Eleitor pode levar celular para cabine de votação? Veja decisão do TSE!

0
173
urna eletrônica
0
(0)

Atenção eleitores de todo o Brasil, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta-feira, 25, que não será permitido celular na cabine de votação. E isso vale até mesmo se o aparelho estiver desligado.

Anúncios

Mas o que levou o TSE a tomar essa medida? 

De acordo com o tribunal, a decisão tem como objetivo evitar coações, fraudes e a violação do sigilo do voto. O desrespeito será considerado “ilícito eleitoral” e poderá resultar em punições.

Anúncios

É importante ressaltar ainda que a regra também vale para outros equipamentos como máquinas fotográficas.

Mas com a proibição do celular na cabine de votação, muitas dúvidas começaram a surgir e uma delas é: onde deixar o aparelho? 

Outra pergunta que os brasileiros também estão se fazendo é: como irá funcionar e em caso de descumprimento o que pode acontecer?

Anúncios

Para saber tudo sobre este assunto, continue lendo o nosso artigo que iremos te deixar informado.

Decisão do TSE em não permitir celular em cabine de votação foi unânime

A decisão do TSE em não permitir celular em cabine ocorreu em sessão administrativa que foi realizada para analisar uma consulta formulada pelo partido União Brasil (União). A decisão, que foi unânime, seguiu o voto do relator, o Ministro Sérgio Banhos. 

É importante deixar claro que ainda haverá uma nova sessão administrativa na próxima terça-feira, 30, para que o Plenário inclua a regra em um novo texto da resolução que está em vigor para as eleições deste ano.

A finalidade disso, é complementar a determinação que já consta na Lei das Eleições (91-A da Lei 9.504/1997), que proíbe expressamente que os eleitores entrem na cabine de votação com o celular ou qualquer outro instrumento que possa comprometer o sigilo do voto.

Os eleitores não poderão acessar a urna eletrônica com o celular

Celular na cabine de votação: onde deixar?

Como dito acima, a proibição do uso de celulares nas urnas já consta na lei eleitoral, mas agora passará a ser uma regra ainda mais rígida durante as votações.

A resolução do TSE dizia que: “para a eleitora ou o eleitor se dirigir à cabina de votação, os aparelhos mencionados no caput deste artigo deverão ser desligados ou guardados, sem manuseio na cabine de votação”. 

Contudo, deixava aberto para interpretações. Por exemplo, se o aparelho pudesse ser guardado no bolso e levado até a cabine, até mesmo desligado. Mas agora nem mesmo assim será permitido. 

O eleitor deverá deixar o aparelho celular, desligado ou ligado, com o mesário. Ele deve ser entregue antes de se dirigir à cabine e devolvido assim que finalizar a votação.

De acordo com o ministro Alexandre de Moraes, a entrega do celular deverá acontecer de forma simples.

“O eleitor ou a eleitora ao ingressar, com o celular, ele o entrega junto com o documento de identidade ao mesário, vota, e depois retira normalmente o seu celular”, exemplifica o ministro.

O que acontece se descumprir a regra?

É possível que muitos eleitores não fiquem cientes até a votação ou não concordem. Porém, em caso de descumprimento poderão ser punidos.

A determinação do TSE é que, se a medida for descumprida, o mesário está autorizado a acionar o juiz responsável pela zona eleitoral.

Inclusive, a Polícia Militar poderá ser solicitada para solucionar quaisquer eventuais questionamentos.

“Ontem (24) tivemos uma reunião com os 27 comandos das polícias militares de todos os estados e do Distrito Federal, e a questão do uso dos celulares e da coação no exercício do voto foi uma preocupação unânime”, informou o presidente do TSE e ministro, Alexandre de Moraes.

Já sabia dessa novidade? O que achou? Comente a sua opinião e compartilhe com um amigo essa informação sobre as Eleições 2022.

Leia também no FinanceOne:

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui