Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasFinanças Pessoais“Não perturbe”: veja como fazer o bloqueio de telemarketing

    “Não perturbe”: veja como fazer o bloqueio de telemarketing

    0
    (0)

    Cansado de ligações seguidas de telemarketing? Temos uma solução! As principais operadoras de telecomunicações do país possuem a plataforma digital do Cadastro Nacional de “Não Perturbe”.

    Publicidade

    O site é um canal no qual podem se cadastrar pessoas que não desejam mais receber chamadas de telemarketing dos serviços de telefonia, de dados e de TV paga. Então, para deixar de receber essas chamadas, o consumidor deve preencher o formulário de inscrição na plataforma.

    Como resultado, a suspensão das chamadas pelas empresas de telecomunicações ocorrerá em até 30 dias, contados da data do cadastramento. Por isso, a lista é única e agrega as principais empresas do setor: Algar, Claro/Net, Nextel, Oi, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

    Além disso, as empresas que não cumprirem o pedido do consumidor podem ser multadas em até R$ 50 milhões.

    De acordo com a Anatel, somente em maio de 2021 já foram registradas mais de 190 mil reclamações referentes a ligações indesejadas.

    Conforme a agência, a lista do “Não me perturbe” vale para todo o Brasil e não substitui os cadastros geridos por PROCONs em algumas Unidades da Federação.

    Publicidade
    bloqueio de telemarketing
    O Não me Perturbe é um site que impede empresas de telemarketing realize ligações para o seu número

    Como realizar o bloqueio de telemarketing

    Antes de mais nada, para realizar o bloqueio de telemarketing, você precisa acessar o site “Não me Perturbe” e clicar em Quero me Cadastrar. Em seguida, forneça seu nome e sobrenome, CPF, e-mail e uma senha.

    Feito isso, imediatamente o site envia um e-mail de confirmação para a sua caixa de entrada. Depois, confirme o seu cadastro.

    Agora, volte a página do Não me Perturbe, realize seu login e acesse a sua conta. Lá, você clicará em novo bloqueio. O site automaticamente usará os dados informados em cadastro.

    Logo abaixo, você terá um campo de prestadoras de serviços de telecomunicações e instituições financeiras das quais você não deseja receber ligações. Selecione as que você não possui interesse.

    Caso não tenha interesse em nenhuma, selecione a caixa referente a opção Todas abaixo de empresas de telecomunicação e instituições financeiras. Por fim, clique em não sou um robô.

    Publicidade

    A princípio, depois desse cadastro as ligações serão bloqueadas em até 30 dias após o cadastro.

    Empresas que fazem parte da lista do Não me Perturbe
    Acima, temos as empresas que fazem parte do cadastro do Não me Perturbe

    Site permite evitar ligações de telemarketing de qualquer empresa

    Depois do sucesso do bloqueio de telemarketing, a Fundação Procon de São Paulo resolveu iniciar uma pesquisa a respeito de seu serviço “Não me ligue”.

    Trata-se de um site que permite aos usuários bloquear chamadas de telemarketing de qualquer empresa. Com exceção de ONGs e demais entidades filantrópicas.

    O “Não me Ligue” é gratuito para o usuário. No entanto, pode render multas de quase R$ 10 milhões para quem desrespeitá-lo.

    De acordo com o Procon-SP, após 30 dias da inscrição no site, as empresas estarão proibidas de ligar nos números inseridos pelos usuários.

    Publicidade

    Após se cadastrar, o consumidor recebe uma senha por e-mail. Ou seja, com ela, é possível excluir e incluir telefones.

    O número cadastrado fica bloqueado por prazo indeterminado. No entanto, é possível cancelar o bloqueio a qualquer momento.

    Portanto, se continuar sendo importunado, o consumidor deve acessar o cadastro e informar os números ao Procon-SP, que pode multar a companhia citada.

