Saiba se é possível fazer PIX mesmo sem dinheiro na conta

0
1388
celular aberto na tela do cartão bradesco
0
(0)

Este ano o PIX, sistema de pagamento instantâneo do Banco Central, completa dois anos e já é uma das modalidades de pagamentos queridinha dos brasileiros. Mas, será que tem como fazer um PIX sem dinheiro na conta?

Anúncios

Na prática, o PIX chegou ao mercado para simplificar as transferências bancárias. Ao enviar uma quantia por meio desse sistema, o valor cai na hora na conta de quem está recebendo a transferência. Tudo isso sem precisar pagar nenhuma taxa, mesmo enviando dinheiro de um banco para outro.

O serviço fica disponível 24 horas por dia, sete dias na semana. Além de prático, o PIX também é mais seguro, visto que você só precisa fornecer sua chave para receber a transferência.

Anúncios

Essa chave pode ser aleatória, o número do CPF/CNPJ, o telefone ou e-mail. Cada pessoa física pode ser titular de até cinco chaves PIX. Para pessoas jurídicas, o limite são 20 chaves.

+ Fique alerta! Saiba como identificar um comprovante de PIX falso

uma pessoa segurando o celular
PIX sem dinheiro na conta já é uma realidade no Bradesco (Foto: Divulgação)

Mas afinal, posso fazer um PIX sem dinheiro na conta?

Em tese, para fazer um PIX você precisa ter dinheiro na conta para enviar a quantia a outro banco. Mas, o Bradesco anunciou recentemente que será possível fazer a transferência pelo sistema de pagamentos, mesmo estando sem saldo no banco.

Anúncios

A nova ferramenta será liberada aos poucos no aplicativo da instituição. A novidade será possível graças ao Open Finance, sistema que permite o compartilhamento de dados dos clientes, com consentimento prévio, entre instituições financeiras. 

Na prática, o cliente poderá fazer a transferência via PIX a partir do app do Bradesco, mas utilizando o saldo disponível na conta corrente de outro banco. Veja o passo a passo:

  1. Abra o aplicativo do Bradesco e selecione a opção “PIX”;
  2. Escolha para qual tipo de chave quer transferir e insira os dados de quem vai receber o valor;
  3. Insira o valor da transferência;
  4. Escolha se quer debitar da conta Bradesco ou da conta de outra instituição;
  5. Defina a segunda opção. Você será direcionado para o ambiente do outro banco, onde confirmará a transferência;
  6. Pronto! Você será redirecionado ao app do Bradesco, onde pode concluir a transferência.

A principal vantagem da novidade é garantir mais praticidade ao cliente.

“A implementação da nova funcionalidade vai proporcionar ainda mais conveniência aos nossos clientes para realizar suas transferências via PIX. A novidade é mais um atrativo que incentiva a adesão ao Open Finance”, disse Antonio Daissuke, Diretor de Conta Corrente e Cash Management do Bradesco, em nota.

+ Descubra se é possível fazer Pix para quem não tem chave cadastrada?

PIX Internacional em fase de testes

O Banco Central de Compensações Internacionais (BIS, na sigla em inglês) já está desenvolvendo o Nexus, sistema de pagamentos instantâneo semelhante ao PIX, mas internacional. 

O projeto está em fase de desenvolvimento e ainda não tem data de lançamento prevista. Até o momento, são realizados testes na sede do BIS, na Suíça.

De acordo com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, a decisão pelo Pix internacional foi tomada com base no sucesso do sistema nacional. O método de pagamento deve abranger 60 países. 

A ideia é integrar os países que já contam com sistemas instantâneos de pagamento próprios, reduzindo as taxas de câmbio para transferências internacionais. Ou seja, o sistema facilitará essas transações reduzindo a burocracia para enviar dinheiro para outro país. 

+ Descubra se é possível fazer PIX com cartão de crédito

Dentre os países que participarão da iniciativa, estão: Algeria, Argentina, Austrália, Austria, 

Bélgica, Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Canadá, Chile, China, Colômbia, Croácia, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia e Hong Kong.

Além deles, devem se envolver no projeto: Hungria, Islândia, Índia, Indonésia, Irlanda, Israel, Itália, Japão, Coréia, Kuwait, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malásia, México, Marrocos, Países Baixos, Nova Zelândia, Noruega, República de Macedonia do norte e Peru.

E ainda: Filipinas, Polônia, Portugal, Romênia, Rússia, Arábia Saudita, Sérvia, Singapura, Eslováquia, Eslovênia, África do Sul, Espanha, Suécia, Suíça, Tailândia, Turquia, Emirados Árabes Unidos, Inglaterra, Estados Unidos e Vietnã.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com os amigos para que ele possa chegar a mais pessoas!

Leia também no FinanceOne:

O que achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

Diga-nos, como podemos melhorar?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui