Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasFinanças PessoaisSaiba qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos

    Saiba qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos

    4.7
    (12)

    Dados da B3 apontam que as vendas financiadas de veículos em 2020 somaram 5,52 milhões de unidades. Contudo, o número de refinanciamento de veículos disparou durante o pico da pandemia de covid-19 em 2020.

    Publicidade

    O refinanciamento de veículos é uma modalidade de concessão de crédito por financeiras e bancos, em que o cliente precisa ter um veículo em seu nome. Nesse caso, o carro fica alienado, mas ainda com os documentos no nome do cliente.

    No empréstimo com garantia de veículos, caso o dono do carro atrase ou não pague as parcelas do financiamento, o banco tem o direito de ficar com o automóvel como forma de pagamento da dívida.

    É justamente por seguir essa lógica que as taxas de juros desse tipo de empréstimo costumam ser mais baixas: o banco tem a certeza de que vai ter o valor quitado, seja por meio do pagamento das parcelas ou pela tomada da posse do bem, em caso de inadimplência.

    Quando todas as parcelas do empréstimo são quitadas, o carro é desalienado, e o dono já não tem mais nenhum risco de perder o veículo. De maneira geral, o refinanciamento é feito sem burocracia e de forma rápida.

    Vale a pena fazer refinanciamento de veículos?

    É difícil afirmar se vale a pena ou não optar pelo refinanciamento de veículos, sem antes analisar a sua condição financeira.

    Publicidade

    Por isso, é tão importante que você faça comparações com outras modalidades de empréstimo pessoal. E, avaliar sua saúde financeira sem dúvida é a melhor forma de encontrar essa resposta.

    Então avalie:

    • A taxa de abertura que será cobrada;
    • Os juros totais dessa negociação;
    • A quantidade de taxas, tarifas e valores que serão cobrados de você;

    Finalmente, coloque tudo na ponta do lápis. E, principalmente, não olhe apenas para a parcela mensal que você terá. Faça um cálculo total dos anos que você estará pagando por isso.

    Se você decidiu que, no seu caso, o refinanciamento é a melhor maneira de obter crédito, procure uma instituição financeira com documentos pessoais (RG e CPF), comprovante de renda e de residência, além da documentação do carro.

    As 4 etapas do refinanciamento de veículo

    O refinanciamento de veículos é um contrato bem simples e normalmente não envolve muita burocracia. Apesar disso, a instituição financeira precisa se certificar de que o automóvel em questão está nas condições ideias para ser usado como garantia do empréstimo.

    Publicidade

    Veja abaixo as etapas do refinanciamento:

    1 – Análise de crédito

    A instituição financeira vai realizar uma análise para verificar a renda fixa mensal do cliente. O crédito solicitado dependerá também dessa comprovação financeira. Para isso, a instituição vai pedir documentos comprobatórios de renda.

    2 – Análise jurídica

    Antes de aceitar o bem como garantia, será feita uma checagem jurídica para saber qual é a situação legal dele. Caso haja alguma pendência judicial, o processo não seguirá em frente.

    Por isso, é muito importante que o automóvel esteja legalmente autorizado a ser usado como garantia para o empréstimo.

    3 – Análise do veículo

    Após verificar a comprovação de renda do cliente e se está tudo certo com o bem, a instituição vai avaliar o veículo em si.

    Publicidade

    Além do valor de acordo com a tabela FIPE, serão levados em conta outros fatos. Entre eles, estão o estado de conservação do veículo, adicionais e o tempo de uso.

    4 – Emissão e assinatura do contrato

    Por fim, a instituição vai liberar um contrato que será avaliado pelo cliente, com a proposta e a descrição do acordo que deverá ser feito. Se as duas partes concordarem, o contrato será assinado, e posteriormente, registrado em cartório para que haja a liberação do crédito.

    Pessoa escrevendo em um caderno com chave de carro em cima em uma mesa com moedas, carros em miniatura e acessando notebook
    Saiba como fazer refinanciamento do veículo

    Quais bancos oferecem as melhores taxas para refinanciamento?

    Quer saber quais são as instituições que oferecem as melhores condições para refinanciamento de veículos? Confira:

    Caixa Econômica

    A Caixa oferece crédito de até 70% do valor do veículo apresentado como garantia com até dois anos de fabricação. Já para aqueles entre três e cinco anos de fabricação, o crédito é de até 60%.

    Santander

    O banco aplica taxa de juros a partir de 0,89% a.m. e empréstimo de até 70% do valor de mercado do veículo. Além disso, o pagamento pode ser parcelada em até 60 meses.