    Outros estados também possuem cadastros de bloqueio

    Brasileiros são os que mais recebem mensagens e ligações indesejadas

    Ligações automáticas e mensagens de texto com publicidade indesejadas são problemas enfrentados pela maioria dos brasileiros. É o que aponta a pesquisa realizada pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) por meio da plataforma.

    O levantamento revelou que 92,5% das pessoas relataram o recebimento de ligações indesejadas.

    Do total de ligações, o estudo aborda ainda que quase metade é originada por robôs e mais de 56% são ofertas de serviços de telecomunicações.

    Não por acaso, o Brasil é a nação mais afetada por esse tipo de ligação incômoda. É o que aponta o relatório do aplicativo de bloqueio de chamadas Truecaller.

    Em 2017, a Índia liderava o ranking, com o usuário médio do Truecaller recebendo 22,6 ligações de spam por mês. Os Estados Unidos estavam empatados com o Brasil em segundo lugar, com 20,7.

    Em 2018, no entanto, enquanto a Índia foi de 22,6 para 22,3 chamadas de spam por mês, os EUA viram uma redução ainda maior: de 20,7 para 16,9.

    Já o Brasil viu seu número quase que dobrar, indo para 37,5 ligações de spam recebidas por mês por usuários do aplicativo. Alguns dados do relatório do Truecaller ajudam a explicar o salto. Conforme a empresa, as chamadas de telemarketing dispararam no Brasil neste ano.

    Em 2017, esse tipo de ligação representava 12% dos principais responsáveis por spam. Já em 2018, esse número foi para 36%.

    O Truecaller indica que, com as eleições de 2018, o número de reclamações também aumentou. No entanto, o grande vilão das chamadas de spam segue sendo justamente as operadoras de telefonia celular.

    De acordo com o relatório, elas lideraram o ranking de principais spammers do país, com 33%, e aparecem também no topo do pódio em 2018, com 32%.

    Gostou do nosso conteúdo? Confira agora como funciona o Não Perturbe dos bancos.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Redação
    Redação
    O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças Pessoais“Não perturbe”: veja como fazer o bloqueio de telemarketing

    “Não perturbe”: veja como fazer o bloqueio de telemarketing

    0
    (0)

    Cansado de ligações seguidas de telemarketing? Temos uma solução! As principais operadoras de telecomunicações do país possuem a plataforma digital do Cadastro Nacional de “Não Perturbe”.

    Publicidade

    O site é um canal no qual podem se cadastrar pessoas que não desejam mais receber chamadas de telemarketing dos serviços de telefonia, de dados e de TV paga. Então, para deixar de receber essas chamadas, o consumidor deve preencher o formulário de inscrição na plataforma.

    Como resultado, a suspensão das chamadas pelas empresas de telecomunicações ocorrerá em até 30 dias, contados da data do cadastramento. Por isso, a lista é única e agrega as principais empresas do setor: Algar, Claro/Net, Nextel, Oi, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

    Além disso, as empresas que não cumprirem o pedido do consumidor podem ser multadas em até R$ 50 milhões.

    De acordo com a Anatel, somente em maio de 2021 já foram registradas mais de 190 mil reclamações referentes a ligações indesejadas.

    Conforme a agência, a lista do “Não me perturbe” vale para todo o Brasil e não substitui os cadastros geridos por PROCONs em algumas Unidades da Federação.

    Publicidade
    bloqueio de telemarketing
    O Não me Perturbe é um site que impede empresas de telemarketing realize ligações para o seu número

    Como realizar o bloqueio de telemarketing

    Antes de mais nada, para realizar o bloqueio de telemarketing, você precisa acessar o site “Não me Perturbe” e clicar em Quero me Cadastrar. Em seguida, forneça seu nome e sobrenome, CPF, e-mail e uma senha.

    Feito isso, imediatamente o site envia um e-mail de confirmação para a sua caixa de entrada. Depois, confirme o seu cadastro.

