Início Notícias Economia Portabilidade da chave Pix: saiba como fazer

Portabilidade da chave Pix: saiba como fazer

0
(0)

Instantâneo e totalmente digital. O Pix é um meio para realizar pagamentos e transferências em até dez segundos utilizando uma chave Pix. Não há necessidade, por exemplo, de compartilhar todos os dados bancários e pessoais com uma pessoa.

As chaves do Pix podem ser CPF, CNPJ, número de telefone, e-mail ou chave aleatória, que é um código gerado pelo sistema.

+ Pix é melhor que TED e DOC para 60% dos brasileiros

Se você cadastrar seu e-mail como chave na conta X, por exemplo, só precisa informá-lo para receber um pagamento. Ou seja, com seu e-mail, a pessoa que vai te pagar já consegue fazer uma transferência para você via Pix. 

No entanto, uma mesma chave não pode ser registrada em contas diferentes.  

Cadastrou em uma conta e depois mudou de ideia? Não tem problema: você pode pedir a portabilidade de chaves. Continue a leitura para saber como pedir a portabilidade.

O que é a portabilidade da chave Pix?

A portabilidade é como transferir o vínculo de uma chave para uma outra conta. Por exemplo: se você cadastrou uma chave na conta X e deseja vinculá-la à conta Y, é possível fazer isso pedindo a portabilidade. 

Esse procedimento é importante para garantir liberdade aos usuários, caso alguém queira encerrar a conta ou deixar de usar determinado banco.

+ Pix: veja 7 erros que você não deve cometer

O Banco Central informou que monitora e supervisiona o processo de cadastro de chaves Pix para evitar irregularidades ou inscrições sem conscientização do cliente.

Além da portabilidade, há a reivindicação de chave. A reinvindicação é um procedimento parecido, mas ocorre quando alguém cadastra uma chave que pertence a um terceiro.

Quando um usuário solicita a reivindicação de chave, por exemplo, aquele que cadastrou tem sete dias para comprovar a posse da chave.

chave Pix
É possível fazer a portabilidade da chave Pix entre contas

Como fazer a portabilidade?

Antes de explicar o passo a passo de como fazer a portabilidade de chaves Pix, é necessário ressaltar que a portabilidade de chaves deve ser oferecida por todas as instituições financeiras que oferecem o novo método de pagamento instantâneo.

A portabilidade de chaves do Pix é simples e pode ser feita assim:

  1. O usuário deve pedir, diretamente no banco para onde deseja migrar suas chaves, a portabilidade daquelas que quiser migrar;
  2. Geralmente o pedido é feito no próprio aplicativo da instituição;
  3. Clique na opção do Pix, no app do banco ou fintech para o qual deseja levar a chave;
  4. Escolha a opção de cadastrar uma nova chave;
  5. Selecione a chave que deseja trazer e preencha as informações necessárias;
  6. Acesse o outro app do banco no qual a chave já está cadastrada e toque na opção da portabilidade que apareceu;
  7. Confirme a portabilidade.

Depois, o sistema do Banco Central será responsável por conectar as duas instituições e garantir que a portabilidade seja feita.

A instituição na qual a chave estava previamente registrada deverá enviar o pedido de confirmação da portabilidade em até dez minutos.

Após a sua confirmação, a instituição deverá concluir a portabilidade em até um minuto. Em seguida, você receberá uma notificação do banco para onde migrou sua chave informando que o pedido foi concluído.

Em resumo, depois que você confirmar o pedido de portabilidade de chaves, ela será concluída em até um minuto. Você terá até sete dias para fazer a confirmação.

Gostou do nosso texto? Então continue navegando no nosso site e leia agora mesmo: “boleto ou Pix? Entenda as vantagens e desvantagens de cada um” para entender ainda mais sobre o assunto!

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Seja o primeiro a avaliar este post.

Camila Miranda
Nascida na Zona Oeste do Rio, me divido entre jornalismo e marketing digital. Com três anos de experiência em Comunicação, já trabalhei em redação de jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Hoje, faço gestão de mídias sociais e produção de conteúdo. Amo assuntos sobre as áreas cultural e política. Reclamo do transporte público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui