Serviço de coleta de lixo pode ser cobrado na conta de luz? Entenda

1
706
Pessoa com dinheiro e conta de luz fazendo cálculos na calculadora
2.3
(3)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, no dia 8 de novembro, uma resolução normativa que permite a cobrança, por meio da conta de luz, de taxas ou tarifas decorrentes da coleta de lixo.

Anúncios

Com isso, as prefeituras ficam responsáveis por informar o valor a ser cobrado de cada contribuinte, seguindo as instruções da Agência Nacional de Águas (ANA).

As distribuidoras de energia, por sua vez, recebem, como remuneração, o montante de 1% do total arrecadado, sendo que 60% desse valor será destinado para a modicidade tarifária.

Anúncios

Contudo, fique atento! Alguns dos municípios já introduziram as taxas, mesmo antes da publicação da lei, enquanto outros ainda não a adotaram.

+ 10 países com as contas de luz mais caras do mundo. Brasil ocupa 2º lugar!

A cobrança na conta de luz ser feita por:

+ Confira 12 dicas práticas para reduzir o valor da conta de luz

Anúncios

A Aneel sinalizou que a cobrança realizada conta de luz ser feita por:

  • fatura específica de manejo de resíduos sólidos urbanos;
  • taxa ou tarifa cobrada por meio da conta de água;
  • cobrança junto ao carnê ou guia do IPTU
  • taxa ou tarifa cobrada por meio da conta de luz.
homens jogando lixo em um caminhão
Aneel regulamenta cobrança do serviço de coleta de lixo na conta de luz

Resumo da norma aprovada pela diretoria da Aneel:

  • a cobrança é facultativa para a distribuidora de energia, ou seja, caso a distribuidora se recuse a repassar a taxa na conta de luz, o município terá de buscar outro meio de cobrança;
  • caso a distribuidora tope repassar a cobrança por meio da conta de luz, não é necessária anuência prévia do consumidor, ou seja, o consumidor terá de pagar, pois se trata de um tributo previsto em lei, na nova lei do saneamento básico.

Cobrança de taxa de lixo na conta de luz pode aumentar inadimplência

A Associação Nacional dos Consumidores de Energia (ANACE) vê com grande preocupação a aprovação, pela Aneel. A entidade estuda a possibilidade de entrar com recurso administrativo contra a medida.

Segundo o órgão, a resolução reduz a transparência no setor elétrico, dificultando a compreensão, por parte dos consumidores, do real custo da energia.

“Ao mesmo tempo, tende a ampliar a inadimplência”, alerta o diretor-presidente da ANACE, Carlos Faria, referindo-se ao risco de o consumidor não pagar a conta diante do seu valor superior devido à combinação de cobranças.

Faria destaca ainda que o processo pode exigir que as distribuidoras façam ajustes em seus sistemas de faturamento, procedimento custoso. Além disso, há risco de bitributação das contas.

Gostou deste conteúdo? Então compartilhe com familiares e amigos ou deixe um comentário! Descubra mais seguindo o FinanceOne no FacebookInstagramTikTok e Linkedin!

O que achou disso?

Média da classificação 2.3 / 5. Número de votos: 3

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

1 COMENTÁRIO

  1. É um absurdo fazer cobrança de lixo na conta de luz. A luz mais cara do Brasil é a do Estado do Pará. .
    Cada categoria tem e desenvolve uma função na sociedade e é pago por isso. Me faça entender porque que a população vai ser obrigado a pagar para recolher seu lixo se tem os garis que são pagos para recolher?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui