Cursos que transformam sua vida financeira
Mais
    InícioColunistasQuem é e onde está Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin?

    Quem é e onde está Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin?

    5
    (6)

    Se você vive no planeta Terra e possui conexão com a internet, com certeza já ouviu falar do Bitcoin. O ativo digital já virou assunto rotineiro e muito provavelmente será um dos temas nas mesas de natal em 2021.

    Publicidade

    Quando se trata de um tema que chama tanta atenção, sempre fica a curiosidade, mas quem está por trás disso? A resposta de qualquer especialista vai te levar a Satoshi Nakamoto. Mas quem é essa figura e onde se encontra?

    A resposta rápida é que a identidade de Satoshi continua sendo misteriosa, mas vamos a um pequeno histórico sobre este mistério.

    Em outubro de 2008, Satoshi publicou um artigo se apresentando e demonstrando a tecnologia que o Bitcoin seria rodado, conhecida como blockchain, que significa um sistema impossível de ser invadido e onde todas as movimentações são rastreadas e comprovadas por uma rede infinita de computadores.

    Em janeiro de 2009, Satoshi realizou a primeira transação de Bitcoins, dele para um programador americano chamado Hal Finney, no valor de 50 Bitcoins.

    Hal Finney faleceu em 2014. Existem rumores que indicam que ele possa ser o próprio Satoshi Nakamoto, o que nunca foi provado ou confirmado por ele ou sua família. Em abril de 2011, Satoshi envia seus últimos e-mails para desenvolvedores, informando que ele estaria focando em outros projetos. Desde então, nenhum sinal dele.

    Publicidade

    Ao longo da última década houve muitos autoproclamados Satoshi Nakamotos, porém nenhum deles conseguiu provar que era de fato o misterioso criador. Cada vez são mais raros e fica cada vez mais difícil para os farsantes provarem que de fato são essa figura.

    Bitcoin e o curioso caso de Dorian Nakamoto

    Há também o caso curioso de Dorian Nakamoto. Em 2014, a revista Newsweek publicou que o provável fundador do Bitcoin seria um engenheiro californiano de nome Dorian Satoshi Nakamoto.

    Após a publicação, a casa do engenheiro foi inundada de repórteres e jornalistas para ouvirem as palavras dele. Dorian, confuso com a situação acabou dando uma resposta que colocou ainda mais gasolina na chama, a sua primeira resposta aos microfones foi “Eu não estou mais envolvido com isso”, dando a entender que em algum momento esteve envolvido no projeto.

    Pessoa segurando uma moeda de bitcoin
    O criador por trás do Bitcoin é cercado de mistérios e indefinições

    Dias depois, Dorian informou ao mundo que jamais teve qualquer ligação com o projeto do Bitcoin. Todo este circo causado pela imprensa rendeu excelentes doações a Dorian, que tendo sua privacidade invadida, contou com a boa ação da comunidade interessada na criptomoeda.

    Publicidade

    Ele recebeu uma doação de 100 Bitcoins. Supondo que Dorian segurou suas moedas, hoje o valor equivale a mais ou menos 30 milhões de reais, nada mal. Dorian continua sendo a “imagem” do criador do bitcoin, basta jogar o nome dele no Google imagens para ver.

    Saberemos a verdadeira identidade do criador do Bitcoin?

    Acredito que nunca saberemos a identidade real do criador do Bitcoin. Satoshi ou está olhando para tudo o que vem acontecendo com o Bitcoin como o pai ou criador de algo revolucionário e se mantendo calado por pura genialidade ou não está mais entre nós, o que acredito ser mais provável dada a falta de movimentação na sua carteira.

    O que sabemos é que esta entidade misteriosa criou algo que mudará as nossas vidas para sempre, seja através do ativo Bitcoin, seja através da tecnologia blockchain que já é utilizada em diversos outros projetos, incluindo a rede Ethereum e a maioria dos mercados de NFT (non-fungible token).

    Satoshi criou o Bitcoin e o blockchain há 13 anos, ou seja, a tecnologia acabou de alcançar a sua adolescência e ainda tem muito a conquistar e evoluir, se compararmos a adesão desta tecnologia com a adesão da internet que surgiu nos anos 60 e só foi amplamente adotada a partir dos anos 90.

    Estamos ainda no começo da revolução dos ativos digitais e da tecnologia por trás deles.

    Publicidade

    Conheça Renato Carvalho, colunista do FinanceOne

    Com vasto conhecimento sobre o mercado de moedas digitais, Renato Carvalho é o novo colunista do FinanceOne. Semanalmente, ele trará informações importantes sobre criptomoedas. Fique de olho!

    Renato é administrador com experiência como executivo do setor de educação internacional e empresas de consultoria empresarial e auditoria “BIG 4”.

    Investidor de renda variável desde sua adolescência, produz conteúdo de educação financeira, mostrando o que faz com o seu próprio dinheiro “skin in the game”. Especialista em criptoativos e negócios disruptivos.

    É Bacharel em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Université Libre de Bruxelles (Bélgica) e mestre em Administração pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC).

    Leia também os textos de:

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 6

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?

    Renato Carvalho
    Renato Carvalho
    Renato é administrador com experiência como executivo do setor de educação internacional e empresas de consultoria empresarial e auditoria “BIG 4”. Investidor de renda variável desde sua adolescência, produz conteúdo de educação financeira, mostrando o que faz com o seu próprio dinheiro “skin in the game”. Especialista em criptoativos e negócios disruptivos.

    Artigos Relacionados

    Assine nossa newsletter!

    Páginas Populares

    1 COMENTÁRIO

    1. O nome da solução apresentada por Satoshi Nakamoto é

      “BITCOIN: A Peer to Peer Eletronic Cash System”.

      Satoshi nunca falou em “blockchain”. Isso é conversa de shitcoiners.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    InícioColunistasQuem é e onde está Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin?

    Quem é e onde está Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin?

    5
    (6)

    Se você vive no planeta Terra e possui conexão com a internet, com certeza já ouviu falar do Bitcoin. O ativo digital já virou assunto rotineiro e muito provavelmente será um dos temas nas mesas de natal em 2021.

    Publicidade

    Quando se trata de um tema que chama tanta atenção, sempre fica a curiosidade, mas quem está por trás disso? A resposta de qualquer especialista vai te levar a Satoshi Nakamoto. Mas quem é essa figura e onde se encontra?

    A resposta rápida é que a identidade de Satoshi continua sendo misteriosa, mas vamos a um pequeno histórico sobre este mistério.

    Em outubro de 2008, Satoshi publicou um artigo se apresentando e demonstrando a tecnologia que o Bitcoin seria rodado, conhecida como blockchain, que significa um sistema impossível de ser invadido e onde todas as movimentações são rastreadas e comprovadas por uma rede infinita de computadores.

    Em janeiro de 2009, Satoshi realizou a primeira transação de Bitcoins, dele para um programador americano chamado Hal Finney, no valor de 50 Bitcoins.

    Hal Finney faleceu em 2014. Existem rumores que indicam que ele possa ser o próprio Satoshi Nakamoto, o que nunca foi provado ou confirmado por ele ou sua família. Em abril de 2011, Satoshi envia seus últimos e-mails para desenvolvedores, informando que ele estaria focando em outros projetos. Desde então, nenhum sinal dele.

    Publicidade

    Ao longo da última década houve muitos autoproclamados Satoshi Nakamotos, porém nenhum deles conseguiu provar que era de fato o misterioso criador. Cada vez são mais raros e fica cada vez mais difícil para os farsantes provarem que de fato são essa figura.

    Bitcoin e o curioso caso de Dorian Nakamoto

    Há também o caso curioso de Dorian Nakamoto. Em 2014, a revista Newsweek publicou que o provável fundador do Bitcoin seria um engenheiro californiano de nome Dorian Satoshi Nakamoto.

    Após a publicação, a casa do engenheiro foi inundada de repórteres e jornalistas para ouvirem as palavras dele. Dorian, confuso com a situação acabou dando uma resposta que colocou ainda mais gasolina na chama, a sua primeira resposta aos microfones foi “Eu não estou mais envolvido com isso”, dando a entender que em algum momento esteve envolvido no projeto.

    Pessoa segurando uma moeda de bitcoin
    O criador por trás do Bitcoin é cercado de mistérios e indefinições

    Dias depois, Dorian informou ao mundo que jamais teve qualquer ligação com o projeto do Bitcoin. Todo este circo causado pela imprensa rendeu excelentes doações a Dorian, que tendo sua privacidade invadida, contou com a boa ação da comunidade interessada na criptomoeda.

    Publicidade

    Ele recebeu uma doação de 100 Bitcoins. Supondo que Dorian segurou suas moedas, hoje o valor equivale a mais ou menos 30 milhões de reais, nada mal. Dorian continua sendo a “imagem” do criador do bitcoin, basta jogar o nome dele no Google imagens para ver.

    Saberemos a verdadeira identidade do criador do Bitcoin?

    Acredito que nunca saberemos a identidade real do criador do Bitcoin. Satoshi ou está olhando para tudo o que vem acontecendo com o Bitcoin como o pai ou criador de algo revolucionário e se mantendo calado por pura genialidade ou não está mais entre nós, o que acredito ser mais provável dada a falta de movimentação na sua carteira.

    O que sabemos é que esta entidade misteriosa criou algo que mudará as nossas vidas para sempre, seja através do ativo Bitcoin, seja através da tecnologia blockchain que já é utilizada em diversos outros projetos, incluindo a rede Ethereum e a maioria dos mercados de NFT (non-fungible token).

    Satoshi criou o Bitcoin e o blockchain há 13 anos, ou seja, a tecnologia acabou de alcançar a sua adolescência e ainda tem muito a conquistar e evoluir, se compararmos a adesão desta tecnologia com a adesão da internet que surgiu nos anos 60 e só foi amplamente adotada a partir dos anos 90.

    Estamos ainda no começo da revolução dos ativos digitais e da tecnologia por trás deles.

    Publicidade

    Conheça Renato Carvalho, colunista do FinanceOne

    Com vasto conhecimento sobre o mercado de moedas digitais, Renato Carvalho é o novo colunista do FinanceOne. Semanalmente, ele trará informações importantes sobre criptomoedas. Fique de olho!

    Renato é administrador com experiência como executivo do setor de educação internacional e empresas de consultoria empresarial e auditoria “BIG 4”.

    Investidor de renda variável desde sua adolescência, produz conteúdo de educação financeira, mostrando o que faz com o seu próprio dinheiro “skin in the game”. Especialista em criptoativos e negócios disruptivos.

    É Bacharel em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Université Libre de Bruxelles (Bélgica) e mestre em Administração pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC).

    Leia também os textos de:

    O que achou disso?

    Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 6

    Seja o primeiro a avaliar este post.

    Lamentamos que este assunto não tenha sido útil para você!

    Diga-nos, como podemos melhorar?