    Banco do Brasil

    O Banco do Brasil libera até 80% de crédito referente ao valor do seu veículo e o prazo de pagamento é realizado em até 60 meses. A contratação pode ser realizada pelo App BB (com taxas exclusivas) ou em qualquer agência BB.

    Bradesco

    A instituição tem como limite de empréstimo para veículos com até três anos: 60% do valor. Para veículos com quatro a sete anos: 50% do valor. As taxas de juros ficam de acordo com o ano do veículo e entrada escolhida.

    BV Financeira

    A BV tem crédito à vista de até 90% do valor do seu veículo leves e pesados até 19 anos ou utilitários até oito anos. As parcelas são fixas até o fim do contrato.

    Creditas

    A taxa de juros na instituição são de a partir de 0,99% ao mês e até 60 meses de prazo para pagamento.

    Banco Daycoval

    Para automóveis com ano modelo a partir de 1997, o parcelamento pode ser feito em até 48 meses. Pessoas físicas e jurídicas podem financiar até 70% do valor do veículo, de acordo com a avaliação de crédito.

    Afinal, vale a pena fazer o refinanciamento de veículo?

    Se você estiver precisando de dinheiro urgente, o refinanciamento do carro ou moto pode ser uma opção viável. Contudo, é muito importante cuidar das suas finanças pessoais antes de assinar os papéis para refinanciar o carro.

    Isso é importante porque, caso você não consiga arcar com as parcelas em dia, o veículo pode ser tomado pelo banco que você optou pelo refinanciamento.

    Portanto, faça seu planejamento financeiro, analise bem o orçamento e tenha certeza que você pode realizar os pagamentos deste empréstimo!

    É possível refinanciar carro com o nome sujo?

    Sim. Como as instituições têm garantia de que receberão pelo empréstimo, o processo de análise de crédito da proposta acaba sendo menos rigoroso que o de um empréstimo pessoal, por exemplo.

    Este conteúdo te ajudou? Conseguiu esclarecer as suas dúvidas e comparar qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos? Então compartilhe com outras pessoas e salve para ler quando quiser.

    O que achou disso?

    Média da classificação 4.7 / 5. Número de votos: 12

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Redação
    Redação
    O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    1 COMENTÁRIO

    1. Poxa! Como é legal encontrar conteúdos de nível!!!
      Só tenho a agradecer por compartilhar seus
      conhecimentos.
      Abraços…

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças PessoaisSaiba qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos

    Saiba qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos

    4.7
    (12)

    Dados da B3 apontam que as vendas financiadas de veículos em 2020 somaram 5,52 milhões de unidades. Contudo, o número de refinanciamento de veículos disparou durante o pico da pandemia de covid-19 em 2020.

    Publicidade

    O refinanciamento de veículos é uma modalidade de concessão de crédito por financeiras e bancos, em que o cliente precisa ter um veículo em seu nome. Nesse caso, o carro fica alienado, mas ainda com os documentos no nome do cliente.

    No empréstimo com garantia de veículos, caso o dono do carro atrase ou não pague as parcelas do financiamento, o banco tem o direito de ficar com o automóvel como forma de pagamento da dívida.

    É justamente por seguir essa lógica que as taxas de juros desse tipo de empréstimo costumam ser mais baixas: o banco tem a certeza de que vai ter o valor quitado, seja por meio do pagamento das parcelas ou pela tomada da posse do bem, em caso de inadimplência.

    Quando todas as parcelas do empréstimo são quitadas, o carro é desalienado, e o dono já não tem mais nenhum risco de perder o veículo. De maneira geral, o refinanciamento é feito sem burocracia e de forma rápida.

    Vale a pena fazer refinanciamento de veículos?

    É difícil afirmar se vale a pena ou não optar pelo refinanciamento de veículos, sem antes analisar a sua condição financeira.

    Publicidade

    Por isso, é tão importante que você faça comparações com outras modalidades de empréstimo pessoal. E, avaliar sua saúde financeira sem dúvida é a melhor forma de encontrar essa resposta.

    Então avalie:

    • A taxa de abertura que será cobrada;
    • Os juros totais dessa negociação;
    • A quantidade de taxas, tarifas e valores que serão cobrados de você;

    Finalmente, coloque tudo na ponta do lápis. E, principalmente, não olhe apenas para a parcela mensal que você terá. Faça um cálculo total dos anos que você estará pagando por isso.

    Se você decidiu que, no seu caso, o refinanciamento é a melhor maneira de obter crédito, procure uma instituição financeira com documentos pessoais (RG e CPF), comprovante de renda e de residência, além da documentação do carro.

