Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioNotíciasEmpreendedorismoErros que podem excluir uma empresa do Simples Nacional

    Erros que podem excluir uma empresa do Simples Nacional

    0
    (0)

    Você sabia que existem diversos erros que podem acabar excluindo a sua empresa do Simples Nacional? Quando isso acontece, é necessário que a instituição entenda o que levou a perder esse regime de tributação.

    Publicidade

    Se você perde o Simples Nacional precisa se adaptar em outro modelo de empresa, e isso gera mais burocracia. Por esse motivo, é importante saber o que pode te levar a perder esse tributo.

    Dessa forma, é possível evitar futuras dores de cabeça. E quais são esses erros? É o que você vai descobrir durante este artigo!

    Simples Nacional: o que leva sua empresa a ser excluída?

    Para quem não sabe, a Receita Federal é quem realiza todo o processo de varredura, constantemente. O objetivo é procurar e identificar se as empresas estão ou não enquadradas da forma correta.

    O órgão trabalha em busca de irregularidades nas instituições. Quando isso acontece, é enviada uma carta notificando a exclusão da empresa por conta de alguma irregularidade encontrada pela Receita Federal.

    Pessoa escrevendo em um caderno e usando tablet
    É preciso estar atento aos requisitos para a sua empresa se enquadrar no Simples Nacional

    Isso acaba fazendo com que a empresa fique impedida de se manter no regime tributário do Simples Nacional, já que ela não está enquadrada no modelo por algum motivo.

    Publicidade

    É válido ressaltar que a sua empresa não é desvinculada assim que a irregularidade é encontrada. Pelo contrário, a carta enviada conta com um prazo para que você tenha a possibilidade de se regularizar perante a Receita. 

    Isso acaba possibilitando que você evite a exclusão da sua empresa do modelo do Simples Nacional.

    Quais são os principais motivos da exclusão?

    Agora que você já sabe o que leva uma empresa a ser excluída, chegou a hora de saber quais são os principais motivos. Isso vai te ajudar a ficar longe deles e evitar da sua empresa ser suspensa do Simples Nacional.

    Entre os principais motivos, podem ser citados: 

    • Dívidas
    • Limite de faturamento

    O ponto das dívidas é um dos mais importantes, já que uma empresa não pode ter pendência com a Receita Federal, caso contrário, será excluída do Simples Nacional. 

    Publicidade

    É sempre importante estar atento e procurar realizar quaisquer débitos. Além disso, fique sempre de olho também se a sua atividade ainda é permitida para participar no Simples Nacional. Algumas recentemente foram proibidas.

    + Pagamento do Simples Nacional com Pix: entenda como funciona
    + Como tirar o extrato do Simples Nacional?

    Limite de faturamento também é um ponto que pode te prejudicar nesses casos. Como você sabe, uma empresa não pode ultrapassar R$4,8 milhões anualmente. Caso contrário, é preciso alterar o regime. 

    Há, ainda, um outro ponto que pode te fazer ter a exclusão do Simples Nacional: um sócio PJ. Uma empresa não pode ter uma pessoa jurídica em sociedade, pois é retirada do regime.

    Qual é o benefício do Simples Nacional?

    O regime do Simples Nacional conta com diversos benefícios e vantagens. Entre eles, pode ser citada a simplificação na apuração dos valores – que é feita de acordo com a receita bruta, que é o faturamento, das empresas nos últimos 12 meses anteriores. 

    Publicidade

    + Simples Nacional: como fazer a contabilidade no primeiro ano da empresa

    Além disso, outro benefício é o recolhimento por meio de uma única guia, o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). Vale destacar que é por meio desse regime que se elimina uma série de obrigações acessórias. 

    Uma delas é o do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) – obrigações que não são exigidas para os optantes do regime. 

