Início Notícias Finanças Pessoais Qual a diferença do PIX para TED e DOC?

Qual a diferença do PIX para TED e DOC?

3.7
(3)

O Banco Central (BC) anunciou alguns meses atrás a criação do PIX, uma nova forma de pagamentos instantâneos e transferências online. De acordo com o BC, a nova modalidade de pagamento ficará disponível a partir de novembro.

Após o anúncio, muitas pessoas ficaram com dúvidas sobre o funcionamento do PIX e se há alguma diferença em relação ao TED e DOC.

Por isso, continue a leitura deste texto para você saber mais sobre PIX e as distinções entre TED e DOC, além de entender qual a melhor opção para o seu bolso.

Como funcionará o pagamento PIX?

De forma resumida, o PIX é um pagamento instantâneo e que funcionará todos os dias da semana por 24 horas.

Ou seja, será possível realizar pagamentos e receber dinheiro mesmo aos finais de semana e feriados. As transações, portanto, serão realizadas em tempo real.

Não haverá intermediação de terceiros. Por isso, o dinheiro sai de uma conta e vai diretamente para a outra. Os limites de valor serão definidos por cada instituição.

É como ocorre, atualmente, entre as transferências de contas de um mesmo banco, as quais podem ser feitas a qualquer momento.

O BC informou que as transações do PIX poderão ser realizadas de forma tradicional: informações do e-mail, CPF, CNJP ou número do celular, mas também será possível a leitura de QR Codes.

Neste caso, o usuário ou estabelecimento que receberá o valor terá que apresentar um QR Code, o qual poderá ser lido por qualquer celular.

Imagem que contém uma pessoa segurando um celular e apontando o mesmo para o QR Code para ilustrar o texto sobre as diferenças de PIX, DOC e TED
Pagamento instantâneo PIX poderá ser realizado através de QR Code

Cada tipo de QR Code terá um uso diferente:

  • QR Code estático será usado em múltiplas transações. Permitirá que seja definido um valor para o produto ou um valor pelo pagador. Ele será usado para transferências entre duas pessoas, por exemplo.
  • Já o QR Code dinâmico será mais adequado para pagamento de compras, uma vez que poderá apresentar informações diferentes.

Quais as diferenças desse pagamento para TED e DOC?

Será que vai mudar alguma coisa na hora de transferir o dinheiro? Qual a diferença? Qual é a melhor opção para mim?

Muitas pessoas estão com dúvidas de quais são as diferenças dessa forma de pagamento para TED e DOC? Se você quer saber quais são, continue a leitura deste texto.

Mas antes de apresentarmos as diferenças, vamos explicar o que significa TED e DOC.

TED é a abreviação para Transferência Eletrônica Disponível – e ela foi criada em 2002 pelo Banco Central. Essa transferência, no entanto, apresenta limitação de horário: pode ser realizada até 17 horas e apenas nos dias úteis.

Não existem valores mínimos de transferência nessa modalidade. O dinheiro cai, normalmente, em até 90 minutos após a transação.

Já o Documento de Ordem de Crédito, mais conhecido como DOC, é uma transação mais lenta. Por isso, cai na conta do destinatário após um dia útil. Se o dinheiro for transferido após às 22h, pode demorar um pouco mais o crédito em conta.

Além disso, o DOC tem limitação nas transações. Uma delas é que o máximo a ser transferido é de R$4.999,99.

As principais diferenças entre PIX, TED e DOC

Veja a tabela que montamos explicando as principais diferenças entre as transações financeiras:

QUEM ENVIA O DINHEIROQUEM RECEBE O DINHEIRODISPONIBILIDADE DO DINHEIROCOMO SERÁ O USO
PIXSerá necessário apenas uma chave do recebedor. Pode ser CPF, email ou QR CordeO dinheiro cairá na conta após poucos segundos de transferênciaQualquer dia e horárioDe forma geral, não há limite máximo de transferências
TEDÉ necessário saber os dados de quem você irá transferir, como número da agência e conta, CPF ou CNPJ, além do nome completoQuando feito dentro do horário, o dinheiro cai no mesmo diaSomente em dias úteis, geralmente entre 6h e 17h30O limite de transferências pode ser maior do que R$5 mil
DOCTambém é necessário conhecer e digitar os dados do recebedorDinheiro cai no dia seguinte, mas pode levar mais tempo caso seja feito após às 22hSomente em dias úteis, geralmente entre 6h e 17h30O valor máximo de transferência é de R$4.999,99

Viu, só? Agora ficou fácil entender quais as diferenças entre essas transações financeiras, não é?

Talvez você esteja em dúvida sobre qual é a melhor opção para você. Mas a nossa resposta é: vai depender de cada caso. Por isso, analise qual será a finalidade do dinheiro e também a urgência.

Se a pessoa precisar de uma transferência imediata, por exemplo, por conta de alguma emergência, talvez seja melhor realizar o PIX, uma vez que o dinheiro estará na conta imediatamente.

Gostou do nosso texto sobre PIX, TED e DOC? Achou ele bom? Então compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outras pessoas a dominarem o assunto!

O que achou disso?

Deixei sua classificação

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 3

Seja o primeiro a avaliar este post.

Camila Miranda
Nascida na Zona Oeste do Rio, me divido entre jornalismo e marketing digital. Com três anos de experiência em Comunicação, já trabalhei em redação de jornal impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Hoje, faço gestão de mídias sociais e produção de conteúdo. Amo assuntos sobre as áreas cultural e política. Reclamo do transporte público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

10 corretoras de confiança para investir

Escolher uma corretora de confiança para investir não é uma tarefa fácil. O primeiro passo é verificar se a instituição é cadastrada...

Auxílio residual de R$300: governo divulga calendário

O Ministério da Cidadania divulgou o calendário de pagamentos referente ao auxílio residual das parcelas de R$300. Os pagamentos serão para os...

Como conquistar a independência financeira em 5 anos?

Muitas pessoas querem conquistar a independência financeira, mas será que elas sabem, de fato, o que significa ser financeiramente independente?

SPC: como consultar CPF e nome sujo

A expressão “nome sujo” faz surgir calafrios em muitos consumidores e estar com o nome no SPC é, certamente, um dos medos de quem...

Renda Cidadã: governo anuncia programa para substituir Bolsa Família

O governo do presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira, 28, o novo programa de transferência de renda: o Renda Cidadã, que vai...

IR 2020: caiu na malha fina? Saiba como regularizar a situação

Se você não teve a declaração do Imposto de Renda 2020 liberada até o último lote da restituição, é bem provável que...