    As 4 etapas do refinanciamento de veículo

    O refinanciamento de veículos é um contrato bem simples e normalmente não envolve muita burocracia. Apesar disso, a instituição financeira precisa se certificar de que o automóvel em questão está nas condições ideias para ser usado como garantia do empréstimo.

    Publicidade

    Veja abaixo as etapas do refinanciamento:

    1 – Análise de crédito

    A instituição financeira vai realizar uma análise para verificar a renda fixa mensal do cliente. O crédito solicitado dependerá também dessa comprovação financeira. Para isso, a instituição vai pedir documentos comprobatórios de renda.

    2 – Análise jurídica

    Antes de aceitar o bem como garantia, será feita uma checagem jurídica para saber qual é a situação legal dele. Caso haja alguma pendência judicial, o processo não seguirá em frente.

    Por isso, é muito importante que o automóvel esteja legalmente autorizado a ser usado como garantia para o empréstimo.

    3 – Análise do veículo

    Após verificar a comprovação de renda do cliente e se está tudo certo com o bem, a instituição vai avaliar o veículo em si.

    Publicidade

    Além do valor de acordo com a tabela FIPE, serão levados em conta outros fatos. Entre eles, estão o estado de conservação do veículo, adicionais e o tempo de uso.

    4 – Emissão e assinatura do contrato

    Por fim, a instituição vai liberar um contrato que será avaliado pelo cliente, com a proposta e a descrição do acordo que deverá ser feito. Se as duas partes concordarem, o contrato será assinado, e posteriormente, registrado em cartório para que haja a liberação do crédito.

    Pessoa escrevendo em um caderno com chave de carro em cima em uma mesa com moedas, carros em miniatura e acessando notebook
    Saiba como fazer refinanciamento do veículo

    Quais bancos oferecem as melhores taxas para refinanciamento?

    Quer saber quais são as instituições que oferecem as melhores condições para refinanciamento de veículos? Confira:

    Caixa Econômica

    A Caixa oferece crédito de até 70% do valor do veículo apresentado como garantia com até dois anos de fabricação. Já para aqueles entre três e cinco anos de fabricação, o crédito é de até 60%.

    Santander

    O banco aplica taxa de juros a partir de 0,89% a.m. e empréstimo de até 70% do valor de mercado do veículo. Além disso, o pagamento pode ser parcelada em até 60 meses.

    Banco do Brasil

    O Banco do Brasil libera até 80% de crédito referente ao valor do seu veículo e o prazo de pagamento é realizado em até 60 meses. A contratação pode ser realizada pelo App BB (com taxas exclusivas) ou em qualquer agência BB.

    Bradesco

    A instituição tem como limite de empréstimo para veículos com até três anos: 60% do valor. Para veículos com quatro a sete anos: 50% do valor. As taxas de juros ficam de acordo com o ano do veículo e entrada escolhida.

    BV Financeira

    A BV tem crédito à vista de até 90% do valor do seu veículo leves e pesados até 19 anos ou utilitários até oito anos. As parcelas são fixas até o fim do contrato.

    Creditas

    A taxa de juros na instituição são de a partir de 0,99% ao mês e até 60 meses de prazo para pagamento.

    Banco Daycoval

    Para automóveis com ano modelo a partir de 1997, o parcelamento pode ser feito em até 48 meses. Pessoas físicas e jurídicas podem financiar até 70% do valor do veículo, de acordo com a avaliação de crédito.

    Afinal, vale a pena fazer o refinanciamento de veículo?

    Se você estiver precisando de dinheiro urgente, o refinanciamento do carro ou moto pode ser uma opção viável. Contudo, é muito importante cuidar das suas finanças pessoais antes de assinar os papéis para refinanciar o carro.

    Isso é importante porque, caso você não consiga arcar com as parcelas em dia, o veículo pode ser tomado pelo banco que você optou pelo refinanciamento.

    Portanto, faça seu planejamento financeiro, analise bem o orçamento e tenha certeza que você pode realizar os pagamentos deste empréstimo!

    É possível refinanciar carro com o nome sujo?

    Sim. Como as instituições têm garantia de que receberão pelo empréstimo, o processo de análise de crédito da proposta acaba sendo menos rigoroso que o de um empréstimo pessoal, por exemplo.

    Este conteúdo te ajudou? Conseguiu esclarecer as suas dúvidas e comparar qual é o melhor banco para refinanciamento de veículos? Então compartilhe com outras pessoas e salve para ler quando quiser.

    O que achou disso?

    Média da classificação 4.7 / 5. Número de votos: 12

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?