FGTS: Caixa divulga calendário do novo saque

Escrito por: Mateus Carvalho em 13 de junho de 2020

A Caixa Econômica divulgou neste sábado, 13, o calendário do novo saque do FGTS de até R$1.045. O dinheiro começará a ser depositado nas contas a partir do dia 29 de junho. Seguindo sempre o mês de nascimento dos trabalhadores.

Porém, quem quiser receber o dinheiro precisará esperar algumas semanas ou até mesmo meses para ter o valor em mãos. Isso porque a Caixa irá depositar os valores em poupanças digitais abertas pelo próprio banco.

auxílio-doença
Brasileiros com conta ativa ou inativa no FGTS poderão realizar novo saque

Assim como no auxílio emergencial, ao ter o dinheiro disponível na conta, o trabalhador poderá realizar pagamentos de boletos, compras online e até compras por algumas máquinas de cartões. 

Os saques e transferências para outras contas só poderão ser realizados a partir do dia 25 de julho.

O governo federal anunciou a liberação do novo saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, em abril. O objetivo é minimizar os impactos da crise da pandemia do coronavírus.

De acordo com a Medida Provisória, os saque estariam permitidos a partir da próxima segunda-feira, 15.

Solicite um empréstimo pessoal a partir do FGTS

Veja o calendário do novo saque do FGTS

De acordo com a Caixa, o calendário do novo saque será definido de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Confira:

Janeiro: crédito em conta 29 de junho e saques a partir de 25 de julho;

Fevereiro: crédito em conta 06 de julho e saques a partir de 08 de agosto;

Março: crédito em conta 13 de julho e saques a partir de 22 de agosto;

Abril: crédito em conta 20 de julho e saques a partir de 5 de setembro;

Maio: crédito em conta 27 de julho e saques a partir de 19 de setembro;

Junho: crédito em conta 03 de agosto e saques a partir de 03 de outubro;

Julho: crédito em conta 10 de agosto e saques a partir de 17 de outubro;

Agosto: crédito em conta 24 de agosto e saques a partir de 17 outubro;

Setembro: crédito em conta 31 de agosto e saques a partir de 31 de outubro;

Outubro: crédito em conta 08 de setembro e saques a partir de 31 de outubro;

Novembro: crédito em conta 14 de setembro e saques a partir de 14 de novembro;

Dezembro: crédito em conta 21 de setembro e saques a partir de 14 de novembro;

“A cada semana realizaremos o crédito digital na conta dos brasileiros. Sempre às segundas-feiras, com exceção do dia 08 de setembro, porque dia 07 é feriado. Teremos a partir do dia 29, pelas próximas 12 semanas, a cada segunda-feira, 5 milhões de brasileiros recebendo esse depósito e terão o saque sendo permitido de cada sábado”, afirma Pedro Guimarães, presidente da Caixa.

Novo saque do FGTS poderá ser de até R$1.045

O novo saque do FGTS foi autorizado, no início de abril, pelo presidente Jair Bolsonaro. O aval para o benefício veio por meio de uma Medida Provisória (MP), que libera o saque no valor de até R$1.045, equivalente a um salário mínimo.

A liberação dos valores será para trabalhadores que tenham contas ativas (do emprego atual) ou inativas (de empregos anteriores) do FGTS. Cada profissional poderá sacar até R$ 1.045.

Caso o funcionário tenha mais de uma conta de FGTS, o saque será feito primeiro das contas de contratos de trabalho extintos (inativas). De forma a iniciar pela conta com o menor saldo.

Em seguida, o dinheiro será sacado das demais contas, também começando pela que tiver o menor saldo. Sem considerar o número de contas do trabalhador, o valor não pode ultrapassar R$ 1.045.

O trabalhador não é obrigado a sacar esse valor, podendo retirar uma quantia inferior, de acordo com o que estiver disponível para saque. 

Essa é mais uma medida do governo para minimizar os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o governo, o novo saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço deve beneficiar mais de 60 milhões de contas.

Saque do FGTS poderá ser consultado pelo site ou pelo aplicativo

O trabalhador que desejar consultar o saldo do FGTS já pode realizar esse processo. Para isso, basta escolher entre o site e o aplicativo da Caixa. 

Para consultar pelo aplicativo, siga os seguintes passos:

1º passo: acesse o aplicativo do FGTS, preencha todos os dados solicitados, como nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail e cadastre uma senha.

2º passo: a senha escolhida deve ser numérica e conter seis dígitos. Caso você tenha usado o aplicativo antes, pode repetir a mesma senha já cadastrada. Depois clique no botão “não sou um robô”.

3º passo: você receberá um e-mail de confirmação no e-mail informado na hora de realizar o cadastro. Acesse-o e clique no link enviado.

4º passo: depois de realizar o cadastro, abra o aplicativo e informe o seu CPF e senha cadastrada.

5º passo: após efetuar o login, irão aparecer algumas perguntas adicionais sobre a sua vida funcional. Após responder essas questões, você deverá ler e aceitar as condições de uso do aplicativo e clicar em “Concordar”. Agora é só usar o aplicativo.

Você estava esperando o calendário do novo saque do FGTS? Gostou da notícia? Então compartilhe nas redes sociais e comente o que achou.

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Como funciona o Consórcio Honda
pib
Serviços da conta corrente gratuita
Muitas fintechs oferecem serviços de bancos digitais e de cartões de crédito
Como cancelar compra com cartão de crédito?