Conversor de moedas

Veja a cotação do Dólar Hoje, Euro hoje e Bitcoin hoje.

Latam - Ofertas Imperdíveis

5 dicas para trocar de carro em 2019

Escrito por: Mateus Carvalho em 25 de janeiro de 2019

Chegou o novo ano e você quer mudar mais uma parte da sua vida? Escolher um novo automóvel é uma tarefa cautelosa e importante, pois é visto como um investimento. Por isso, confira algumas dicas para trocar de carro em 2019.

comprar ou alugar carros

Muitos falam que carro é como um filho, pois dá trabalho e requer sempre uma manutenção de reparos, compras, cuidados, um investimento, como um todo.

Pensando nisso, na hora de trocar de carro em 2019 é preciso, primeiramente, analisar e ir em busca da melhor opção que se enquadre no seu perfil de motorista.

Você precisa ter um grande cuidado no momento em que decidir trocar de carro, ou até mesmo se essa decisão for a de adquirir um novo veículo.

Tenha todo o cuidado, não caia em conversas e truques, para que essa seja a melhor decisão que você poderia ter tomado.

#1 Vá atrás de opiniões

Procure, pesquise e consulte. Principalmente, escute! Se essa for a sua primeira compra ou troca, então, não deixe de cumprir essa dica.

Veja na internet ou com algum conhecido mais próximo como funciona o esquema de trocar de carro.

Veja se o tipo de movimentação que você está pensando em fazer é confiável e se o custo-benefício para o tipo de automóvel que possui é real.

Colete feedbacks de pessoas que já passaram pela mesma experiência para saber como deve se sair, não vá para a sua primeira experiência totalmente sem informação.

#2 Escolha o tipo de carro

Essa é mais uma etapa muito importante, do ponto inicial, que também exigirá bastante trabalho de pesquisa.

É preciso ter bastante cuidado ao escolher o tipo de carro, pois nem sempre o mais barato é o mais vantajoso e lhe trará ótimos resultados – ou boas lembranças.

Embora saibamos que a manutenção é algo que faz parte da rotina de um automóvel, ninguém compra um carro já pensando em consertá-lo.

Logo, quanto mais minuciosa for a sua pesquisa, melhor será a sua escolha.

Além disso, é preciso adequar o estilo e tipo de carro que pretende pegar ao seu perfil de motorista. Leia-se sua rotina e vida como um todo.

Por exemplo, se o seu objetivo é utilizá-lo bastante em viagens e passeios em família, é preciso um carro com bastante espaço para bagagens.

Mas se você só quer o carro para viagens curtas, individuais, ou trabalho, não necessariamente precisa de um carro enorme, que tem um custo tecnicamente maior.

O primeiro passo para uma escolha eficaz é saber definir quais são as suas necessidades, e exatamente as suas (quem utilizará o carro).

#3 Antes de ir até a loja, pesquise preços

Nesse ramo de automóveis, a pressa é mais uma vez inimiga de quem almeja a perfeição. Por isso, além de coletar feedbacks e pesquisar os melhores modelos de acordo com o perfil, fique de olho nos preços.

Tenha uma lista de comparações. Se preferir monte uma planilha, com as recentes variações anuais de valores de acordo com a tabela para os modelos que tenha escolhido como os mais adequados para o seu perfil.

Não deixe para conhecer os valores somente no ato da negociação. Saiba o quanto outras lojas estão cobrando e qual a média de preço dele no mercado.

O vendedor saberá que você não é um comprador inexperiente. E certamente vai pensar duas vezes antes de tentar lhe enrolar com descontos e promoções abusivas.

Se possível, pergunte sobre valores ou vá no dia da troca/compra com alguém experiente, mesmo que você já tenha anos de direção. Ter uma segunda pessoa é bom para dar segurança.

Nos casos de troca, principalmente, saber sobre preços é essencial. Você precisa saber quanto está custando o seu carro, se ele está totalmente desvalorizado ou se ainda está valendo ser negociado a um preço considerável.

Isso claramente vai refletir no valor das suas parcelas do novo automóvel.

#4 Se for preciso, pechinche

Pedir ou “chorar um desconto” não é nenhum pecado. Pelo contrário, vai aliviar ainda mais a sua situação e evitará que você fique enrolado ou entre em uma dívida sem fim. Tente sempre negociar um desconto.

Veja, também, se é possível adequar a sua troca de carro em 2019 com algum programa de vantagem. Mas mesmo assim é possível ainda ir atrás de outros descontos.

Algumas taxas impostas são flexíveis e os próprios vendedores, em sua maioria, optam por retirá-las quando percebem que o cliente está disposto a negociar.

#5 Seja realista

Cuidado com o encerramento. Você pode estar feliz e com o carro dos sonhos, mas esteja certo de que a parcela final estará dentro da sua realidade e você terá como arcar com esse valor.

Se perceber que é um valor fora do seu orçamento, consulte pessoas de confiança antes de fechar. E tenha a garantia de que poderá finalizar a transação.

Não vá pela empolgação. Por isso, é muito recomendado começar todo esse planejamento com antecedência para configurar essa tentativa de troca com o orçamento mensal/anual.

Geralmente, quanto maior as parcelas, menores serão os prazos. É possível, até mesmo, fazer simulações virtuais.

E o custo da manutenção?

Gostou das dicas? Se você quer trocar de carro em 2019, não deixe de seguir a maioria delas (se possível, todas) para que possa obter sucesso.

Procure sempre um carro com o perfil econômico e verá a diferença, ainda mais em tempos de crise.

Ah, e tem mais. Além dessas cinco dicas muito importantes, não se esqueça da manutenção. Informe-se sobre o custo da manutenção do novo carro e compare com o que você gastava com o antigo.

Aqui você confere 6 dicas sobre a manutenção de carro.

Mateus Carvalho

Jornalista formado pela Unicarioca. Atualmente, repórter da Folha Dirigida e produtor de conteúdo no FinanceOne. Já fui colaborador do Torcedores.com.

Deixe uma resposta

Precisa converter?

A calculadora de conversão do FinanceOne fornece os últimos valores cotados para diversas moedas. Acesse agora!

Converter agora

Posts relacionados

Ter um seguro para a casa
regras para cancelamento de viagem
C6 Bank é o mais novo banco digital do Brasil
plano de saúde