    Este conteúdo te ajudou? Então continue lendo sobre o assunto e veja o que é e como funciona o regime do Simples Nacional.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Mateus Carvalho
    Mateus Carvalho
    Jornalista de profissão e apaixonado por Marketing Digital. Já foi redator de jornal impresso, atualmente escrevo para o digital e tenho sede por empreender. Escrever é a minha maior paixão e quando não estou digitando estou pensando em digitar. Carioca, vascaíno e apaixonado por memes.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioNotíciasEmpreendedorismoErros que podem excluir uma empresa do Simples Nacional

    Erros que podem excluir uma empresa do Simples Nacional

    0
    (0)

    Você sabia que existem diversos erros que podem acabar excluindo a sua empresa do Simples Nacional? Quando isso acontece, é necessário que a instituição entenda o que levou a perder esse regime de tributação.

    Publicidade

    Se você perde o Simples Nacional precisa se adaptar em outro modelo de empresa, e isso gera mais burocracia. Por esse motivo, é importante saber o que pode te levar a perder esse tributo.

    Dessa forma, é possível evitar futuras dores de cabeça. E quais são esses erros? É o que você vai descobrir durante este artigo!

    Simples Nacional: o que leva sua empresa a ser excluída?

    Para quem não sabe, a Receita Federal é quem realiza todo o processo de varredura, constantemente. O objetivo é procurar e identificar se as empresas estão ou não enquadradas da forma correta.

    O órgão trabalha em busca de irregularidades nas instituições. Quando isso acontece, é enviada uma carta notificando a exclusão da empresa por conta de alguma irregularidade encontrada pela Receita Federal.

    Pessoa escrevendo em um caderno e usando tablet
    É preciso estar atento aos requisitos para a sua empresa se enquadrar no Simples Nacional

    Isso acaba fazendo com que a empresa fique impedida de se manter no regime tributário do Simples Nacional, já que ela não está enquadrada no modelo por algum motivo.

    Publicidade

    É válido ressaltar que a sua empresa não é desvinculada assim que a irregularidade é encontrada. Pelo contrário, a carta enviada conta com um prazo para que você tenha a possibilidade de se regularizar perante a Receita. 

    Isso acaba possibilitando que você evite a exclusão da sua empresa do modelo do Simples Nacional.

    Quais são os principais motivos da exclusão?

    Agora que você já sabe o que leva uma empresa a ser excluída, chegou a hora de saber quais são os principais motivos. Isso vai te ajudar a ficar longe deles e evitar da sua empresa ser suspensa do Simples Nacional.

    Entre os principais motivos, podem ser citados: 

    • Dívidas
    • Limite de faturamento

    O ponto das dívidas é um dos mais importantes, já que uma empresa não pode ter pendência com a Receita Federal, caso contrário, será excluída do Simples Nacional. 

    Publicidade

    É sempre importante estar atento e procurar realizar quaisquer débitos. Além disso, fique sempre de olho também se a sua atividade ainda é permitida para participar no Simples Nacional. Algumas recentemente foram proibidas.

    + Pagamento do Simples Nacional com Pix: entenda como funciona
    + Como tirar o extrato do Simples Nacional?

    Limite de faturamento também é um ponto que pode te prejudicar nesses casos. Como você sabe, uma empresa não pode ultrapassar R$4,8 milhões anualmente. Caso contrário, é preciso alterar o regime. 

    Há, ainda, um outro ponto que pode te fazer ter a exclusão do Simples Nacional: um sócio PJ. Uma empresa não pode ter uma pessoa jurídica em sociedade, pois é retirada do regime.

    Qual é o benefício do Simples Nacional?

    O regime do Simples Nacional conta com diversos benefícios e vantagens. Entre eles, pode ser citada a simplificação na apuração dos valores – que é feita de acordo com a receita bruta, que é o faturamento, das empresas nos últimos 12 meses anteriores. 

    Publicidade

    + Simples Nacional: como fazer a contabilidade no primeiro ano da empresa

    Além disso, outro benefício é o recolhimento por meio de uma única guia, o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). Vale destacar que é por meio desse regime que se elimina uma série de obrigações acessórias. 

    Uma delas é o do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) – obrigações que não são exigidas para os optantes do regime. 

    Este conteúdo te ajudou? Então continue lendo sobre o assunto e veja o que é e como funciona o regime do Simples Nacional.

    O que achou disso?

    Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?