Início Notícias Finanças Pessoais Caixa corta em até 40% taxas de juros para empréstimo

Caixa corta em até 40% taxas de juros para empréstimo

0
(0)

A Caixa Econômica Federal (CEF) anunciou a redução dos seus juros para empréstimo pessoal. A divulgação foi feita na mesma ocasião em que a instituição afirmou que vai cortar em até 40% os juros do cheque especial.

Neste caso, a taxa partirá de 8,99% ao mês, tanto para clientes pessoa física quanto pessoa jurídica. Essa nova modalidade estará disponível a partir de 19 de agosto.

Cheque especial e rotativo do cartão de crédito tiveram aumento na taxa de juros

A Caixa informou que, no caso da contratação individual do cheque especial, a taxa passa a ser de até 9,99% ao mês. Segundo o banco, essa taxa representa uma redução de 26% sobre os percentuais praticados atualmente.

Ainda de acordo com a instituição financeira, as taxas para cheque especial eram de até 13,45% ao mês, no caso de pessoa física, e de até 14,95% ao mês para pessoa jurídica.

Juros para empréstimo

A Caixa afirma que a redução dos juros para empréstimo será de até 21%. A taxa mínima era de 4,99% ao mês, e agora será a partir de 2,29% ao mês.

Para capital de giro, a Caixa anunciou corte nas taxas, que variam de 11% a 13%. As taxas serão a partir de 0,95% ao mês.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, informou que o banco terá perdas no curto prazo com a redução das taxas.

Entretanto, a expectativa é de que essas perdas sejam recuperadas no médio prazo. Espera-se que com o aumento no número de clientes e de operações o resultado seja positivo.

Guimarães ressaltou que o corte de juros de operações de crédito ocorre com base na redução da taxa Selic.

Novas taxas da Caixa

Lembrando que as simulações a seguir consideram a contratação individual. Confira!

1 – Cheque especial

Taxa anterior

Contratou R$ 500, pagará no final: R$ 567,25
Contratou R$ 1.000, pagará no final: R$ 1.134,50

Taxa atual

Contratou R$ 500, pagará no final: R$ 549,95
Contratou R$ 1.000, pagará no final: R$ 1.099,90

2 – Crédito pessoal (CDC salário)

Taxa anterior

Contratou R$ 500, pagará no final: R$ 514,50
Contratou R$ 1.000, pagará no final: R$ 1.029

Taxa atual

Contratou R$ 500, pagará no final: R$ 511,45
Contratou R$ 1.000, pagará no final: R$ 1.022,90

*Considerando o valor pago em parcela única sem IOF e demais taxas de contratação.

Aplicativo para baixa renda

Na ocasião do anúncio da queda dos juros para empréstimo, o presidente da Caixa disse que a instituição está desenvolvendo um aplicativo de celular mais simples, que será voltado para clientes de baixa renda.

De acordo com o executivo, o produto deve ser lançado em até 60 dias. Por meio do app, explicou Guimarães, os clientes vão poder fazer todas as operações básicas como pagamentos de contas e transferências.

Será possível também ter acesso a serviços sociais administrados pela instituição, como o Bolsa Família.

Crédito imobiliário com juros reduzidos

A Caixa anunciou também um futuro corte de juros nos financiamentos imobiliários. Dessa forma, as taxas poderão chegar a 31,5%.

A instituição possui 70% do crédito habitacional do país. Como consequência, é esperado que outras corporações abram mão de valores de taxas atuais para impedir uma possível perda de clientes.

A Caixa fará um reajuste nos contratos de acordo com a inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). Segundo o IBGE, o IPCA deve encerrar em 3,82 em 2019.

BB e Itaú também anunciam cortes

O Banco do Brasil e o Itaú Unibanco também informaram corte nos juros para empréstimo.

No caso do BB, os cortes foram no crédito para pessoas físicas, jurídicas e financiamento imobiliário. Na habitação, a taxa mínima no SFI (Sistema Financeiro de Habitação) cai de 8,49% para 8,29%.

O SFI abrange imóveis de até R$ 1,5 milhão e permite o uso do FGTS.

Já o Itaú Unibanco afirmou ontem que repassará integralmente o corte de meio ponto percentual na Selic.

As diminuições serão no crédito para pessoas físicas e no capital de giro para as empresas.

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Massadar
Carioca, amante de esportes e de viagens. Escolhi o jornalismo porque ele vive pelo mundo e conta histórias de pessoas e realidades distintas. Tenho experiência em redação e assessoria de imprensa. Atualmente, trabalho numa agência de marketing digital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

5 erros mais comuns ao usar cartão de crédito

Você já se complicou alguma vez utilizando o cartão de crédito? Ficou com preocupação com a fatura do próximo mês? Se a...

6 opções para trabalhar como freelancer aos finais de semana

Está em busca de aumentar a sua renda ou a da sua família nas horas vagas? Uma alternativa é ser freelancer aos...

Descubra 5 ferramentas semelhantes ao PIX

Pagamento via QR Code, transferências rápidas e que podem ser feitas 24 horas por dia, sete dias na semana: o Pix é...

Como calcular quanto você precisa de renda extra

Em tempos de crise econômica, conseguir uma renda extra se torna o objetivo de muitos profissionais. No entanto, algumas pessoas não conseguem...

Como reclamar uma cobrança bancária indevida

Uma das maiores reclamações de consumidores com relação às instituições financeiras é a cobrança bancária indevida. Esse ainda é um problema recorrente, mas que...

4 vantagens do Open Banking para clientes e empresas

Antes de descobrir quais as vantagens do Open Banking para clientes e empresas, você precisa saber o que é essa nova realidade...