmo: “5 dicas para conseguir os melhores cartões de crédito“. Assim você conhece as opções para escolher o melhor para você!

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?