Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasFinanças Pessoais5 dicas para trocar de carro em 2022

    5 dicas para trocar de carro em 2022

    4.7
    (3)

    Uma pesquisa da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) revela que 75% dos brasileiros pretendem trocar de carro em 2022.

    Publicidade

    Esse desejo aumentou durante a pandemia, mesmo com a grave crise econômica. Contudo, antes de colocar o sonho em prática é preciso, primeiramente, pesquisar e ir em busca da melhor opção que se enquadre no seu perfil de motorista.

    O primeiro passo para fazer um bom negócio na troca do carro é providenciar um bom planejamento e organização financeira. Afinal de contas, não se trata de um bem barato e, por isso, é preciso estar com todos os cálculos muito bem-feitos.

    Comece colocando no papel todos os seus gastos mensais. Depois, inclua a receita familiar, considerando todas as rendas. E, por último, acrescente os custos referentes ao carro.

    Dicas para trocar de carro em 2022 sem prejudicar o orçamento doméstico

    Preparamos 5 dicas para que você saiba como trocar de carro em 202 sem precisar abrir mão de outros gastos rotineiros. Acompanhe!

    #1 Vá atrás de opiniões

    Procure, pesquise e consulte. Principalmente, escute! Se essa for a sua primeira compra ou troca, então, não deixe de cumprir essa dica.

    Publicidade

    Veja na internet ou com algum conhecido mais próximo como funciona o esquema de trocar de carro.

    Veja se o tipo de movimentação que você está pensando em fazer é confiável e se o custo-benefício para o tipo de automóvel que possui é real.

    Colete feedbacks de pessoas que já passaram pela mesma experiência para saber como deve se sair, não vá para a sua primeira experiência totalmente sem informação.

    + Entenda como funciona o consórcio de carros

    #2 Escolha o tipo de carro

    Essa é mais uma etapa muito importante, do ponto inicial, que também exigirá bastante trabalho de pesquisa.

    Publicidade

    É preciso ter bastante cuidado ao escolher o tipo de carro, pois nem sempre o mais barato é o mais vantajoso e lhe trará ótimos resultados – ou boas lembranças.

    Embora saibamos que a manutenção é algo que faz parte da rotina de um automóvel, ninguém compra um carro já pensando em consertá-lo.

    Logo, quanto mais minuciosa for a sua pesquisa, melhor será a sua escolha.

    Além disso, é preciso adequar o estilo e tipo de carro que pretende pegar ao seu perfil de motorista. Leia-se sua rotina e vida como um todo.

    Por exemplo, se o seu objetivo é utilizá-lo bastante em viagens e passeios em família, é preciso um carro com bastante espaço para bagagens.

    Publicidade

    Mas se você só quer o carro para viagens curtas, individuais, ou trabalho, não necessariamente precisa de um carro enorme, que tem um custo tecnicamente maior.

    O primeiro passo para uma escolha eficaz é saber definir quais são as suas necessidades, e exatamente as suas (quem utilizará o carro).

    #3 Antes de ir até a loja, pesquise preços

    Nesse ramo de automóveis, a pressa é mais uma vez inimiga de quem almeja a perfeição. Por isso, além de coletar feedbacks e pesquisar os melhores modelos de acordo com o perfil, fique de olho nos preços.

    Tenha uma lista de comparações. Se preferir monte uma planilha, com as recentes variações anuais de valores de acordo com a tabela para os modelos que tenha escolhido como os mais adequados para o seu perfil.

    Não deixe para conhecer os valores somente no ato da negociação. Saiba o quanto outras lojas estão cobrando e qual a média de preço dele no mercado.

    O vendedor saberá que você não é um comprador inexperiente. E certamente vai pensar duas vezes antes de tentar lhe enrolar com descontos e promoções abusivas.

    Se possível, pergunte sobre valores ou vá no dia da troca/compra com alguém experiente, mesmo que você já tenha anos de direção. Ter uma segunda pessoa é bom para dar segurança.

    Nos casos de troca, principalmente, saber sobre preços é essencial. Você precisa saber quanto está custando o seu carro, se ele está totalmente desvalorizado ou se ainda está valendo ser negociado a um preço considerável.

    Isso claramente vai refletir no valor das suas parcelas do novo automóvel.

    Pessoa entregando chave do carro para outra
    Seja qual for o veículo escolhido, também é fundamental que você faça revisões periódicas

    #4 Se for preciso, pechinche

    Pedir ou “chorar um desconto” não é nenhum pecado. Pelo contrário, vai aliviar ainda mais a sua situação e evitará que você fique enrolado ou entre em uma dívida sem fim. Tente sempre negociar um desconto.

    Veja, também, se é possível adequar a sua troca de carro em 2022 com algum programa de vantagem. Mas mesmo assim é possível ainda ir atrás de outros descontos.

    Algumas taxas impostas são flexíveis e os próprios vendedores, em sua maioria, optam por retirá-las quando percebem que o cliente está disposto a negociar.

    + Saiba quais fatores avaliar antes de comprar um carro usado

    #5 Seja realista

    Cuidado com o encerramento. Você pode estar feliz e com o carro dos sonhos, mas esteja certo de que a parcela final estará dentro da sua realidade e você terá como arcar com esse valor.

    Se perceber que é um valor fora do seu orçamento, consulte pessoas de confiança antes de fechar. E tenha a garantia de que poderá finalizar a transação.

    Não vá pela empolgação. Por isso, é muito recomendado começar todo esse planejamento com antecedência para configurar essa tentativa de troca com o orçamento mensal/anual.

    Geralmente, quanto maior as parcelas, menores serão os prazos. É possível, até mesmo, fazer simulações virtuais.

    E o custo da manutenção?

    Gostou das dicas? Se você quer trocar de carro em 2022, não deixe de seguir a maioria delas (se possível, todas) para que possa obter sucesso.

    Procure sempre um carro com o perfil econômico e verá a diferença, ainda mais em tempos de crise.

    Ah, e tem mais. Além dessas cinco dicas muito importantes, não se esqueça da manutenção. Informe-se sobre o custo da manutenção do novo carro e compare com o que você gastava com o antigo.

    Vai trocar de carro em 2022? Então confira 6 dicas sobre a manutenção de carro que vão te ajudar nesta escolha!

    O que achou disso?

    Média da classificação 4.7 / 5. Número de votos: 3

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Redação
    Redação
    O FinanceOne é um site especializado em finanças. Desde 2003, publicamos conteúdos que buscam traduzir desde a influência do mercado financeiro no seu dia a dia até a simples economia dentro de casa. Nossa missão é mostrar que qualquer pessoa pode ter controle financeiro e fazer as escolhas certas. Assim como ter no dinheiro um aliado para viver bem e conquistar seus sonhos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasFinanças Pessoais5 dicas para trocar de carro em 2022

    5 dicas para trocar de carro em 2022

    4.7
    (3)

    Uma pesquisa da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) revela que 75% dos brasileiros pretendem trocar de carro em 2022.

    Publicidade

    Esse desejo aumentou durante a pandemia, mesmo com a grave crise econômica. Contudo, antes de colocar o sonho em prática é preciso, primeiramente, pesquisar e ir em busca da melhor opção que se enquadre no seu perfil de motorista.

    O primeiro passo para fazer um bom negócio na troca do carro é providenciar um bom planejamento e organização financeira. Afinal de contas, não se trata de um bem barato e, por isso, é preciso estar com todos os cálculos muito bem-feitos.

    Comece colocando no papel todos os seus gastos mensais. Depois, inclua a receita familiar, considerando todas as rendas. E, por último, acrescente os custos referentes ao carro.

    Dicas para trocar de carro em 2022 sem prejudicar o orçamento doméstico

    Preparamos 5 dicas para que você saiba como trocar de carro em 202 sem precisar abrir mão de outros gastos rotineiros. Acompanhe!

    #1 Vá atrás de opiniões

    Procure, pesquise e consulte. Principalmente, escute! Se essa for a sua primeira compra ou troca, então, não deixe de cumprir essa dica.

    Publicidade

    Veja na internet ou com algum conhecido mais próximo como funciona o esquema de trocar de carro.

    Veja se o tipo de movimentação que você está pensando em fazer é confiável e se o custo-benefício para o tipo de automóvel que possui é real.

    Colete feedbacks de pessoas que já passaram pela mesma experiência para saber como deve se sair, não vá para a sua primeira experiência totalmente sem informação.

    + Entenda como funciona o consórcio de carros

    #2 Escolha o tipo de carro

    Essa é mais uma etapa muito importante, do ponto inicial, que também exigirá bastante trabalho de pesquisa.