    Agora, volte a página do Não me Perturbe, realize seu login e acesse a sua conta. Lá, você clicará em novo bloqueio. O site automaticamente usará os dados informados em cadastro.

    Logo abaixo, você terá um campo de prestadoras de serviços de telecomunicações e instituições financeiras das quais você não deseja receber ligações. Selecione as que você não possui interesse.

    Caso não tenha interesse em nenhuma, selecione a caixa referente a opção Todas abaixo de empresas de telecomunicação e instituições financeiras. Por fim, clique em não sou um robô.

    Publicidade

    A princípio, depois desse cadastro as ligações serão bloqueadas em até 30 dias após o cadastro.

    Empresas que fazem parte da lista do Não me Perturbe
    Acima, temos as empresas que fazem parte do cadastro do Não me Perturbe

    Site permite evitar ligações de telemarketing de qualquer empresa

    Depois do sucesso do bloqueio de telemarketing, a Fundação Procon de São Paulo resolveu iniciar uma pesquisa a respeito de seu serviço “Não me ligue”.

    Trata-se de um site que permite aos usuários bloquear chamadas de telemarketing de qualquer empresa. Com exceção de ONGs e demais entidades filantrópicas.

    O “Não me Ligue” é gratuito para o usuário. No entanto, pode render multas de quase R$ 10 milhões para quem desrespeitá-lo.

    De acordo com o Procon-SP, após 30 dias da inscrição no site, as empresas estarão proibidas de ligar nos números inseridos pelos usuários.

    Publicidade

    Após se cadastrar, o consumidor recebe uma senha por e-mail. Ou seja, com ela, é possível excluir e incluir telefones.

    O número cadastrado fica bloqueado por prazo indeterminado. No entanto, é possível cancelar o bloqueio a qualquer momento.

    Portanto, se continuar sendo importunado, o consumidor deve acessar o cadastro e informar os números ao Procon-SP, que pode multar a companhia citada.

    Outros estados também possuem cadastros de bloqueio

    Brasileiros são os que mais recebem mensagens e ligações indesejadas

    Ligações automáticas e mensagens de texto com publicidade indesejadas são problemas enfrentados pela maioria dos brasileiros. É o que aponta a pesquisa realizada pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) por meio da plataforma.

    O levantamento revelou que 92,5% das pessoas relataram o recebimento de ligações indesejadas.

    Do total de ligações, o estudo aborda ainda que quase metade é originada por robôs e mais de 56% são ofertas de serviços de telecomunicações.

    Não por acaso, o Brasil é a nação mais afetada por esse tipo de ligação incômoda. É o que aponta o relatório do aplicativo de bloqueio de chamadas Truecaller.

    Em 2017, a Índia liderava o ranking, com o usuário médio do Truecaller recebendo 22,6 ligações de spam por mês. Os Estados Unidos estavam empatados com o Brasil em segundo lugar, com 20,7.

    Em 2018, no entanto, enquanto a Índia foi de 22,6 para 22,3 chamadas de spam por mês, os EUA viram uma redução ainda maior: de 20,7 para 16,9.

    Já o Brasil viu seu número quase que dobrar, indo para 37,5 ligações de spam recebidas por mês por usuários do aplicativo. Alguns dados do relatório do Truecaller ajudam a explicar o salto. Conforme a empresa, as chamadas de telemarketing dispararam no Brasil neste ano.

    Em 2017, esse tipo de ligação representava 12% dos principais responsáveis por spam. Já em 2018, esse número foi para 36%.

    O Truecaller indica que, com as eleições de 2018, o número de reclamações também aumentou. No entanto, o grande vilão das chamadas de spam segue sendo justamente as operadoras de telefonia celular.

    De acordo com o relatório, elas lideraram o ranking de principais spammers do país, com 33%, e aparecem também no topo do pódio em 2018, com 32%.

    Gostou do nosso conteúdo? Confira agora como funciona o Não Perturbe dos bancos.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?