Início Notícias Economia Semana Brasil 2020: vale a pena aproveitar os descontos?

Semana Brasil 2020: vale a pena aproveitar os descontos?

4.5
(8)

O governo federal anunciou que a ‘Semana Brasil 2020’ será realizada em setembro para impulsionar o comércio.

A edição deste ano deve reunir grandes redes varejistas em uma campanha nacional de descontos em produtos e serviços no período de 3 a 13 de setembro.

Realizada pela primeira vez em 2019, a ação promocional levou o comércio nacional a crescer 11,3% entre os dias 6 e 15 de setembro, na comparação com o mesmo período de 2018.

Semana Brasil 2020
Semana Brasil 2020 acontecerá de 3 a 13 de setembro em todo o país

A semana de descontos puxou especialmente as vendas do comércio eletrônico (18,5%) e de shopping center (8,5%). Contudo, as categorias que mais cresceram foram:

  • 19,8% – cosméticos,
  • 12,6% – móveis, eletroportáteis e lojas de departamento,
  • 6,1% – vestuário e artigos esportivos.

Semana Brasil 2020 tem adesão de dezenas de empresas

Gigantes do comércio de diferentes setores aderiram à Semana Brasil 2020, que tem como slogan “Todos juntos com segurança pela retomada e o emprego”.

Segundo o secretário executivo do Ministério das Comunicações, Fabio Wajngarten, a iniciativa já conta com a adesão de 83 associações do comércio varejista.

Dentre elas: alimentação, eletrônicos e eletrodomésticos, computadores, móveis, produtos de higiene e limpeza, cosméticos, nutrição e material esportivo.

“Estamos mobilizando todo o varejo para buscar as melhores formas de viabilizar as ações promocionais. Esta é uma ação totalmente suprapartidária, que trará benefícios para a economia do país como um todo”, afirma o conselheiro do Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV), Marcos Gouvêa de Souza.

Fique atento aos cuidados na hora da compra

O Procon-SP, vinculado à Secretaria da Justiça e Cidadania, orienta sobre os cuidados ao comprar nas promoções da Semana do Brasil 2020. Segundo o órgão, o consumidor deve estar atento para garantir compras realmente vantajosas.

“É importante fazer uma pesquisa de preços por meio de aplicativos e sites de comparação de preços. Observar o prazo de entrega e informar-se antecipadamente sobre a política de troca da empresa são atitudes que ajudam a evitar problemas. É bom não clicar em links e ofertas recebidas por e-mail ou redes sociais”, afirma o Procon.

Para o professor da Fundação Getulio Vargas (FGV), André Miceli, os consumidores devem tomar cuidados para não caírem em armadilhas.

“Baixe apenas aplicativos de lojas oficiais, como o Google Play ou a App Store da Apple e desconfie dos aplicativos que solicitam permissões suspeitas, como acesso a contatos, mensagens de texto, recursos administrativos, senhas armazenadas ou informações do cartão de crédito”, diz André Miceli.

O especialista alerta ainda que os consumidores sempre confirmem o plano de fundo de um aplicativo antes de fazer o download.

“Pesquise o desenvolvedor e conheça a ortografia das marcas. Alguns desenvolvedores mal intencionados escrevem o nome errado das marcas para ludibriar os usuários”, explica o especialista.

Especialista alerta para gastos e endividamento

O coordenador do MBA em Gestão Financeira da FGV, Ricardo Teixeira, orienta cautela aos consumidores nas compras durante a Semana Brasil 2020.

O especialista adverte que a maioria dos brasileiros já está endividada e deve ficar atenta para não piorar sua saúde financeira no fim do ano.

“Coloque uma margem de valor mínimo e máximo para a compra que não comprometa o orçamento. Para estabelecer quanto pode e quer gastar, revise suas contas. Assim você terá mais claras quais são as suas possibilidades financeiras”, afirma Ricardo Teixeira.

O especialista em gestão financeira também propõe:

“Em tempos de crise, sempre vale procurar o maior desconto. Caso você não tenha como pagar o valor total, escolha parcelar a compra no cartão de crédito, mas sem parcelas com juros. Se vier a parcelar, porém, lembre-se que você corre o risco de ter o salário comprometido quando a próxima comemoração chegar. Dê preferência ao pagamento à vista; se não for possível, divida no número mínimo de parcelas possível dentro do seu orçamento”.

Ricardo Teixeira alerta ainda para que o consumidor fique atento ao Custo Efetivo Total (CET) durante a compra na Semana Brasil 2020. Segundo ele, sem essa informação, os consumidores são induzidos a erros ao calcular o valor final do produto comprado.

“Fique de olho nos juros, seguros e outros encargos. Um ponto importante é o valor da taxa de entrega. Ela pode encarecer demais a compra”, orienta o professor da FGV.

Por fim, o especialista em gestão financeira recomenda que o consumidor não seja atraído por falsas promoções. “E fique atento à real utilidade do produto. É frustrante gastar em algo que quase ou nunca será usado”, observa o professor da FGV.

Caso você precise trocar o produto, conheça as regras de troca nas lojas físicas e online.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 8

Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Massadar
Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Conheça 10 franquias com investimentos de até R$10 mil

A pandemia do novo coronavírus fez com que a procura por microfranquias aumentasse. Em especial, as franquias de até R$10 mil.

Quais são os gastos para manter um carro próprio?

Muitos brasileiros sonham em ter o carro próprio, mas esquecem dos gastos que um veículo pode trazer. E isso acontece porque a...

Como escolher a rede social para seu negócio?

Você sabe como escolher a rede social ideal para o seu negócio? Qual irá fazer a sua empresa crescer e se tornar...

Cartões de crédito sem anuidade: veja os 14 melhores

Procurando por cartões de crédito sem anuidade? Eles conquistaram, definitivamente, espaço na economia brasileira. De acordo com a pesquisa realizada pelo SPC Brasil, cerca de...

Empreendedorismo feminino: o que é e quais os desafios

Falar sobre empreendedorismo faz com que muitas pessoas pensem em empresas grandes ou projetos inovadores. No entanto, empreender vai além disso: é...

5 motivos para investir em Bitcoin em 2020

Diversificar é uma das estratégias mais usadas por investidores de sucesso. Por isso, investir em Bitcoin pode ser uma boa ideia.