    Publicidade

    É preciso ter bastante cuidado ao escolher o tipo de carro, pois nem sempre o mais barato é o mais vantajoso e lhe trará ótimos resultados – ou boas lembranças.

    Embora saibamos que a manutenção é algo que faz parte da rotina de um automóvel, ninguém compra um carro já pensando em consertá-lo.

    Logo, quanto mais minuciosa for a sua pesquisa, melhor será a sua escolha.

    Além disso, é preciso adequar o estilo e tipo de carro que pretende pegar ao seu perfil de motorista. Leia-se sua rotina e vida como um todo.

    Por exemplo, se o seu objetivo é utilizá-lo bastante em viagens e passeios em família, é preciso um carro com bastante espaço para bagagens.

    Publicidade

    Mas se você só quer o carro para viagens curtas, individuais, ou trabalho, não necessariamente precisa de um carro enorme, que tem um custo tecnicamente maior.

    O primeiro passo para uma escolha eficaz é saber definir quais são as suas necessidades, e exatamente as suas (quem utilizará o carro).

    #3 Antes de ir até a loja, pesquise preços

    Nesse ramo de automóveis, a pressa é mais uma vez inimiga de quem almeja a perfeição. Por isso, além de coletar feedbacks e pesquisar os melhores modelos de acordo com o perfil, fique de olho nos preços.

    Tenha uma lista de comparações. Se preferir monte uma planilha, com as recentes variações anuais de valores de acordo com a tabela para os modelos que tenha escolhido como os mais adequados para o seu perfil.

    Não deixe para conhecer os valores somente no ato da negociação. Saiba o quanto outras lojas estão cobrando e qual a média de preço dele no mercado.

    O vendedor saberá que você não é um comprador inexperiente. E certamente vai pensar duas vezes antes de tentar lhe enrolar com descontos e promoções abusivas.

    Se possível, pergunte sobre valores ou vá no dia da troca/compra com alguém experiente, mesmo que você já tenha anos de direção. Ter uma segunda pessoa é bom para dar segurança.

    Nos casos de troca, principalmente, saber sobre preços é essencial. Você precisa saber quanto está custando o seu carro, se ele está totalmente desvalorizado ou se ainda está valendo ser negociado a um preço considerável.

    Isso claramente vai refletir no valor das suas parcelas do novo automóvel.

    Pessoa entregando chave do carro para outra
    Seja qual for o veículo escolhido, também é fundamental que você faça revisões periódicas

    #4 Se for preciso, pechinche

    Pedir ou “chorar um desconto” não é nenhum pecado. Pelo contrário, vai aliviar ainda mais a sua situação e evitará que você fique enrolado ou entre em uma dívida sem fim. Tente sempre negociar um desconto.

    Veja, também, se é possível adequar a sua troca de carro em 2022 com algum programa de vantagem. Mas mesmo assim é possível ainda ir atrás de outros descontos.

    Algumas taxas impostas são flexíveis e os próprios vendedores, em sua maioria, optam por retirá-las quando percebem que o cliente está disposto a negociar.

    + Saiba quais fatores avaliar antes de comprar um carro usado

    #5 Seja realista

    Cuidado com o encerramento. Você pode estar feliz e com o carro dos sonhos, mas esteja certo de que a parcela final estará dentro da sua realidade e você terá como arcar com esse valor.

    Se perceber que é um valor fora do seu orçamento, consulte pessoas de confiança antes de fechar. E tenha a garantia de que poderá finalizar a transação.

    Não vá pela empolgação. Por isso, é muito recomendado começar todo esse planejamento com antecedência para configurar essa tentativa de troca com o orçamento mensal/anual.

    Geralmente, quanto maior as parcelas, menores serão os prazos. É possível, até mesmo, fazer simulações virtuais.

    E o custo da manutenção?

    Gostou das dicas? Se você quer trocar de carro em 2022, não deixe de seguir a maioria delas (se possível, todas) para que possa obter sucesso.

    Procure sempre um carro com o perfil econômico e verá a diferença, ainda mais em tempos de crise.

    Ah, e tem mais. Além dessas cinco dicas muito importantes, não se esqueça da manutenção. Informe-se sobre o custo da manutenção do novo carro e compare com o que você gastava com o antigo.

    Vai trocar de carro em 2022? Então confira 6 dicas sobre a manutenção de carro que vão te ajudar nesta escolha!

    O que achou disso?

    Média da classificação 4.7 / 5. Número de votos: 3

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?